O Manuscrito Urtext – Mensagens Especiais

Fonte: Miracles Pathway Fellowship, Guelph, Ontário, Canadá

Mensagens Especiais de UCEM URTEXT em Sequência Cronológica

Miracles Pathway Fellowship

—–continuação da Parte II—–

28b)

[UR_F 34]

Como Ele Você tivesse morrido. Eu não consigo evitar que os meus olhos
Olhem para cima. Talvez eu não tenha visto
As coisas que eu pensei. Talvez essa luz tenha vindo
Para curar [to heal] os meus olhos e deixá-los ver novamente.

Querido Estranho, devolva-me a minha vista novamente,
E deixe as minhas dúvidas serem respondidas. Elas estão mortas
Porque você vive. (Se você estiver vivo). Deixe-me então olhar para Você
E a esperança será transformada em certeza. (passada através)

A escuridão não é capaz de estar certa, pois as sombras vêm
E tecem formas incertas diante dos meus olhos
Que não têm limites. (E por isso) Ninguém é capaz de saber
O que elas querem representar. A névoa está úmida.

Quem é capaz de ter esperança (ficar feliz) em tal lugar tão mutável?
Deixe-me lembrar de Você ao invés da morte.
Deixe-me lembrar de Você e ver Naquele
Que caminha ao meu lado agora o Seu feliz retorno

Senhor, você realmente manteve a sua adorável Palavra?
Eu estava enganado? Você ressuscitou novamente?
E fui eu quem falhei, ao invés de Você?
Você retornou para me salvar a partir dos mortos:

Os mortos estão mortos, entretanto eles são capazes de (irão) ressuscitar.
Deixe-me lembrar apenas disso. Foi
O resto que foi o sonho. A luz veio.
Os meus olhos estão se abrindo e eu sou capaz de ver (Olhar para Você).

Re-Ordenado
O ESTRANHO NA ESTRADA

Os mortos estão mortos. Eles não se levantam novamente.
E ainda assim eu vejo em Você um olhar que eu conhecia
Em Um Só tão recentemente destruído e posto
Longe Para murchar em uma laje de pedra.

Eu quase poderia acreditar – entretanto, eu tenho visto
As suas mãos azuis e sem sangue e os pés quebrados,
A maneira como Você se desmoronou quando eles O derrubaram.
Esse é um estranho e eu não conheço Ele.

A estrada é longa. Eu não levantarei os meus olhos,
Pois o medo tem tomado conta do meu coração e o medo eu sei –
O escudo que me mantém (retém) a salvo da esperança crescente;
O amigo que mantém Você ainda estranho para mim.

Por que Ele deveria caminhar comigo ao longo da estrada,
Um desconhecido que eu quase penso que eu temo
Porque Ele parece como alguém em um sonho
Da imortalidade, quando somente a morte é real?

Não me perturbe agora. Eu estou contente
Com a morte, pois a dor é agora mais amável do que a esperança.
Enquanto havia esperança eu sofri. Agora eu vou
Com certeza, pois a morte certamente tem chegado.

Não perturbe o final. O que está feito
Está feito para sempre. Nem esperança nem lágrimas
É capaz de tocar a finalização. Não desperte
O morto. Venha, Estranho, digamos ‘Amém.’

Você disse que Você retornaria e eu acreditei
Já faz muito tempo. Agora os meus olhos estão selados
Contra o tênue fio de esperança que corta
O meu desespero calmo (quieto). Ó, deixe-me ir!

O meu coração não ficará quieto. Ele parece saber
O que eu não sei. Ele dança uma música que
Eu não ouço. Ele me chama a partir de você
Cujo coração tem escutado e cujos ouvidos têm ouvido.

Eu tenho que me lembrar agora? Mas ainda assim a luz
Parece ainda mais brilhante e a estrada vem a ser
Um respingo repentino de luz solar. Quem é Você
Que ousa entrar no medo e na morte?

Os meus lábios começam a cantar, embora eu esperasse
Que estivesse esquecido. Agora ouço novamente
Uma palavra que eu pensava estar morta para sempre,
A sua voz me lembra a canção de amor. (essa linha foi escrita à mão e eu só estou adivinhando o que ela diz)

Como Você tivesse morrido. Eu não consigo evitar que os meus olhos
Olhem para cima. Talvez eu não tenha visto
As coisas que eu pensei. Talvez essa luz tenha vindo
Para curar [to heal] os meus olhos e deixá-los ver novamente.

Senhor, você realmente manteve a sua adorável Palavra?
Eu estava enganado? Você ressuscitou novamente?
E fui eu quem falhei, ao invés de Você?
Você retornou para me salvar a partir dos mortos:

Os mortos estão mortos, entretanto eles são capazes de ressuscitar novamente.
Deixe-me lembrar apenas disso. Foi
O resto que foi o sonho. A luz veio.
Os meus olhos estão se abrindo e eu sou capaz de ver (Olhar para Você).

Versos Deletados/Não utilizados:

A Sua Palavra envolve Você como uma luz dourada,
E eu mal consigo ver a estrada que eu (nós) caminho (caminhamos)
Porque os meus olhos estão velados. Não me perturbe,
Eu imploro a Você. Eu não quero ver Você agora.

Querido estranho, devolva-me a minha vista novamente,
E que as minhas dúvidas sejam respondidas. Elas estão mortas
Porque Você vive. (Se Você estiver vivo). Deixe-me então olhar para Você
E a esperança será transformada em certeza. (passada através)

A escuridão não é capaz de estar certa, pois as sombras vêm
E tecem formas incertas diante dos meus olhos
Que não têm limites. (E por isso) Ninguém é capaz de saber
O que elas querem representar. A névoa está úmida.

Quem é capaz de ter esperança (ficar feliz) em tal lugar tão mutável?
Deixe-me lembrar de Você ao invés da morte.
Deixe-me lembrar de Você e ver Naquele
Que caminha ao meu lado agora o Seu feliz retorno.

Notas do Editor de Mensagens Especiais

Introdução Geral

Conforme observado nas Notas de Lançamento com mais detalhes, exceto pelo Manuscrito HLC e duas páginas da Canção da Oração, acredita-se que a fonte para essa compilação seja o material de 22 volumes que Kenneth Wapnick arquivou no United States Copyright Office (USCO) [Escritório de Direitos Autorais dos Estados Unidos (USCO)] em 1991 sob o título geral ‘The Unpublished Writings of Helen Schucman’. O número de depósito USCO é TXu 421-821.

O material de ‘Mensagens Especiais da coleção Urtext’ apresenta uma série de desafios únicos para indexação e referência. Grande parte dele não foi amplamente publicada (mensagens com *asteriscos não aparecem em nenhuma versão posterior do cânone de UCEM), portanto não existe um modelo de organização previamente existente para o material pelo qual fazer referência ou estruturá-lo.

Tal como acontece com todo o material da USCO, um vez que eu não tenho acesso pessoal à USCO, eu não sou capaz de verificar pessoalmente nada sobre isso. Eu estou quase inteiramente dependente de cópias de cópias e as diversas cópias que me tem sido fornecidas nem sempre são idênticas. Além disso, há relatos de confiabilidade desconhecida, dependendo dos caprichos da lembrança humana, de pessoas que viram o material, entretanto que também não possuem cópias autenticadas para verificar.

Existem três fontes que confirmam que a seção ‘Mensagens Especiais’ do USCO, no Volume 2 das 22, consiste em 65 páginas, 57 das quais são datilografadas e 8 das quais são total ou parcialmente manuscritas. Um delas está quase totalmente ilegível nos exemplares que nós temos disponíveis. Que eu saiba, nada disso foi transcrito e publicado anteriormente.

