Artigo “The Professional Huna Healer” – Autor Thomas Lani Stucker

“Thomas (Kahuna Lani) Stucker, um dos poucos estudantes pessoais do Kahuna Max [Max Freedom Long], considerava a si mesmo ser o primeiro praticante profissional de Huna. Kahuna Lani estudou o material nos Boletins e rastreou os fundadores da Tradição Huna e reuniu isso tudo. Ele dedicou a sua vida a servir os necessitados em todo o mundo, usando a Huna para ajudar a melhorar a qualidade de suas vidas. Kahuna Lani fundou o Huna Heiau (templo) com base nos princípios Huna para ajudar as pessoas a viver uma vida útil e sem sofrimento. Ele restabeleceu o Grande Ritual da Oração da Huna do Kahuna Max, o Grupo de Cura [Healing] Mútua Telepática (TMHG), que continua [na ocasião em que o artigo foi escrito] a ser rezado diariamente pelos membros do Huna Heiau.” Fonte: https://www.maxfreedomlong.com/other-huna-luminaries/

Artigo completo em inglês no site: https://www.maxfreedomlong.com/articles/kahuna-lani/the-professional-huna-healer/

Tradução livre Projeto OREM® – Observações nossas entre [ ].

“Esse é um relato do meu trabalho como curador Huna profissional. Eu tenho começado esse artigo várias vezes. Originalmente, eu tinha pensado em delinear o desenvolvimento das Práticas de Cura [Healing] Huna sob a orientação de nosso fundador, Max Freedom Long; mostrar as diferenças consideráveis ​​entre a abordagem Huna e a abordagem metafísica; descrever a razão pela qual Max rejeitou as práticas metafísicas de canalização, etc.; descrever alguns dos aspectos dos cinco a dez anos de treinamento necessários para aplicar as práticas de cura [healing] Huna. Bem, pode ser um livro interessante em algum momento. Finalmente eu tenho chegado a uma abordagem mais simples para começar esse artigo. Eu irei caminhar com você através do meu programa de cura [healing] padrão de seis semanas.

Por favor, tenha em mente que esse é o sistema a que eu tenho alcançado, através da experiência e do meu estudo sobre a Huna. Se houver outros curadores Huna profissionais, o sistema deles, sem dúvida, será bem diferente.

…continuação da Parte II…

Um Caso Mais Complexo

Considerações Profissionais

Alta Magia vs. Baixa Magia

Max define Alta Magia como envolvendo o Aumakua [Mana Loa], geralmente através do uso de Formas-Oração. E Baixa Magia como o uso dos recursos não materiais dos dois eus inferiores, principalmente Mana [Unihipili] e Mana-Mana [Uhane].

Eu uso FormasOração de vez em quando em minha vida pessoal e tenho um bom relacionamento com o meu Aumakua. Mas a Alta Magia tem pouco ou nenhum lugar na Cura [Healing] Huna Profissional. Se as pessoas saíssem de um programa em intervalos de seis semanas e eu trabalhasse oito ou dez horas por dia, seis dias por semana, eu teria quarenta e oito transitórios a qualquer momento. Nesse ponto, eu posso ter outro Terapeuta de Massagem para fazer a Massagem Sueca. São trezentas e oitenta e quatro pessoas desesperadas por ano, arrancadas de sua ruína pessoal.

A oração mais poderosa para a cura [healing] em Huna é a Oração Ritual TMHG [Telepathic Mutual Healing Group (Grupo de Cura Mútua Telepática)]. Eu não consideraria nenhuma outra para fins de cura [healing]. Max especifica que duas ou mais orações da mesma natureza não podem ser efetivamente combinadas, que elas têm que ser separadas em Formas-Oração separadas. Isso leva de oito a doze minutos para completar uma Forma-Oração. Com alguns minutos para coisas como ir ao banheiro, etc., você pode fazer uma média de quinze minutos por oração eficaz. Quarenta e oito transitórios equivalem a doze horas por dia de oração, sete dias por semana. Ou então você tem que diminuir a carga do cliente. O que significa que menos pessoas serão ajudadas – só porque você usa Alta Magia em vez de Baixa Magia.

Você não teria tempo para viver para si mesmo.

Além disso, uma pessoa pode pagar uma taxa razoável se sentir que está recebendo algo concreto em troca, mas quantas pessoas irão pagar $ 30,00 ou $ 50,00 por semana para receber oração, independentemente do fato de que podem se recuperar de suas doenças?

Tratamento À Distância vs. Tratamento Presencial

Huna tem uma forma de tratamento à distância descoberta por Max Freedom Long por acidente. Isso envolve o reparo do aka kino da pessoa que foi destruído pela doença. Ao testá-la, eu descobri que tem cerca de um décimo do efeito de uma infusão direta de Mana nos tecidos. No entanto, para ser franco, eu não tenho dedicado tempo para desenvolver habilidade suficiente na técnica para dar uma chance justa. Ninguém pagará a você uma taxa razoável para reparar os seus efeitos de doença. E o aka kino se repara quando a doença desaparece.

Eu a tenho usado em minha vida pessoal ao tratar entes queridos aos quais eu não tenho conseguido falar imediatamente. Para fazer um trabalho competente, você deve adicionar a ele a Oração Ritual TMHG [Telepathic Mutual Healing Group (Grupo de Cura Mútua Telepática)]. Nesse ponto, você está levando meia hora por dia por cliente.

Efeitos de Atitudes Cooperativas (Positivas) e Não Cooperativas (Céticas/Negativas) por Parte do Transitório

Enquanto o transitório cumpre os seus compromissos e toma os Remédios dele quatro vezes ao dia, as suas crenças e atitudes e convicções não fazem nenhuma diferença. Ele será curado [healed]. Ele não pode evitar isso.

O único problema que eu tenho com as atitudes é tentar curar [heal] Sensitivos (Paranormais) ou em fazer uma demonstração pública onde um Sensitivo está presente. Eles jogam energia em seu cliente de maneiras esquisitas e estranhas, em um esforço para ajudá-lo a fazer a sua cura [healing]. Tudo o que eles conseguem é perturbar o controle preciso sobre o qual repousam as práticas de cura [healing] Huna e sobre as quais eles nada sabem.

Se o seu transitório for um Sensitivo, ele ou ela tentará capturar a sua Mana a partir de você e controlá-la. A única chance que você tem é fazer com que alguém os distraia fazendo cócegas ou contando piadas, enquanto você faz o tratamento, ou afastá-los para que eles fiquem menos inclinados a tentar ajudar você. Algo como ‘Qualquer um que acredita em karma ou é estúpido ou é incompetente’ geralmente é suficiente.[?]

Normalmente, você não deve afastar o seu transitório a ponto de ele interromper o tratamento, não conseguir ser curado [healed] ou se recusar a pagar os seus honorários.

Você também encontrará pessoas de tempos em tempos com as quais não consegue trabalhar. Isso é executado em uma das leis da Radiestesia, claramente estabelecida pelo nosso Huna Kupuna, Verne Cameron. Basicamente, você não pode fazer a sua Unihipili fazer nada que ela não saiba fazer (daí a necessidade de treinamento) e você não pode fazer a sua Unihipili fazer nada que ela não sinta necessidade de fazer (daí o frequente fracasso de profissionais Radiestesistas para localizar objetos em Parlor Games*). Já que a Huna se recusa a acreditar no Amor incondicional por uma forma menos corruptora e prática na Terra, é necessário desenvolver um amor que desperte em você a necessidade de ajudar a pessoa que vem até você. Ou você simplesmente não será eficaz. Se você não conseguir encontrar nada para amar em seu transitório, não poderá ajudá-lo.

* Parlor Games = jogos de salão na Europa da era Vitoriana.

Honorários

A experimentação do Huna Kupuna A. L. Kitselman demonstrou conclusivamente que os Aumakuas não ajudarão um praticante profissional a menos que o praticante receba um honorário razoável. Eu até cobro um honorário simbólico para a minha mãe, irmã e sobrinhos quando eu trabalho com eles profissionalmente, embora eu lhes desse qualquer coisa que tivesse, se precisassem. Os Aumakuas simplesmente não irão ajudá-lo em sua autodestruição. A cura [healing] é custosa para você. Max Freedom Long aponta isso.

É muito surpreendente para mim que o pessoal Metafísico tenha tantos problemas com o conceito de trabalho honroso pago. Eu suponho que seja por causa de sua propensão a não reivindicar nenhuma responsabilidade pessoal por seu esforço, por ex. talento, dom, etc. e também culpando qualquer falha na cabeça desafortunada do cliente.

Mas nada de bom resultou disso. Eu me lembro de ir a uma palestra dada por um Curador [Healer] Magnético. Eu posso entender por que ele não reivindicou nenhuma responsabilidade pessoal pelo desenvolvimento de seu talento para a cura [healing], já que apenas teve de cair de uma escada, bater com a cabeça e entrar em coma. Quando ele se recuperou, ele podia curar [heal]. Felizmente, as técnicas da Huna não requerem um treinamento tão drástico. Atualmente, ele tinha uma lista de espera de dezoito meses. Pessoas morreram enquanto esperavam. Ele disse que não curava [he didn’t heal] mais animais, por causa disso. Ele tem uma tigelinha ao lado da porta para doações. Ele ganha em média um dólar e meio por hora em doações. A sua esposa o apoia.

Ele atende a todas as pessoas por ordem de chegada. Ele trata pessoas com doenças desconfortáveis ​​enquanto pessoas que pagariam a ele para não morrerem, morrem. Claramente, seria melhor cobrar uma taxa alta o suficiente para reduzir a sua lista de espera para um mês ou mais. Ele ficaria mais feliz, a sua esposa definitivamente ficaria mais feliz, os seus clientes ficariam mais felizes, sabendo que os atendimentos custariam então e automaticamente ele estaria lidando com os casos mais graves primeiro.