Uma cópia das 65 páginas na mesma ordem em que aparecem no CD ACIM completo de Ryan Rothgeb e presumivelmente também no USCO, está incluída para referência. No menu está ‘Mensagens Especiais em Sequência Primária’ e o nome do arquivo é ‘8 3a UR_F Mensagens Especiais.pdf’.

Uma segunda cópia do material Urtext é encontrada no arquivo denominado ‘8 3a Mensagens Especiais Manuscrito URTEXT v2.pdf’. No menu está Mensagens Especiais. Esse exemplar possui o material organizado em sequência cronológica.

O texto eletrônico [e-text] das Mensagens Especiais também está organizado nessa sequência cronológica. As referências entre colchetes [UR_F ##] referem-se aos números das páginas da coleção Urtext original de 65 páginas.

As 57 páginas datilografadas contêm 28 documentos discretos, sendo um deles um poema, além de uma página de rosto. As 8 páginas manuscritas incluem 12 páginas de caderno de anotação que nós temos transcritas parcialmente. Nós temos identificado 9 ‘mensagensdiscretas nessas 12 páginas que, quando somadas às 28 anteriores, nos dão um total de 37 documentos discretos. A apresentação em texto eletrônico das Mensagens Especiais aqui inclui todas as 37. Há uma página que permanece totalmente indecifrável para nós.

No Volume 3 dos 22 nós temos Notas manuscritas de ‘Mensagens Especiais’ para três das mensagens Urtext. SM [Special Message; Mensagem Especial] 16, de 31 de dezembro de 1975, aparece no Volume 3, páginas 62-64. SM 17, de 10 de abril de 1976, aparece na página 70 do volume 3. O poema ‘Stranger on the Road’ [‘O Estranho na Estrada’] (SM 28) aparece nas páginas 71-74 do volume 3.

Embora muitos desses 37 documentos sejam ‘mensagens especiais’, o que significa que elas parecem ser ‘canalizadas’ e elas não parecem ter sido destinadas a fazer parte do Curso. No caso do poema O Estranho na Estrada ele não parece ser canalizado. No caso de vários documentos anteriores a 1975, eles foram de fato incluídos por Helen e Bill no HLC [versão] e mais tarde também na Primeira Edição da FIP. Esse material foi, portanto, considerado parte do Curso. As versões do Urtext estão datadas e a datação está fora de sequência com a sua posição no Texto. Parece que essas foram correções ditadas ou esclarecimentos feitos posteriormente para inserção em material anterior. Certamente foi isso que os escribas fizeram com dois deles. Como elas acabaram sendo arquivadas como ‘Mensagens Especiais’ é um mistério.

Como observado em outro lugar, grande parte do material Urtext apresenta desafios de sequenciamento, uma vez que a ordem do material tal como nos foi entregue não é a mesma das Notas anteriores nem do HLC posterior em todos os casos. Nós temos tomado a sequência HLC como nossa norma, quando aplicável e referenciamos todo o resto a ela e reorganizamos as páginas Urtext em nossa compilação para refletir a sequência naquele documento. Com duas exceções, esse material está, até onde nós somos capaz de determinar, organizado cronologicamente. Nós não sabemos qual é a ordem real do material no USCO, nem onde nem quando ocorreu o ‘rearranjo’.

As duas exceções ao sequenciamento cronológico são:

1) A Mensagem Especial 11 aparece na página 682 do volume Urtext Text, seção T 18 H, datada de 31 de maio de 1967. O material imediatamente seguinte é datado de 16 de fevereiro de 1967, três meses e meio antes. Esse local foi escolhido devido ao HLC colocá-lo nessa sequência.

2) A Mensagem Especial 12 aparece na página 808, porque essa é a sequência HLC, embora ela tenha sido ditada quase um ano depois. (veja a discussão abaixo para a Mensagem Especial 12)

Em algum momento, alguém separou algum material e arquivou nessa coleção ‘Mensagens Especiais’. Muitas das lacunas nos números das páginas no Texto Urtext correspondem exatamente aos números das páginas marcados nesse material, em sequência cronológica, sugerindo fortemente que originalmente fazia parte daquele documento e foi posteriormente removido. Após a publicação do Curso, Schucman continuou a ouvir ‘The Voice’ [‘A Voz’] e a fazer anotações e essa coleção inclui parte desse material posterior (após 1975).

Não há nenhuma ordem aparente na sequência do material embalado quando nós o recebemos. Ele parece ser em grande parte aleatório. Em nossa preparação dessa edição nós temos re-arranjado o material em sequência cronológica com base nas datas marcadas e nos números das páginas. Aquele item datado de ‘14 de dezembro’ sem ano é considerado 14 de dezembro de 1965, no entanto, essa datação é um tanto provisória e inferida da natureza do conteúdo. Aparece como Mensagem Especial 6.

Há também três páginas duplicadas, a meu ver, da página digitada original idêntica. Essas duplicatas idênticas não estão incluídas na compilação cronológica. Outras duplicatas, onde parecem não ser cópias da mesma cópia original, ou onde há algo singularmente interessante em cada uma, são mantidas juntas nessa compilação. O resultado são 56 páginas digitadas que contêm 28 itens distintos identificáveis, dos quais um é um rascunho fortemente marcado de um poema de Schucman e cinco aparecem no Texto em versões posteriores e não de forma óbvia mensagens ‘pessoais’ no sentido de ser material que não pertencia ao Curso. Isso deixa 21 ‘mensagens’ discretas que não aparecem em versões posteriores. Uma razão é que 14 delas são datadas após a publicação da Primeira Edição! Algumas ‘mensagens’ provavelmente não pertencem a essa coleção, pois não são mensagens ‘especiais’, mas parte do Texto de UCEM na visão de todos os editores subsequentes de UCEM.

Além disso, há, é claro, as 9 para as quais nós temos apenas o original manuscrito e nenhuma transcrição da escriba.

Um documento incomum é um poema de Helen Schucman, ‘The Stranger on the Road’, que está fortemente marcado, deixando-nos com várias interpretações possíveis. Isso não parece ser material ‘escriba’ ou ditado, mas sim o trabalho criativo original da própria Helen. A adequação de incluí-lo é, portanto, muito questionável. Nós decidimos simplesmente incluir tudo no material de ‘Mensagens Especiais’ que nós pudemos obter e deixar dúvidas sobre a possível remoção ou realocação de qualquer um deles para outro momento, exceto quando o material foi incluído em versões posteriores.

Para o propósito da Concordância, nós temos numerado esses itens em sequência cronológica, de 1 até 28. Além disso, na fotocópia fac-símile (arquivos de imagens digitalizadas em formato PDF) nós temos ‘seções’ adicionais para o material duplicado.

As primeiras 27 são então ‘Mensagens Especiais’ no arquivo, mais ou menos, enquanto a 28ª é certamente um poema e quase certamente não é material ‘canalizado’. Dessas 27, quatorze são mensagens da era pós-escriba, de outubro de 1975 a março de 1978. Essas são as mensagens 14-27. Embora incluam uma grande variedade de elementos, a maioria contém um tema comum de Helen sendo tranquilizada sobre ansiedades e medos enquanto ela pede um tipo de orientação incluindo ‘detalhes do plano’ que ela não recebe e que não conseguiria lidar se fosse! Esse material lança uma luz interessante sobre os primeiros anos da publicação da UCEM.

Das 13 restantes, porém, conforme observado, 5 são preservadas no texto do volume HLC e FIP Texto com algumas alterações, mas não são ‘omitidas’ como ‘mensagens pessoais.’

As Mensagens Especiais 1, 3, 10, 11 e 12 aparecem, pelo menos em parte, tanto na versão HLC quanto nas edições posteriores da versão FIP.

Nós temos, portanto, 8 mensagens da ‘Era Escriba’ e 14 mensagens pós-escriba, cinco pequenas fatias do Texto de UCEM e um poema. As nove mensagens manuscritas que nós temos conseguido transcrever incluem apenas duas páginas datadas. Nessa fase, qualquer tentativa de especular sobre as datas dos outros seria extremamente hesitante.