Enquanto eu estou na tangente das coisas que me surpreendem, eu posso acrescentar a maneira como as pessoas exageram nas coisas e depois as transmitem como fatos. Por exemplo, o trabalho do Dr. Simonton sobre meditação em conjunto com casos de câncer terminal. Ao ouvir as pessoas que mencionam isso em minhas palestras, quando aponto que a Unihipili não cria todas as doenças, você pensaria que ele teve um sucesso notável com o seu programa. É notável apenas no sentido científico estrito – 88% de seus clientes morrem! E eles continuavam com todas as formas de tratamentos médicos disponíveis para eles. Dr. Simonton acrescentou formas específicas de meditação para os tratamentos que eles já estavam recebendo.

Agora, se eu estivesse morrendo de câncer, eu faria isso. Entretanto, quanto a provar que a mente tem um papel significativo na produção do câncer, esqueça. Você compraria um carro com 88% de chance de não funcionar? Se o Dr. Simonton não fosse um Doutor em Medicina, ele estaria fora do mercado.

Você supõe que qualquer Kahuna Polinésio teria entrado na fogueira se a Oração de caminhada no Fogo [Fire-walking Prayer] funcionasse apenas 12% do tempo?

Isto é o que eu estou cobrando atualmente pelo programa de seis semanas:

• Entrevista Inicial, incluindo varredura por Reflexão de Mana (depois que todo o Programa for explicado em detalhes, o potencial transitório poderá retirar-se com a cobrança pelo tempo utilizado), uma hora, $ 20,00

• Combinação de Massagem Sueca e Tratamento de Cura [Healing] Huna (US$ 50,00 para cada sessão de 1 hora e meia), seis tratamentos US$ 300,00

Florais de Bach (Aconselhamento e Preparações), duas horas a US$ 30,00 cada US$ 60,00

Análise Psicométrica [A.P.] $ 30,00

Avaliação Oral de A.P. $ 10,00

Entrevista de Avaliação Final $ 20,00

• Custo Total $ 440,00

Alguns casos não respondem tão rápido quanto outros e requerem mais tratamentos.

Há um desconto de 10% para pagamento integral adiantado. Ao agendar o meu tempo, amigos e parentes (invariável: amigos e família) vêm em primeiro lugar, as pessoas que estudam e apoiam Huna vêm em segundo lugar e o público em geral vem em terceiro.

Curas [Healings] Extraordinárias

Isso nunca me ocorreu que havia uma classe de curas [healings] que eu faço que são curas [healings] instantâneas até que alguém em uma de minhas palestras apontou isso para mim. Max sempre esperou que algum dia alguém aprendesse a replicar as curas [healings] lendárias dos antigos Kahunas Havaianos. Ai de mim! Eu não sei como fazer isso.

Olhando para trás, eu suponho que sejam um pouco impressionantes, se você nunca os encontrou antes. Mas para mim eles são apenas um tipo divertido de Parlor Game mágico.

Eu estava treinando um jovem homem em cura [healing] (que estudou por seis meses antes de perceber que poderia ganhar mais dinheiro projetando sistemas eletromecânicos). Bem em seu escritório, ele ficou preocupado que eu pudesse estar iludido em minha devoção à Huna e queria uma demonstração de poder para convencê-lo de que isso era real. Bem, eu não sei quanto a você, mas eu tive dificuldade em apresentar uma demonstração de poder, em um piscar de olhos, que fosse forte o suficiente para convencer um Racionalista/Agnóstico cético.

Você já quebrou a sua unha do dedo polegar? Ao contrário da maioria das feridas, uma unha quebrada começa a latejar imediatamente. Isso lhe impede de dormir. A dor – uma dor profunda e latejante – pode durar uma semana ou mais. No entanto, a dor é totalmente desproporcional ao dano real ao tecido. Ele tinha me ouvido contar muitas histórias de minhas curas [healings] e outras experiências; até conhecia pessoas em quem confiava que eu havia curado [healed], embora ele persistia em suas dúvidas.

Depois de alguma consideração, eu disse a ele para ter a coragem de descobrir por si mesmo se o que eu estava ensinando a ele era assim e simplesmente colocar o polegar na porta do carro e fechá-la (os HRAs são tão práticos, você não pensa assim?). Ele disse que ia pensar no assunto e eu continuei com a aula.

Na semana seguinte, ele apareceu para a aula. Depois de eu ter feito um café para ele, sentei e acendi o meu cachimbo, ele explicou que antes de vir para a aula havia quebrado o polegar com um martelo. Para ter certeza absoluta, ele o atingiu com uma barra de metal que tinha em seu carro, pouco antes de entrar. (Encontro muito poucas pessoas dispostas a ir a qualquer extremo para descobrir a verdade.) Ele sugeriu que eu poderia achar conveniente tentar a cura [healing] antes de continuar com a aula, pois a dor intensa dificultava a atenção dele.

Dois minutos de tratamento parou toda a dor. A hemorragia interna havia cessado. O inchaço desapareceu. Tudo o que restou foi uma pequena linha rosa em forma de Y subindo pela unha do polegar. Se ele pressionasse diretamente a unha (o que fazia repetidamente, sem acreditar muito em seus sentidos), ela ficava um pouco sensível, mas não sentia dor. Na manhã seguinte, tudo o que restava era a memória.