Isto certamente levanta a questão de quais critérios foram usados e por quem, para segregar parte desse material como ‘mensagens especiais.’

É bem possível que a decisão não tenha sido tomada pelos Escribas, que certamente incluíram parte do material no volume do Texto na edição subsequente. É possível que tenha sido um ‘erro de arquivamento’ cometido algum tempo após a edição.

Para o momento, por terem sido recebidas dessa forma, a única alteração que eu tenho feito foi colocá-las em ordem cronológica sempre que possível e numerar as mensagens distintas sequencialmente para facilitar a referência. Eu não creio que várias delas pertençam a essa lista, no entanto, está fora do escopo desse projeto começar a remover material!

Aquelas que parecem pertencer ao volume Urtext Texto foram devolvidas a esse volume em sua ordem cronológica, exceto as mensagens 11 e 12 conforme observado acima, que são inseridas na sequência HLC.

Isso certamente levanta uma questão a ser abordada pelos estudiosos e essa é a questão do que ‘pertence por direito’ ao Urtext? Nós inicialmente pretendemos maximizar a inclusão. Se fosse possível argumentar que alguma coisa já esteve ali e nós tivéssemos algum meio de atribuir-lhe um lugar, não importando que ela tivesse sido removida em algum lugar ao longo da estrada, nós a colocaríamos de volta.

Certamente há um argumento válido de que algumas dessas partes são altamente pessoais e não foram planejadas como parte do Curso e foram removidas corretamente. Um caso semelhante pode ser feito para vários segmentos que sobreviveram no corpo principal do volume Urtext Texto.

O que nós estamos pretendendo fazer aqui não é, pelo menos não nesse momento, fazer uma determinação do que pertence ou não pertence em ‘o Curso’. O que nós estamos pretendendo fazer é fornecer aos estudiosos de UCEM uma imagem tão completa quanto possível do que os escribas escreveram, para que tal determinação possa, em última análise, ser feita da maneira mais informada possível. Certamente eu não afirmo estar qualificado para descartar qualquer coisa ‘fora’. Eu estou, no entanto, fazendo o possível para apresentar todas as coisas que possam ser consideradas candidatas à inclusão, para que nada acabe sendo esquecido inadvertidamente.

Agora, vamos examinar brevemente esses itens com mais detalhes.

As 28 Mensagens Especiais digitadas da versão Urtext

1. * As páginas de 1 a 7 trazem os números manuscritos de 62 a 67, seguidos por uma página não numerada.

No volume do Texto Urtext tal como nos foi entregue, a numeração salta de 61 para 69 e esse material foi claramente extraído do Urtext e removido para Mensagens Especiais por razões desconhecidas. A maior parte desse material sobreviveu nas edições HLC e posteriores da FIP e por isso o colocamos de volta onde claramente se originou em nossa edição do Urtext.

Esse parece ser um ditado muito antigo, de novembro de 1965, embora não tenha data. Nós de fato sabemos que o material começa (página 1) em 21 de outubro de 1965 e a próxima data que nós encontramos é 15 de novembro. Esse material parece estar no meio desse período de três semanas.

2. Página 8, 15 de novembro de 1965.

‘83a’ escrito à mão no topo da página indica que esse material também foi removido do Urtext. Nesse caso nós estamos realmente lidando com um ‘à parte pessoal’. Isso foi substituído e agora aparece como página 84 no Texto Urtext. Ele foi incluído porque faz parte das 2 páginas anteriores, a maioria das quais foi omitida no HLC. Como a ‘declaração conclusiva’ de Jesus sobre a discussão reconhecidamente ‘particular’, parece que se nós quisermos incluir a primeira parte, nós necessitamos incluir a conclusão. Parece que a remoção dessa página, apenas um parágrafo, foi um equívoco. Toda a discussão deve ser removida ou nenhuma.

Na verdade, parece-me que ‘equívoco’ não é bem a palavra certa. Tem-se a sensação de que a separação do material em ‘Urtext’ e ‘Mensagens Especiais’ foi feita às pressas, ao acaso e não foi verificada. O processo parece ter sido um pouco melhor do que aleatório.

3. * As páginas de 9 a 16 trazem os números manuscritos de 88 a 95.

A paginação no Urtext salta de 87 para 96. É misterioso o motivo pelo qual essas páginas foram removidas da seção ‘Mensagens Especiais’. Nas edições posteriores da HLC e da FIP, todo esse material, salvo alguns pequenos resumos, aparece exatamente em seu local original. O que fica de fora das edições posteriores é o que se segue imediatamente a essa, o material em posse. No Urtext esses aparecem como 89-96.

4. Páginas 17-18, 16 de novembro de 1965 ‘diretamente para WT’

Eis-me aqui [Senhor]’ Digitações gêmeas com algumas diferenças.

5. Página 19, 1º de dezembro de 1965 Nota Especial de WT para HS.

Esse material traz o número de página 164. Esse número de página aparece datado de 12 de dezembro de 1965, logo após o material datado de 30 de novembro de 1965, no Urtext. Mas esse material quase certamente não se destina a fazer parte do Curso e é na verdade uma ‘Mensagem Especial’.

Há uma segunda cópia, de qualidade inferior, possivelmente uma fotocópia de uma cópia carbono, que é idêntica e por isso não tem sido incluída.

Pode ser que tenha sido de fato inserido nesse local e numerado sequencialmente e depois antes de 7 de dezembro, foi reconhecido como ‘não pertencente’ e foi removido. O segmento do Urtext que abrange esse período não está presente nas Notas. Isso pode ser porque esteja faltando uma parte substancial ou porque esse material foi ‘ditado sem notas’. Ou pode haver outro motivo pelo qual eu não tenha adivinhado.

Nesse número de página no Urtext começa uma seção de 8 páginas que não sobreviveu em nenhuma edição posterior, presumivelmente sendo considerada ‘Mensagens Especiais’ e não destinada ao Curso. Nessa página das Notas nós temos uma lacuna na qual as próximas 16 páginas do Urtext não estão incluídas. Alguém não pode deixar de nos perguntar se a intenção era remover as páginas de 164 a 172 e, ao invés disso, as páginas 62 a 67 foram removidas por engano. Os editores claramente viram o material 164-172 como não fazendo parte do ditado do Curso, portanto, presumivelmente como ‘Mensagens Especiais’, no entanto, esse material não foi incluído nessa seção, embora tenha uma reivindicação muito melhor de ser considerada como ‘Mensagens Especiais’ do que o material das páginas 62-68.

Claro que eu estou apenas especulando sobre possíveis explicações. Esse enigma certamente necessita de mais pesquisas. Eu desejo simplesmente apontar as estranhezas nessa parte do material que clamam por uma investigação mais aprofundada.

6. Página 20, 14 de dezembro de 1965 Mensagem Especial: ‘Orientação Específica’

Aqui nós achamos a primeira das instruções sobre o que incluir e o que não incluir em ‘as notas’ que Helen está fazendo, notas que um dia serão ‘O Curso’.

O arquivo original inclui uma segunda cópia dessa página que não contém a marcação manuscrita que consiste em colchetes que os escribas usavam para indicar o material a ser excluído. Exceto pela marcação que falta, ela é idêntica e, portanto, não tem sido incluída.

7. Páginas 21-22 13-14 de setembro de 1966 ‘Não há escapatória a partir da salvação’

Urtext páginas 455-456, marcadas como 282-283. Os números das páginas marcadas cabem em uma lacuna e, portanto, esse material é colocado onde foi originalmente ditado. Esse material não é preservado no HLC. No entanto, foi claramente ditado no meio dessa seção e, apesar de tratar de ‘um relacionamento específico’, a mensagem aqui é muito generalizável.

8. Página 23, 16 de setembro de 1966, Mensagem Especial para WT

Marcado à mão 287a (I-II) Essa mensagem obviamente ‘especial’ e ‘pessoal’ foi ditada entre as páginas marcadas 287 e 288 (páginas absolutas 459-460).

No arquivo original há uma segunda cópia dessa página que não inclui os números das páginas manuscritas e é de tão baixa qualidade que é quase ilegível. É mais ou menos como uma fotocópia de 10ª geração. Ela não está incluída em nossa distribuição.

9. Página 24 15 de novembro de 1966 Nota Especial para HS.

Uma mensagem pessoal que aparece originalmente na página 370A, página 544 absoluta.

10. * Páginas 25-27, 30 de dezembro de 1966 ‘Mensagem Especial sobre Empatia

Embora marcado como ‘mensagem especial’ que é então riscado, não há nada obviamente ‘Especial’ nesse material. Nas edições HLC e FIP, o Capítulo 16 começa com esse material. Marcação de página 428-430.

11. * Páginas 28-30 Mensagem Especial de 31 de maio de 1967, marcada como 631a, 631b e 631c.

Essa mensagem aparece no HLC fora da sequência cronológica, conforme observado acima. Nós a inserimos no manuscrito Urtext na sequência HLC como seção H do capítulo 18 (página 682).

12. * Página 31, 11 de março de 1968 Mensagem Especial ‘A Bifurcação na Estrada’ marcada 808a

Essa página está marcada como ‘808ª’ e a data cabe entre as páginas marcadas 808 (5 de março de 1968) e 809 (12 de março de 1968). Esse é o capítulo 28, entre T 28 F 3 e T 28 F 4 em nosso esquema de numeração, ou números absolutos de páginas 982-983. Esse material aparece no HLC, no capítulo 22, que foi ditado quase um ano antes. Então é aí que o colocamos no manuscrito Urtext e nos arquivos de texto eletrônico, no mesmo lugar que o HLC fez. Principalmente porque, no momento em que nós o compilamos, o nosso projeto fazia referência cruzada com o HLC. Parece claro que os escribas sentiram que ela pertencia a esse lugar e muito possivelmente a entenderam como uma daquelas ‘correções’ posteriores que foram ditadas e o apelido de ‘mensagem especial’ pode ter sido um equívoco. Numa dessas coincidências extraordinárias, essa é a verdadeira e absoluta página número 808 do Urtext. Parece provável que o número da página, que era consistente com a paginação que eles estavam usando na semana anterior e na semana seguinte, deriva da data original da digitação, entretanto a coincidência com a numeração absoluta posterior da página é uma coincidência.

13. Páginas 32 e 33, 19 de junho de 1968 ‘Assim como você o vê, você verá a si mesmo’ (copiado em 51)

O tema dessa mensagem, ‘assim como você julgar, você julgará a si mesmo’ aparece frequentemente no Curso e está sendo reafirmado aqui com uma franqueza, clareza e especificidade incomuns.

14. Páginas 34-36, 5 de outubro de 1975, Mensagem Especial.

Esse documento de três páginas é bastante impressionante e talvez de grande significado histórico. Anteriormente, a ‘Voz’ abordava ‘ambos’ (presumivelmente Helen e Bill), mas agora está abordando ‘cada um’. Em outubro de 1975, Judith Skutch e Kenneth Wapnick juntaram-se à equipe, o Curso foi publicado em número limitado e está começando a atrair interesse. Essa mensagem ocorre poucos dias após o pedido de direitos autorais do Curso, uma ideia que Helen insistiu ter vindo de ‘The Voice’ [‘A Voz’]. Com o tempo, descobriu-se que o material não poderia ser protegido por direitos autorais, pois já era de domínio público quando os direitos autorais foram solicitados. No topo da segunda página estão sublinhadas as palavras ‘Não presuma que você esteja certo porque uma resposta parece vir Dele.’ Há muito mais material de interesse em relação às ansiedades e incertezas sobre ‘o futuro’.

15. Página 37 15 de dezembro de 1975 ‘Mudanças Iminentes

Quase simultaneamente com a concessão equivocada de direitos autorais pelo USCO, nós encontramos novamente ‘cada um’ em vez de ‘ambos’, sugerindo que a mensagem é entendida como sendo mais do que apenas Helen e Bill. Kenneth Wapnick tem comentado sobre as ‘Mensagens Especiais’ dessa época e a sua especificidade sobre coisas previstas para acontecer que Wapnick relata, geralmente não de maneira equivocada.

O que nós vemos refletido aqui é uma Helen ansiosa buscando instruções específicas e às vezes ‘ouvindo’ previsões específicas, entretanto, ouvindo erradamente.

A Voz de fato indica que há um ‘problema de escuta’ e tenta explicá-lo.

16. Página 38 31 de dezembro de 1975 Mensagem Especial para o Ano Novo

Essa é realmente adequada para a véspera de Ano Novo e, como acontece com a mensagem anterior, aborda o tema de pedir e receber orientação. Essa é uma das poucas Mensagens Especiais para as quais eu tenho sido capaz de localizar as Notas originais. Está no volume fonte 3, páginas 62-64.

17. Página 39, 10 de abril de 1976 ‘Um final impressionante para todas as suas provações’

Mais uma vez nós temos o tema do ‘Ano Novo’, provações e até glória resplandecente. Eu acredito que em 1976 Helen estava pensando em se aposentar, o que pode ser o subtexto por trás da pergunta ‘sobre o Centro Médico’.

18. Página 40 17 de julho de 1976 Mensagem Especial: ‘Os Poderes da Escuridão’.

A Helen tem sido prometido um ano que seria ‘diferente’ e melhor que o anterior, na mensagem de Ano Novo (acima), no entanto, em julho ela não está vendo as coisas como gostaria! Jesus diz ‘Eu não falhei com as minhas promessas’, sugerindo que Helen está sentindo que ele falhou! Jesus ressalta que a ‘escuridão’ que Helen percebe é causada por ela mesma e não está realmente ‘lá’.

19. Páginas 41-42 2 de outubro de 1976 Houve uma Ressurreição Física[?]

(copiado 54) Essa discussão impressionante responde a uma pergunta frequentemente levantada por outro material do Curso. Aqui ela está respondida! Talvez não tenha entrado no Curso porque, em outubro de 1976, a Primeira Edição já estava impressa.

20. Página 43 20 de março de 1977 ‘Você tem negado o amor da sua vida’

Nós podemos nos perguntar QUEM será, no entanto não nos dizem. O tema familiar do ‘irmão como salvador’ é aqui repetido.

21. Página 44 6 de abril de 1977 ‘Encorajamento da Páscoa’

Esse aqui é um enigma.

22. Página 45, 1º de janeiro de 1978 ‘A Criança Natimorto…’

Eu não sei o que a ‘Criança Natimorto’ é nesse item, nem o que Helen necessita fazer para que a sua ‘função [a ser] seja cumprida’, entretanto, parece que é o Curso e o ‘plano’ para o Curso que será revelado assim que ‘você for capaz de ver que a vida está aí e nasceu para você.’

23. Página 46, 7 de janeiro de 1978 ‘Você tem sido encarregada de um caminho para Deus’

parece referir-se ao Curso e à ‘função’ de Helen com a qual ela está lutando.

24. Páginas 47-48, 14 de janeiro de 1978 ‘Mais Garantias’ para a ‘mãe’

Aqui temos a ‘mãe’…que está duvidando da ‘Voz’ que ela guia. Tal como acontece com muitas dessas mensagens posteriores, Helen está ansiosa e a ‘mensagem’ é uma de garantia.