Quando eu cheguei à agência de viagens para pegar as minhas passagens para a Huna Conference no Havaí, eu percebi que a secretária estava com problemas para digitar. Eu perguntei a ela o que havia de errado e ela me disse que havia deixado cair uma tora no dedo naquela manhã. Ela tinha ido ao médico e ele confirmou que estava quebrado. Ele disse a ela que, como era a falange distal que estava quebrada, nenhuma tala ou gesso seria necessário.

Com muita apreensão de sua parte, ela me deixou segurá-lo. Em dois minutos, não havia dor. O sangue negro sob a sua unha havia quase desaparecido. Todo o inchaço desapareceu. O latejar havia desaparecido. Cinco minutos depois que eu comecei, ela estava usando aquele dedo para digitar. Ela me disse quando eu voltei que na manhã seguinte, todo o sangue havia sumido. Depois que eu tinha tocado ela, não houve nem uma reclamação sobre o osso quebrado.

Depois que eu tinha começado a desenvolver uma pequena reputação na área de Los Angeles, eu fui contatado pelo Diretor do Holmes Center for Research in Holistic Healing, a principal organização financiadora do país para projetos de pesquisa em Cura [Healing] Alternativa. O Diretor queria me entrevistar. Eu queria ser cobaia de algum pesquisador. Eu poderia ter um pouco de publicidade. Ai de mim, parecia que quando fui abordado, o pesquisador já tinha uma cobaia para estudar, então isso não deu certo.

Chegando lá, eu notei que a secretária deles estava calçando apenas um único sapato (eu gosto de secretárias, sempre quis ter uma só para mim) e fiz uma piada sobre isso (uma lamentável característica Sagitariana, mas aí está). Ela me disse que não era engraçado, que havia quebrado o dedão do pé naquela manhã contra os tijolos em frente à lareira. O pé dela inchou tanto que ela teve que tirar o sapato e continuou a inchar, de modo que ela não conseguia calçar o sapato novamente. Ela obviamente estava com muita dor.

Cinco minutos depois eu estava conversando com outro executivo do Centro. Ela me disse que também era curadora [healer]. Nesse ponto, a secretária entrou correndo no escritório, com os dois sapatos calçados, sem dor e inchaço, é claro.

A executiva me perguntou se todas as minhas curas [healings] foram tão rápidas; ela ficou surpresa. Eu expliquei que leva cerca de seis semanas para curar a Artrite, etc.

Ela então me mostrou as suas mãos artríticas e explicou que o professor dela havia explicado que todos os Curadores [Healers] têm Mãos Artríticas. Eu ri e disse a ela que ela estava estudando com o professor errado e com o sistema errado, no entanto que eu ficaria feliz em remover a sua Artrite se ela me ligasse e marcasse uma consulta.

Ela nunca ligou.

Eu fui visitar a minha mãe. Depois de quinze minutos ou mais, eu notei que durante todo o tempo ela não moveu a mão, que mantinha em um ângulo estranho. Eu perguntei a ela o que estava errado.

Ela me disse que no dia anterior tinha saído com a minha irmã e a minha sobrinha. Ao chegar em casa, ela tentou abrir a porta do carro, ainda segurando o bebê. A maçaneta interna estava quebrada, então ela teve que estender a mão para a maçaneta externa, apertar o botão e ao mesmo tempo puxar a maçaneta. Ela sentiu uma onda repentina de dor quando deslocou o polegar.

Quando eu a examinei, eu vi que o seu pulso estava inchado com o dobro do tamanho normal e a ulna parecia deslocada. Trinta segundos depois ela estava sem dor; dois minutos depois, todo o inchaço (aumentando em tamanho) havia desaparecido. Os ossos voltaram ao seu lugar natural.

Eu recebi um telefonema de uma jovem que eu conheço. O marido dela, que era dono de seu próprio negócio, aparentemente estava sofrendo um ataque cardíaco e se recusou a ir ao hospital. Ela queria que eu tentasse convencê-lo a ir, ou fazer o que eu pudesse.

Quando eu cheguei lá, ele havia conseguido se levantar do chão, onde ele havia ficado enquanto a dor era forte demais para permitir que ele se levantasse. Ele tinha uma agonia intensa no peito e descendo pelo braço esquerdo. Ele não conseguia recuperar o fôlego e sentia náuseas.

Eu tentei convencê-lo a ir ao hospital, entretanto, ele continuou a recusar – ele não confiava nos médicos e ele tinha tido que abrir mão do seguro, pois o negócio estava muito lento para sustentá-lo.

Eu lhe dei quatro gotas de Rescue Remedy debaixo da língua, para tirar o choque e quatro gotas de Agrimony, o remédio específico para tortura física. Eu então dei a ele uma grande infusão de Mana diretamente em seu coração. Por Reflexão de Mana, eu fui capaz de detectar um segmento de tecido cardíaco morrendo. Eu presumi que isso foi causado por algum tipo de oclusão coronária.

Eu repeti isso dez minutos depois. Nesse ponto, exceto por alguma exaustão, ele estava completamente recuperado e todos nós saímos para um jantar Chinês. Naquela noite eu voltei e dei a ele outro tratamento e um frasco de Remédios para tomar. Nunca houve qualquer outro problema.

Eu darei mais um exemplo de natureza ligeiramente diferente. Eu fui abordado por um senhor que não tinha nada de errado com ele. Ele queria que eu fizesse curas [healings] preventivas. Eu lhe assegurei que tal coisa não era possível. Ele é um Corretor da Bolsa e poderia pagar os meus honorários facilmente. Ele era de meia-idade e, para se manter, ele tinha que estar em constante competição com homens mais jovens. Isso envolvia não apenas o trabalho dele, mas esperava-se que ele jogasse tênis com os seus colegas mais jovens. Ultimamente ele tinha começado a perder. Ele também estava sob muito estresse.

Eu considerei o problema ético de aceitar dinheiro quando eu não acreditava que pudesse fazer coisa alguma por ele, mas ele insistiu. Pelo menos eu poderia ensinar a ele algumas técnicas simples de relaxamento. Então eu concordei.

Só para eu sentir que estava ganhando o meu dinheiro, eu dei a ele uma infusão de Mana em seu coração. Eu não pensei que isso faria algum bem, mas isso não faria mal.

A Mana infundida em um órgão saudável não deveria ter efeito, mas depois de quatro semanas ele relatou que a sua resistência cardiovascular havia aumentado a ponto de ele não ficar mais sem fôlego após as suas partidas diárias de tênis. Depois de seis semanas, ele relatou que estava ganhando no tênis e que havia conquistado um novo respeito de seus colegas.

Eu ainda não sei o que aconteceu lá. Um caso não é suficiente para construir uma teoria. No entanto, é interessante especular. Eu estou esperando que apareça outra pessoa que só queira enturmar-se (informal: socializar) com um curador [healer]. Isso deve ser interessante.

Descobertas

Usando os métodos acima, eu tenho curado [cured] com regularidade o seguinte: artrite, insuficiência renal (a não ser que isso exija diálise), certos tipos de insuficiência cardíaca (excluindo taquicardia e insuficiência cardíaca congestiva, para o meu grande pesar) e, claro, nervos rompidos, músculos rasgados, etc.

Experimentos Contínuos

Atualmente eu estou explorando as possibilidades de curar [curing] o diabetes. Se a Huna, pelo que eu entendi, pode ou não curar [cure] o diabetes de forma confiável, depende da patologia teórica do Dr. Atkins (famoso pela Diet Revolution). A Ciência Médica não tem a menor ideia do que inicia o diabetes; permanece um mistério. O Dr. Atkins acredita que o açúcar ataca o pâncreas, causando o que equivale a uma contusão (marca no corpo). Isso deixa o pâncreas mais sensível ao açúcar. A ingestão contínua de açúcar faz com que ele libere muita insulina (hipoglicemia). O ciclo dele continua até que o pâncreas esteja totalmente esgotado, momento em que desiste e não produz mais insulina em absoluto.

Claro, isso pode ser que a teoria do Dr. Atkins esteja incorreta, ou que, em qualquer caso, o pâncreas não responda às Modalidades Huna. No entanto, o experimento pode se provar interessante.

Restrições

Eu fui questionado sobre uma questão interessante por um dos membros da Fellowship of Universal Guidance, que sediou o Los Angeles Huna Seminar no ano passado. Eu estava conversando com Wayne Guthrie, enquanto o membro ouvia a nossa conversa. Ele me perguntou por que eu restringia a minha prática de cura [healing]. Perguntei-lhe se alguma vez ele regava a relva. Ele disse que sim. Eu perguntei se ele tinha o cuidado de regar a entrada da garagem e o telhado. Ele admitiu que só regou onde faria mais bem. Isso explica por que eu restrinjo a minha prática às doenças que eu sei que a Huna curará [will cure].

Ao contrário dos Curadores Sensitivos, nós conhecemos os mecanismos por trás do poder de curar [heal]. Isso nos coloca um passo à frente das pessoas que canalizam e nos permite colocar os nossos esforços onde eles farão o maior bem.

Considerações  

Ser um Curador Profissional não é a coisa mais fácil do mundo. Há várias coisas a ter em mente se você quiser abordar a Huna de maneira profissional. Muitas vezes eu tenho sangue endurecido sob as minhas unhas por trabalhar em feridas recentes. Devido à relutância geral do público em geral em se valer dos Curadores, a maioria de seus primeiros casos serão emergências médicas e falhas médicas. Esses casos não são os mais fáceis de curar [cure]. Muitos de seus colegas são muito estranhos, fraudes, auto iludidos ou totalmente contras. A maioria dos Curadores de bom coração e magnificamente talentosos dependem de pessoas que não são seus clientes para apoio ao seu trabalho, por exemplo, maridos, Seguro Social, etc. Assim, a sua tentativa de colocar a sua habilidade em honorários profissionais encontrará resistência adicional. Você cuidará e até amará as pessoas que vierem até você em suas necessidades. Alguns deles morrerão. Mesmo que fosse algo que você sabia o tempo todo que não responderia a Huna, isso o destruiria.