25. Página 49 25 de janeiro de 1978 ‘Deixe isso em minhas mãos’

Essa é uma mensagem curiosa. A Judy pode ser Judith Skutch, que veio a ser a editora de fato de UCEM em 1978. Se for genuína, a Voz está indicando dificuldade em alcançar ‘eles’. Ou talvez seja Helen tendo dificuldade em alcançar ‘eles’.

Nós de fato notamos um tema comum nas observações iniciais: ‘deixe isso em minhas mãos’. Anteriormente nós temos visto ‘Não fazer nada’ e em SM 26 Helen (Mensagem Especial) é informado de que é impossível explicar os detalhes do plano, mas ela não deve se preocupar.

Geralmente nessas mensagens pós-escriba nós temos a sensação de uma Helen que está preocupada, sentindo-se vítima de ‘provações’ e buscando Orientação, entretanto, aparentemente não obtendo dessa Orientação a paz que ela está buscando, porque na próxima mensagem ela ainda está novamente ansiosa.

26. Página 50, 24 de fevereiro de 1978 ‘A FIP (Fundação) tem função limitada’

Tal como acontece com outras mensagens dessa época, as preocupações abordadas parecem estar relacionadas com a publicação e divulgação do Curso. Nós vemos os temas familiares de ‘você será informada quando perguntar’ e ‘você não é capaz de entender o plano’, que é de longo prazo e de grande significado.

27. Página 51 12 de março de 1978 ‘A Medicina de Jerry’

Esse é o último escrito datado de Helen Schucman conhecido por mim. Após os anos de luta que nós vemos refletidos nessas mensagens, três anos depois dessa mensagem ela estava morta.

Aparentemente, Helen está doente no momento dessa mensagem, pois o seu irmão está lhe oferecendo remédios e lhe dizem ‘você será curada [healed] por desejar somente a paz de Deus.’

Em 1980, Schucman foi diagnosticada com câncer pancreático avançado. Após uma doença prolongada, Helen Schucman morreu de complicações relacionadas aos 71 anos em 1981.

28. Páginas 52-53 NÃO DATADO Poema ‘O Estranho na Estrada’ de Helen Schucman

Esse é um poema, um dos muitos escritos por Schucman. Como ele acabou fazendo parte de ‘Mensagens Especiais’ é um mistério. Talvez um erro de arquivamento?

Mensagens Especiais, páginas manuscritas transcritas

Em primeiro lugar, caro leitor, saiba que nós estamos bem cientes de que o trabalho de estudo das transcrições ( escriba) de Helen Schucman mal tem começado. Nós ainda estamos tentando reunir os vários pedaços que sobreviveram e fazer com que eles estejam disponíveis e apresentáveis.

Nada nessa compilação está de forma alguma ‘terminado’ ou ‘finalizado’ e nós estamos muito cientes de que o nosso trabalho é preliminar, provisório, inacabado e de forma alguma ‘definitivo’.

Convidamos a sua inspeção minuciosa, estudo detalhado e investigação adicional e esperamos saber o que você acrescentará ao nosso entendimento bastante limitado desse material.

Poucas partes têm sido examinadas menos minuciosamente do que as Mensagens Especiais. Todas as coisas contidas nesse segmento devem ser consideradas ‘provisórias e preliminares’ ao extremo.

Nesse caso e apenas nesse caso, nós tentamos transcrever a caligrafia de Schucman. As partes manuscritas das Mensagens Especiais são uma tarefa modesta. Eventualmente, é claro, todas as outras páginas manuscritas para as quais nós não temos transcrição também têm que ser abordadas.

Muitos agradecimentos são devidos a Lee Flynn por enorme ajuda dele na elaboração das partes menos legíveis. Embora reconhecendo a enorme ajuda de Lee, não o culpe por quaisquer erros aqui. É claro que nós não somos capazes de ter a certeza em todos os casos de que a nossa ‘leitura’ da caligrafia de Schucman esteja correta e o leitor deve ter em mente que essas são leituras provisórias, por vezes mais hesitantes do que outras. Em alguns casos, eu tenho certeza de que nós não o lemos corretamente e, em outros, tenho muitas dúvidas sobre os nossos melhores palpites.

Se você suspeitar de um erro ou tiver alguma pista sobre quais podem ser as partes que nós não conseguimos ler, informe-nos!

Nós temos uma palavra que aparece três vezes, que pode ser o nome de um ansiolítico, a julgar pelo contexto. A palavra parece ser ‘libr’ [em inglês], entretanto, pode muito bem ser algo diferente. Porque é seguido por um ponto, que Helen costumava usar para significar uma abreviatura, ou a última parte faltante de uma palavra, essa pode ser uma forma abreviada ou abreviatura de ‘Librium’, que é um medicamento ansiolítico, descrito pela Wikipedia como o ‘primeiro’ medicamento desse tipo e descoberto em 1954. Portanto, provavelmente ele teria estado disponível e talvez até fosse comum na época. Também é sugerido pela Wikipedia que ele às vezes é usado como pílula para dormir.

Claro… isso é apenas um palpite.

Vários desses itens parecem ser do mesmo tipo geral de muitas outras ‘Mensagens Especiais’, portanto a sua inclusão nessa coleção parece justificada. Outros são mais como notas pessoais que Helen escreveu para si mesma. E então nós temos a Lição 40 em uma ficha com uma oração aparentemente escrita por Schucman.

As diferenças físicas reais entre os itens também são interessantes, sugerindo que alguns na verdade derivam de fontes físicas diferentes e talvez de períodos diferentes. Embora a maior parte não esteja datada, tudo parece ser material tardio, talvez inteiramente de meados de 1978.

Onde nós temos duas páginas copiadas em uma única folha, parece um pequeno caderno aberto, com duas páginas por exemplar.

Em todas as nossas outras apresentações de ‘transcrições’, nós temos apresentado as transcrições digitadas pelos próprios escribas em formato fac-símile e texto eletrônico. E, em nossas outras apresentações de material manuscrito, nós temos feito referências cruzadas com as transcrições existentes. Com esse material, no entanto, nós não temos nenhuma transcrição dos Escribas, apenas a nossa própria e é claro que a ‘autoridade’ da nossa leitura da caligrafia de Helen não é de todo a mesma que a dos Escribas! E para a transcrição das Mensagens Especiais que nós de fato temos, nós geralmente não temos páginas de Notas correspondentes.

É claro que isso cria um certo desafio em termos de como embalar e apresentar o material. Geralmente nós temos apresentado três ‘versões’ quando disponíveis, as Notas, a Transcrição do Escriba ou Urtext e um Texto Eletrônico [E-text] desse último. Nesse caso nós temos apenas as Notas e o E-text.

E então há a questão de como referenciar isso. Os itens discretos aqui deveriam ser considerados Mensagens Especiais adicionais para adicionar ao 27 + o poema? Ou isso deveria ser considerado uma coleção distinta?

Embora reconhecendo que há muitas maneiras de lidar com isso, nós iremos contar cada item discreto como uma ‘Mensagem Especial’ distinta e organizá-los o mais próximo possível da ordem cronológica e, onde não houver data, nós iremos com a ordem de origem, por falta de qualquer outra alternativa. E para a página ilegível? É apenas uma página ilegível, nós não temos ideia do que ela era originalmente.

UR_F 58

Nós desistimos… esse aqui oferece apenas algumas letras e glifos que nós somos capazes de ler. Essa página ressalta dramaticamente a necessidade de acesso académico aos originais que, presumivelmente, são pelo menos um pouco mais legíveis.

UR_F 59

22/07/78

Não há motivo para medo. Não tome decisões agora. Existe um plano para o futuro que não é o que você espera. Deus sabe o que o plano é e você não. Não tente descobri-lo.

Você não está em perigo. Você não é responsável. Deus é responsável por Ken e Judy

O Reino está perfeitamente unido e perfeitamente protegido e o ego não prevalecerá sobre ele.

A confiança é a sua lição. Deus ESTÁ com você. Ela não ficará com a casa. Isso seria um erro.

UR_F 60 <painel esquerdo>

Você pode ligar para Red (Rod?), entretanto, ele não pode ajudar.

Você pode ligar para Armstrong, entretanto, ele não pode ajudar.

Você deveria ligar para ele para lhe contar o que está acontecendo, mas o problema não está aí.

O Processo não importa.

435-4130 11-1 Califórnia.

Saída às 6h30, horário da Califórnia

UR_F 60 <painel direito>

Não há medo no amor perfeito. No ódio só existe medo. Não se deixe enganar pela ideia de neutralidade. A vingança é minha, diz o ego, e a morte é a sua arma mais forte.

UR_F 61 <painel esquerdo>

Ore por ele e não se preocupe com o que você pensa que ele tem feito com você.

Ele está bem e você também.

Fique em paz com isso.

11-2 terminado

UR_F 61 <painel direito>

Esse é um efeito Librium, no entanto, apenas parcialmente.

Você pode não conseguir cortar o Librium sem muita ansiedade, no entanto, você perceberá que ele está aumentando, com o aumento da ansiedade.

Não faça uma mudança radical agora. Você não está pronto.

No entanto, considere a necessidade de fazer isso, o que pode ser tudo o que você pode fazer no momento.

UR_F 62 <painel esquerdo>

Não se preocupe. Não há motivo para alarme em tudo o que você faz. Librium não irá prejudicá-la e sec.[?] não tem efeito. Há um ponto, entretanto, a ser lembrado.

O que você pensa que machucará você machucará.

O que você pensa que não machucará você não machucará.

Fique quieto e saiba que eu sou Deus e você não deixará de dormir.

31/07/78

UR_F 62 <painel direito>

Não há ajuda na sua atitude???

O exame foi adequado, no entanto, didático ??????. Isso é uma questão de confiança para deixar isso ir, porque/vem a ser (because/become) conforto?? para submeter??. Portanto, você não gostará das suposições porque não confia nelas. Você não está pronto para inventá-las.

9-11

12-1

UR_F 63 <painel esquerdo>

Isso é para ele. Ele dormirá como um bebê por causa do seu perdão. Ele não necessita de mais nada. Eu garanto o sono dele. Uma pílula não é capaz.

UR_F 63 <painel direito>

a raiva queima e a raiva é assassina. Não admira que você esteja com medo. Essa é a causa. Entretanto, Jonathan é capaz de ajudar com o paliativo, que você necessita nessas circunstâncias.

Não há necessidade de consultar um médico. Você será curada [healed].

Não faça nada além de manter isso limpo com óleo mineral e usar a desitin [pomada?].

UR_F 64

Eu sou o menor e ainda assim o maior. Eu que ando com você tenho o poder do Céu comigo.

Eu vou na glória. Pois você caminha comigo.

Entrega-me nos braços do Pai Nosso.

UR_F 65

?? ?? meu senhor, ?????

Eu busco os Braços Perenes do Pai, que eu sozinha nunca sou capaz de achar

Pois eu sou frágil na busca e no amor.

Haverá alguém que segurará uma mão hesitante diante de mim em minha jornada solitária, que bloqueará para sempre o caminho para mim e eu desmaiarei nas garras de uma ilusão.

Mas venha/traga você comigo e eu não serei capaz de deixar de achar a casa de meu Pai. À medida que nós nos aproximamos do portão santo, as ilusões estremecem

As ilusões estremecem a partir da luz que nós trazemos e os anjos vêm oferecer-nos/a mim as suas asas.

Miracles Pathway Fellowship,

Guelph, Ontario,

Canada

http://www.execulink.com/~dthomp75/2007/index.htm

E-mail: [email protected]

Telefone: 1-519-780-0922

Para obter mais informações referentes a esse documento e o restante da distribuição das Notas Taquigrafadas da Miracles Pathway Fellowship, consulte as Notas de Lançamento e o Guia de Início Rápido que acompanham essa distribuição.

—–

Imagem joshua-woroniecki-aQmVjrxyZgo-unsplash.jpg 26.12.2023

Bibliografia da OREM3:

Livro “Um Curso em Milagres” – Livro Texto, Livro de Exercícios e Manual de Professores. Fundação para a Paz Interior. 2ª Edição –  copyright© 1994 da edição em língua portuguesa.

Artigo “Helen and Bill’s Joining: A Window Onto the Heart of A Course in Miracles” (tradução livre: A União de Helen e Bill: Uma Janela no Coração de Um Curso em Milagres”) – Robert Perry, site: https://circleofa.org/

E-book “What is A Course in Miracles” (tradução livre: O que é Um Curso em Milagres) – Robert Perry.

E-book “Autobiography – Helen Cohn Schucman, Ph.D.” – Foundation for Inner Peace (tradução livre: Autobiografia – Helen Cohn Schucman, Ph.D., Fundação para a Paz Interior).

Livro “Uma Introdução Básica a Um Curso em Milagres”,  Dr. Kenneth Wapnick, Ph.D.

Livro “O Desaparecimento do Universo”, Gary R. Renard.

Livro “Absence from Felicity: The Story of Helen Schucman and Her Scribing of A Course in Miracles” (tradução livre: “Ausência de Felicidade: A História de Helen Schucman e Sua Escriba de Um Curso em Milagres”) – Dr. Kenneth Wapnick, Ph.D.

Artigo “A Short History of the Editing and Publishing of A Course in Miracles” (tradução livre: Uma Breve História da Edição e Publicação de Um Curso em Milagres” – Joe R. Jesseph, Ph.D. http://www.miraclestudies.net/history.html

E-book “Study Guide for A Course in Miracles”, Foundation for Inner Peace (tradução livre: Guia de Estudo para Um Curso em Milagres, Fundação para a Paz Interior).

Artigo “The Course’s Use of Language” (tradução livre: “O Uso da Linguagem do Curso”), extraído do livro “The Message of A Course in Miracles” (tradução livre: “A Mensagem de Um Curso em Milagres”) – Dr. Kenneth Wapnick, Ph.D.

Artigo Who Am I? (tradução livre: Quem Sou Eu?) – Beverly Hutchinson McNeff – Site: https://www.miraclecenter.org/wp/who-am-i/

Artigo “Jesus: The Manifestation of the Holy Spirit – Excerpts from the Workshop held at the Foundation for A Course in Miracles – Temecula CA” (tradução livre: Jesus: A Manifestação do Espírito Santo – Trechos da Oficina realizada na Fundação para Um Curso em Milagres – Temecula CA) – Dr. Kenneth Wapnick, Ph.D.

Livro “Quantum Questions” (tradução livre: “Questões Quânticas”) – Ken Wilburn

Livro “Um Retorno ao Amor” – Marianne Williamson.

Glossário do site Foundation for A Course in Miracles (tradução livre: Fundação para Um Curso em Milagres), do Dr. Kenneth Wapnick, https://facim.org/glossary/

Livro Um Curso em Milagres – Esclarecimento de Termos.

Artigo “The Metaphysics of Separation and Forgiveness” (tradução livre: “A Metafísica da Separação e do Perdão”) – Dr. Kenneth Wapnick, Ph.D.

Livro “Os Ensinamentos Místicos de Jesus” – Compilado por David Hoffmeister – 2016 Living Miracles Publications.

Livro “Suplementos de Um Curso em Milagres UCEM – A Canção da Oração” – Helen Schucman – Fundação para a Paz Interior.

Livro “Suplementos de Um Curso em Milagres UCEM – Psicoterapia: Propósito, Processo e Prática.

Workshop “O que significa ser um professor de Deus”, proferido pelo Dr. Kenneth Wapnick, Ph.D..

Artigo escrito pelo escritor Paul West, autor do livro “I Am Love” (tradução livre: “Eu Sou Amor”), blog https://www.voiceforgod.net/.