O sucesso do Curador [Healer] Huna depende exclusivamente de sua habilidade, entendimento e adaptabilidade com a Huna. Às vezes, você falhará em curar [heal] alguém porque você não entendeu a Huna bem o suficiente, ou alguma nova aplicação pode ser descoberta um pouco tarde demais para ajudar. Talvez daqui a um ou dois anos eu pudesse ter salvo a vida da minha mãe. Se algumas de suas experiências não o deixam odiando o que você faz, então você não se importa o suficiente. Uma certa quantidade de estresse e dor emocional é um dos preços que se tem que aprender a pagar.

Depois, há os Cristãos que dirão a você que o seu poder é do Diabo. E há aqueles de influência da Índia Oriental que irão acusá-lo de interferir no Karma da pessoa.

Ainda assim, para mim, os resultados têm sido muito gratificantes. Você terá que aprender a ser um lutador, ou os lutadores do sistema competitivo acabarão com você – o que é justo. Os seus inimigos, aqueles que tentarão impedi-lo de ajudar as pessoas que desejam a sua ajuda, são Cristãos renascidos, pessoas que realmente entendem o falso conceito de Karma, o IRS [Internal Revenue Service; coleta de impostos], o AMA [American Medical Association] e a maioria dos Curadores [Healers] Sensitivos não-Huna.

Para que a Cura [Healing] Huna ocupe o seu devido lugar no mundo, algumas considerações são necessárias. Idealmente, nós deveríamos nos concentrar em doenças que

• …tenham um grande número de vítimas incuráveis ​​pela ciência médica

• …tenham revistas profissionais para comunicação sobre resultados em doenças específicas

• …e, finalmente, nós necessitamos ser capazes de curar isso 90-100% das vezes.

…continua Parte IV…

—–

Imagem: Microsoft Bing – Criado por IA – 17.05.2023

Referências bibliográficas da OREM1

Amazing Women In History – artigo https://amazingwomeninhistory.com/morrnah-nalamaku-simeona-hawaiian-healer/

Amy Thakurdas, PhD – artigo “Ho’oponopono: Universal Healing Method For Mankind” – Wholistic Healing Publications – September 2008 Volume 8, No. 3

André Biernath – repórter na Revista Saúde – Grupo Abril  – artigo sobre o filme “Divertida Mente”, que aborda inteligentemente a questão das memórias armazenadas;

Bert Hellinger e Gabriele Tem Hövel – livro “Constelações Familiares – O Reconhecimento das Ordens do Amor”;

Bill Russell – Artigo: “Quantum and Kala” [Quântico e Kala] – Artigo completo em inglês no site: https://www.huna.org/html/quantum.pdf

Brian Gerard Schaefer – artigo: “Universal Ho’oponopono – A new perspective of an ancient healing art”. Site http://www.thewholespectrom.com/

Bruce Lipton – livro “A Biologia da Crença “;

Carol Gates e Tina Shearon – livro “As You Wish” (tradução livre: “Como você desejar”);

Ceres Elisa da Fonseca Rosas – livro “O caminho ao Eu Superior segundo os Kahunas” – Editora FEEU;

Charles Seife – livro “Zero: A Biografia de Uma Ideia Perigosa” (versão em inglês “Zero: The Biography of a Dangerous Idea”;

Curso “Autoconhecimento na Prática online – Fundação Estudar” https://www.napratica.org.br/edicoes/autoconhecimento;

Dan Custer – livro “El Milagroso Poder Del Pensamiento” (tradução livre: “O Miraculoso [Incrível] Poder Do Pensamento”);

David V. Bush – livro “How to Put The Subconscious Mind to Work” (tradução livre: “Como Colocar a Mente Subconsciente para Trabalhar”);

Dr. Alan Strong – artigo denominado “The Conscious Mind — Just the Tip of the Iceberg” (tradução livre: “A Mente Consciente – Apenas a Ponta do Iceberg”), no site www.astrongchoice.com;

Dr. Amit Goswami – livro “O Universo Autoconsciente – como a consciência cria o mundo material”;

Dr. Benjamin P. Hardy, psicólogo organizacional, autor do livro “Willpower Doesn’t Work” (Tradução livre: “Força de Vontade Não Funciona”), em artigo no site https://medium.com/the-mission/how-to-get-past-your-emotions-blocks-and-fears-so-you-can-live-the-life-you-want-aac362e1fc85Sr;

Dr. Bruce H. Lipton – livro “A Biologia da Crença”;

Dr. Deepak Chopra – livro “Criando Prosperidade”;

Dr. Gregg Braden – livro “A Matriz Divina”;

Dr. Helder Kamei – site http://www.flowpsicologiapositiva.com/ – Instituto Flow;