Artigo “The Beginning Of The World” (tradução livre: “O Começo do Mundo”) – Dr Kenneth Wapnick.

Artigo “Duality as Metaphor in A Course in Miracles” (tradução livre: “Dualidade como Metáfora em Um Curso em Milagres”) – Um providencial e didático artigo, considerado pelo próprio autor como sendo um dos artigos (workshop) mais importantes por ele escrito e agora compartilhado pelo Dr. Kenneth Wapnick, Ph.D.

Artigo “Healing the Dream of Sickness” (tradução livre: “Curando o Sonho da Doença”  – Dr. Kenneth Wapnick, Ph.D.

Livro “The Message of A Course in Miracles – A translation of the Text in plain language” (tradução livre: “A mensagem de Um Curso em Milagres – Uma tradução do Texto em linguagem simples”) – Elizabeth A. Cronkhite.

E-book “Jesus: A New Covenant ACIM” – Chapter 20 – Clearing Beliefs and Desires – Cay Villars – Joininginlight.net© (tradução livre: “Jesus: Uma Nova Aliança UCEM” – Capítulo 20 – Clarificando Crenças e Desejos).

Artigo “Strangers in a Strange World – The Search for Meaning and Hope” (tradução livre: “Estranhos em um mundo estranho – A busca por significado e esperança”), escrito pelo Dr. Kenneth Wapnick e por sua esposa Sra. Gloria Wapnick.

Artigo “To Be in the World and Not of It” (tradução livre: “Estar no Mundo e São Ser Dele”), escrito pelo Dr. Kenneth Wapnick e por sua esposa Sra. Gloria Wapnick.

Site https://circleofa.org/.

Livro “A Course in Miracles – Urtext Manuscripts – Complete Seven Volume Combined Edition. Published by Miracles in Action Press – 2009 1ª Edição.

Tradução livre do capítulo Urtext “The Relationship of Miracles and Revelation” (N 75 4:102).

Artigo “How To Work Miracles” (tradução livre “Como Fazer Milagres”), de Greg Mackie https://circleofa.org/library/how-to-work-miracles/.

Artigo “A New Vision of the Miracle” (tradução livre: “Uma Nova Visão do Milagre”), de Robert Perry https://circleofa.org/library/a-new-vision-of-the-miracle/.

Artigo “What Is a Miracle?” (tradução livre: “O que é um milagre?”), de Robert Perry https://circleofa.org/library/what-is-a-miracle/.

Artigo “How Does ACIM Define Miracle?” (tradução livre: “Como o UCEM define milagre?”), de Bart Bacon https://www.miracles-course.org/index.php?option=com_content&view=article&id=232:how-does-acim-define-miracle&catid=37&Itemid=57.

Livro “Os cinquenta princípios dos milagres de Um Curso em Milagres”, de Kenneth Wapnick, Ph.D..

Artigo “The Fifty Miracle Principles: The Foundation That Jesus Laid For His Course” (tradução livre: “Os cinquenta princípios dos milagres: a base que Jesus estabeleceu para o seu Curso”), de Robert Perry https://circleofa.org/library/the-fifty-miracle-principles-the-foundation-that-jesus-laid-for-his-course/.

Artigo “Ishmael Gilbert, Miracle Worker” (tradução livre: “Ishmael Gilbert, Trabalhador em Milagre”), de Greg Mackie https://circleofa.org/library/ishmael-gilbert-miracle-worker/.

Blog “A versão Urtext da obra Um Curso em Milagres (UCEM)” https://www.umcursoemmilagresurtext.com.br/.

Blog “Course in Miracles Society – CIMS – Original Edition” https://www.jcim.net/about-course-in-miracles-society/.

Site Google tradutor https://translate.google.com.br/?hl=pt-BR.

Site WordReference.com | Dicionários on-line de idiomas https://www.wordreference.com/enpt/entitled.

Artigo “The earlier versions and the editing of A Course in Miracles” (tradução livre: “As versões iniciais e a edição de Um Curso em Milagres), autor Robert Perry https://circleofa.org/library/the-earlier-versions-and-the-editing-of-a-course-in-miracles/.

Livro “A Course in Miracles: Completed and Annotated Edition” (“Edição Completa e Anotada”) – Circle of Atonement.

Livro “Q&A – Detailed Answers to Student-Generated Questions on the Theory and Practice of A Course in Miracles” – Supervised and Edited by Kenneth Wapnick, Ph.D. – Foundation for A Course in Miracles – Publisher (tradução livre: “P&R – Respostas Detalhadas a Questões Geradas por Alunos sobre a Teoria e Prática de Um Curso em Milagres” – Supervisionado e Editado por Kenneth Wapnick, Ph.D. – Fundação para Um Curso em Milagres – Editora)

Artigo “The Importance of Relationships” (tradução livre: “A Importância dos Relacionamentos”), no site https://circleofa.org/library/the-importance-of-relationships/, autor Robert Perry.

Artigo: “The ark of peace is entered two by two” (tradução livre: “Na arca da paz só entram dois a dois”) – Robert Perry Site: https://circleofa.org/library/the-ark-of-peace-is-entered-two-by-two/

Artigo “Living a Course in Miracles As Wrong Minds, Right Minds, and Advanced Teachers – Part 2 of 3 – How Right Minds Live in the World: The Blessing of Forgiveness”, por Dr. Kenneth Wapnick, Ph.D.

Artigo “Living a Course in Miracles As Wrong Minds, Right Minds, and Advanced Teachers – Part 1 of 3 – How Wrong Minds Live in the World: The Ego’s Curse of Specialness”, por Dr. Kenneth Wapnick.

Transcrição do vídeo do Dr. Kenneth Wapnick no YouTube, intitulado: “Judgment” (tradução livre: “Julgamento”).  O artigo completo em inglês no site https://facim.org/transcript-of-kenneth-wapnick-youtube-video-entitled-judgment/.

Trechos do Workshop “The Meaning of Judgment” (tradução livre “O Significado de Julgamento”), realizado na Fundação para Um Curso em Milagres em Roscoe NY, ministrado pelo Dr. Kenneth Wapnick. O artigo completo em inglês no site: https://facim.org/online-learning-aids/excerpt-series/the-meaning-of-judgment/.

Comentários do professor de Deus Allen Watson, que transcrevemos, em tradução livre, do site Circle of Atonement (https://circleofa.org/workbook-companion/what-is-sin/).

Artigo “There is no sin” (tradução livre: “Não há pecado”), Robert Perry, site https://circleofa.org/library/there-is-no-sin/.

Artigo do Professor Greg Mackie, denominado “If God is Love Why do We Suffer?” (tradução livre: “Se Deus é Amor porque nós sofremos?”) https://circleofa.org/library/if-god-is-love-why-do-we-suffer/.

Artigo “The Ten Commandments and A Course in Miracles” (tradução livre: Os Dez Mandamentos e Um Curso em Milagres”), Greg Mackie, site https://circleofa.org/library/the-ten-commandments-and-a-course-in-miracles/.

Artigo escrito pelo Dr. Kenneth Wapnick, Ph.D. e pelo Padre Jesuíta W. Norris Clarke, da Companhia de Jesus, Ph.D., sobre o livro “Um Curso em Milagres e o Cristianismo: Um Diálogo”, disponível no site http://www.miraclestudies.net/Dialogue_Pref.html.

Livro “Um Curso em Milagres e o Cristianismo: Um Diálogo”, escrito pelo Dr. Kenneth Wapnick, Ph.D. e pelo Padre Jesuíta W. Norris Clarke, da Companhia de Jesus, Ph.D..