Dr. Joe Dispenza – livro “Breaking the Habit of Being Yourself – How to Lose Your Mind and Create a New One” (tradução livre: “Quebrando o Hábito de Ser Você Mesmo – Como Liberar Sua Mente e Criar um Novo Eu”);

Dr. Kenneth Wapnick – transcrição de sua palestra denominada “Introdução Básica a Um Curso em Milagres”;

Dr. Maxwell Maltz – livro “The New Psycho-Cybernetics” (tradução livre: “A Nova Psico-Cibernética”);

Dr. Nelson Spritzer – livro “Pensamento & Mudança – Desmistificando a Programação Neurolinguística (PNL)”;

Dr. Richard Maurice Bucke – livro ‘Consciência Cósmica’;

Dr. Serge Kahili King – livro “Cura Kahuna” (Kahuna Healing);

Dr. Serge Kahili King – Artigo: “Body of God” [O Corpo de Deus] – Artigo completo em inglês no site: https://www.huna.org/html/bodyofgod.html

Francisco Cândido Xavier – livro “No Mundo Maior” (ditado pelo espírito Dr. André Luiz);

Francisco do Espírito Santo Neto – livro “Os Prazeres da Alma” (ditado pelo espírito Hammed);

Gerald Zaltman – Professor da Harvard Business School – livro “How Customers Think” (tradução livre: “Como Pensam os Consumidores”);

Henry Thomas Hamblin – livro “Within You Is The Power” (tradução livre: “Dentro de VOCÊ Está O Poder”);

Hermínio C. Miranda – livro “O Evangelho de Tomé”;

Igor I. Sikorsky, Jr. – Jurista – Artigo Jung & Huna – Fonte: https://www.maxfreedomlong.com/huna-bulletins/hv-newsletter-30-spring-1979/

James Redfield – livro “A Profecia Celestina”;

Jens Weskott – artigo “Bem-vindo Subconsciente – Graças ao Ho’oponopono”, site da Associação de Estudos Huna disponível no link https://www.huna.org.br/wp/?s=jens;

Jim Fallon – Artigo: “Aka Threads and Quantum Entanglement” [Cordões Aka e Emaranhamento Quântico] – Artigo completo em inglês no site: https://www.huna.org/html/akathreads.html

Joe Vitale – livro “Limite Zero”;

Joel S. Goldsmith – livro “O Despertar da Consciência Mística”;

John Assaraf – artigo ratificando que somos todos seres perfeitos de Luz está disponível no site http://in5d.com/the-world-of-quantum-physics-everything-is-energy/;

John Curtis – Webinario sobre Ho’oponopono – site Sanación y Salud http://www.sanacionysalud.com/

Joseph Murphy – livro “The Power of Your Subconscious Mind” (tradução livre: “O Poder de Sua Mente Subconsciente”);

Kalikiano Kalei – Artigo: “Quantum Physics and Hawaiian Huna…” [Física Quântica e Huna do Havaí] – Artigo completo em inglês através do site: https://www.authorsden.com/visit/viewarticle.asp?catid=14&id=45582

Kenneth E. Robinson – livro “Thinking Outside the Box” (tradução livre: “Pensar Fora da Caixa”);

Krishnamurti – artigo “Early Krishnamurti” (“Inicial Krishnamurti”) – Londres, 7-3-1931.  Site: https://www.reddit.com/r/Krishnamurti/comments/qe99e1/early_krishnamurti_7_march_1931_london/

Krishnamurti  – livro “O Sentido da Liberdade”, publicado no Brasil em 2007, no capítulo “Perguntas e Respostas”, o tema “Sobre a Crise Atual”; experienciamos, para a nossa reflexão e meditação à luz do sistema de pensamento do Ho’oponopono.

Kristin Zambucka, artista, produtora e autora do livro “Princess Kaiulani of Hawaii: The Monarchy’s Last Hope” (tradução livre: “Princesa Kaiulani do Havaí: A Última Esperança da Monarquia”);

Leonard Mlodinow – livro “Subliminar – Como o inconsciente influencia nossas vidas” – do ano de 2012;

Livro “Um Curso em Milagres” – 2ª edição – copyright 1994 da edição em língua portuguesa;

Louise L. Hay – livro “You Can Heal Your Life – (tradução livre: “Você Pode Curar Sua Vida”);

Malcolm Gradwell – livro “Blink: The Power of Thinking without Thinking” (Tradução livre: “Num piscar de olhos: O Poder de Pensar Sem Pensar”);

Manulani Aluli Meyer – artigo “Ho’oponopono – Healing through ritualized communication”, site https://peacemaking.narf.org/wp-content/uploads/2021/03/5.-Hooponopono-paper.pdf

Marianne Szegedy-Maszak – edição especial sobre Neurociência publicada na multiplataforma “US News & World Report”, destacando o ensaio “Como Sua Mente Subconsciente Realmente Molda Suas Decisões”;

Matthew B. James. Estudo Acadêmico , para um Programa de Doutorado da Walden University, Minneapolis, Minnesota, USA, 2008, doutorando em Psicologia da Saúde, denominada “Ho’oponopono: Assessing the effects of a traditional Hawaiian forgiveness technique on unforgiveness”. O estudo completo pode ser acessado no site da Walden University no link:  https://scholarworks.waldenu.edu/dissertations/622/#:~:text=The%20results%20demonstrated%20that%20those,the%20course%20of%20the%20study.

Max Freedom Long – livro “Milagres da Ciência Secreta”;

Max Freedom Long – Artigo “Teaching HUNA to the Children – How Everything was made” [Ensinando HUNA para as Crianças – Como Tudo foi feito], site https://www.maxfreedomlong.com/articles/max-freedom-long/teaching-huna-to-the-children/;

Max Freedom Long – Artigo “Huna And The God Within”. Fonte: https://www.maxfreedomlong.com/articles/huna-lessons/huna-lesson-2-huna-theory-of-prayer/

Max Freedom Long – Artigo “The Workable Psycho-Religious System of the Polynesians” [O Sistema Psico-Religioso Praticável dos Polinésios]. Fonte: https://www.maxfreedomlong.com/articles/max-freedom-long/huna-the-workable-psycho-religious-system-of-the-polynesians/

Napoleon Hill – livro “The Law of Success in Sixteen Lessons” (tradução livre: “A Lei do Sucesso em Dezesseis Lições”);

Osho – livro “The Golden Future” (tradução livre: “O Futuro Dourado”);

Osho – livro “From Unconsciousness to Consciousness” (tradução livre “Do Inconsciente ao Consciente”);

Osho – livro “Desvendando mistérios”;

Paul Cresswell – livro “Learn to Use Your Subconscious Mind” (tradução livre: “Aprenda a Usar a Sua Mente Subconsciente”);

Paulo Freire, educador, pedagogo, filósofo brasileiro – livro “A Psicologia da Pergunta”;

Platão – livro “O Mito da Caverna”;

Richard Wilhelm – livro “I Ching”;

Roberto Assagioli, Psicossíntese. Site http://psicossintese.org.br/index.php/o-que-e-psicossintese/

Sanaya Roman – livro “Spiritual Growth: Being Your Higher Self (versão em português: “Crescimento Espiritual: o Despertar do Seu Eu Superior”);

Sílvia Lisboa e Bruno Garattoni – artigo da Revista Superintessante, publicado em 21.05.13, sobre o lado oculto da mente e a neurociência moderna.

Site da Associação de Estudos Huna https://www.huna.org.br/ – artigos diversos.

Site www.globalmentoringgroup.com – artigos sobre PNL;

Site Wikipedia https://pt.wikipedia.org/wiki/Ho%CA%BBoponopono, a enciclopédia livre;

Thomas Lani Stucker – Kahuna Lani – Artigo “The Professional Huna Healer” – Site: https://www.maxfreedomlong.com/articles/kahuna-lani/the-professional-huna-healer/

Thomas Troward – livro “The Creative Process in the Individual” (tradução livre: “O Processo Criativo no Indivíduo”);

Thomas Troward – livro “Bible Mystery and Bible Meaning” (tradução livre: “Mistério da Bíblia e Significado da Bíblia”);

Tor Norretranders – livro “A Ilusão de Quem Usa: Reduzindo o tamanho da Consciência” (versão em inglês “The User Illusion: Cutting Consciousness Down to Size”);

Wallace D. Wattles – livro “A Ciência para Ficar Rico”;

W. D. Westervelt – Boston, G.H. Ellis Press [1915] – artigo: “Hawaiian Legends of Old Honolulu” Site: https://www.sacred-texts.com/pac/hloh/hloh00.htm.

William R. Glover – livro “HUNA the Ancient Religion of Positive Thinking” – 2005;

William Walker Atkinson – livro: “Thought Vibration – The Law of Attraction in the Thought World” (tradução livre: “Vibração do Pensamento – A Lei da Atração no Mundo do Pensamento”) – Edição Eletrônica publicada em 2015;

Zanon Melo – livro “Huna – A Cura Polinésia – Manual do Kahuna”; 

Muda…
A Prece atinge o seu foco e levanta voo.
A chuva de bênçãos derrama-se sobre mim, nesse exato momento.
Eu sinto muito.
Por favor, perdoa-me.
Eu te amo.
Eu sou grato(a).

Autor

Graduação: Engenheiro Operacional Químico. Graduação: Engenheiro de Segurança do Trabalho. Pós-Graduação: Marketing PUC/RS. Pós-Graduação: Administração de Materiais, Negociações e Compras FGV/SP. Consultor de Empresas: Projeto OREM® - Organizações Baseadas na Espiritualidade (OBEs). Estudante e Pesquisador Independente sobre Espiritualidade Não-Dualista; Psicofilosofia Huna e Ho’oponopono; A Profecia Celestina; Um Curso em Milagres (UCEM); Espiritualidade no Ambiente de Trabalho (EAT); A Organização Baseada na Espiritualidade (OBE). Certificação: “The Self I-Dentity Through Ho’oponopono® - SITH® - Business Ho’oponopono” - 2022.

0 0 votes
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
0
Would love your thoughts, please comment.x