Artigo do Consultor, Escritor e Professor Rogier Fentener Van Vlissingen, de Nova Iorque, intitulado “A Course in Miracles and Christianity: A Dialogue” (“Um Curso em Milagres e o Cristianismo: Um Diálogo”), disponível no Blog Closing the Circle e acesso no link: https://acimnthomas.blogspot.com/2011/04/course-in-miracles-and-christianity.html.

Artigo sobre o livro “A Course in Miracles and Christianity: A Dialogue” (tradução livre “Um Curso em Milagres e o Cristianismo: Um Diálogo”), escrito por Dr. Kenneth Wapnick, Ph.D. e o Padre Jesuíta W. Norris Clarke, da Companhia de Jesus, Ph.D. Site http://www.miraclestudies.net/Dialogue_Pref.html.

Artigo do professor Robert Perry intitulado “Do we have a chalice list?” (tradução livre: “Temos uma lista de cálice?”), acesso através do link: https://circleofa.org/2009/07/13/do-we-have-a-chalice-list/.

Artigo “The religion of the ego” (tradução livre: “A religião do ego”), Robert Perry, link https://circleofa.org/library/the-religion-of-the-ego/.

Artigo “A New Realities Interview with William N. Thetford, Ph.D.”, conduzida por James Bolen em abril de 1984. Tradução livre Projeto OREM®. Artigo em inglês https://acim.org/archives/a-new-realities-interview-with-william-n-thetford/.

Artigo “Why is sin merely a mistake?” [tradução livre “Por que o pecado é apenas um erro?”], Robert Perry, link https://circleofa.org/library/why-is-sin-merely-a-mistake/.

Artigo “What a difference a few words make” (tradução livre: “Que diferença algumas palavras fazem”), Greg Mackie, disponível no link https://circleofa.org/library/what-a-difference-a-few-words-make/.

Artigo “Near-Death Experiences and A Course in Miracles” [Experiências de Quase-Morte e Um Curso em Milagres], coescrito por Robert Perry, B.A. (Cranborne, United Kingdom) e Greg Mackie, B.A. (Xalapa, Mexico), link https://circleofa.org/library/near-death-experiences-course-miracles/.

Artigo “Near-Death Experiences and A Course in Miracles Revisited” [Experiências de Quase-Morte e Um Curso em Milagres Revisitado], escrito por Greg Mackie, link Revisitado], e pode ser acessado no link https://circleofa.org/library/near-death-experiences-and-a-course-in-miracles-revisited/.

Artigo “Watch With Me, Angels” [Vigiem comigo, anjos], Robert Perry, link https://circleofa.org/library/watch-with-me-angels/.

Artigo transcrito de Workshop apresentado pelo Dr. Kenneth Wapnick, denominado “Watching With Angels [Vigiar com anjos], link: https://facim.org/watching-with-angels-part-1/.

Artigo “How Does Projection Really Work? [Como a Projeção realmente funciona?], Robert Perry, que pode ser acessado através do link https://circleofa.org/library/how-does-projection-really-work/.

Artigo “The Practical Implications of Projection: Summary of a Class Presentation” [tradução livre: “As Implicações Práticas da Projeção: Resumo de uma Apresentação de Aula”] poderá ser acessado através do link  https://circleofa.org/library/practical-implications-projection/.

Artigo “Reverse Projection: “As you see him you will see yourself” [tradução livre: “Projeção Reversa: ‘Assim como tu o vires, verás a ti mesmo’”], Robert Perry, link https://circleofa.org/library/reverse-projection-see-him-see-yourself/.

Artigo denominado “Are we living in a virtual reality” [“Nós estamos vivendo em uma realidade virtual?], Greg Mackie, link https://circleofa.org/library/are-we-living-in-a-virtual-reality/.

Artigo disponibilizado pelo site Pathways of Light, denominado “From Virtual do True Reality” [Da Realidade Virtual à Verdadeira], link https://www.pathwaysoflight.org/daily_inspiration/print_pol-blog/from-virtual-to-true-reality.

Série de artigos denominada “Rewriting the Rules of Virtual Reality” [Reescrevendo as Regras da Realidade Virtual] – partes 1 a 4, Dr. Joe Dispenza, link https://drjoedispenza.com/blogs/dr-joe-s-blog/rewriting-the-rules-of-virtual-reality-part-i.

Artigo “Commentary on What is Salvation” [“Comentário sobre O Que é Salvação”], Allen Watson, link https://circleofa.org/workbook-companion/what-is-salvation/.

Site oficial do Professor Allen Watson http://www.allen-watson.com/;

Artigo “Special Theme: What Is Salvation? [“Tema Especial: O Que É A Salvação?”], Thomas R. Wakechild, que pode ser acessado através do link http://acourseinmiraclesfordummies.com/blog/wp-content/uploads/2014/07/PDF-What-is-Salvation-with-Notes-Upload-7-15-14-ACIM-Workbook-for-Dummies.pdf.

Artigo “The Core Unit of Salvation” [A Unidade Central da Salvação], Robert Perry, link https://circleofa.org/library/the-core-unit-of-salvation/.

Artigo “ACIM Study Guide and Commentary – Chapter 5, Healing and Wholeness – Section III – The Guide to Salvation” [Guia de Estudo e Comentários ACIM – Capítulo 5 – Cura e Integridade – Seção III – O Guia para a Salvação], Allen Watson, acesso através do link http://www.allenwatson.com/uploads/5/0/8/0/50802205/c05s03.pdf.

Artigo “Commentaries on A Course in Miracles – ACIM Text, Section 1.I – Principles of Miracles” (“Comentários sobre Um Curso em Milagres – UCEM Texto, Seção 1.I – Princípios dos Milagres”), Allen Watson, site http://www.allen-watson.com/uploads/5/0/8/0/50802205/c01s01a.pdf

Artigo “A Course in Miracles: The Guide to Salvation” [Um Curso em Milagres: O Guia para a Salvação”], Sean Reagan, acesso através do link https://seanreagan.com/a-course-in-miracles-the-guide-to-salvation/.

Artigo “The Urgency of Doing Our Part in Salvation” [“A Urgência de Fazer Nossa Parte na Salvação”], Greg Mackie, acesso através do link https://circleofa.org/library/urgency-of-doing-our-part-in-salvation/.

Artigo “Shadow Figures” [figuras de sombra], Robert Perry, acesso através do link https://circleofa.org/library/shadow-figures/.

Artigo-estudo intitulado “Shadows of the Past” [Sombras do Passado], Allen A. Watson, acesso através do  link http://www.allen-watson.com/allens-text-commentaries.html.

Recomendamos o site The Pathways of Light Community, para reforços no processo de estudo: https://www.pathwaysoflight.org.

Artigo sobre o Capítulo 17: O Perdão e o Relacionamento Santo – Seção III: Sombras do passado; pode ser acessado através do link: https://www.pathwaysoflight.org/acim_text/print_acim_page/chapter17_section_iii.

Transcrição de palestra do professor David Hoffmeister, estudante, pesquisador e eminente divulgador de UCEM, durante a Conferência “A Course in Miracles – ACIM” [“Um Curso em Milagres”], no mês de fevereiro de 2007, acesso através do link https://awakening-mind.org/resources/publications/accepting-the-atonement-for-yourself/. As diversas palestras do professor David podem ser acessadas, em inglês, no site https://acim-conference.net/past-acim-conferences/.

Trechos do workshop realizado na Fundação para Um Curso em Milagres (Foundation for A Course in Miracles), em Roscoe, Nova Iorque, denominado “Regras para decisões”, Dr. Kenneth Wapnick, Ph.D., no link https://facim.org/online-learning-aids/excerpt-series/rules-for-decision/.

Artigo “Levels of Mind: Looking at the ‘Layers’ of Mind that form Perception” (“Níveis da Mente: Olhando para as ‘Camadas’ da Mente que formam a Percepção”), Site https://miracleshome.org/publications/levelsofmind.htm.

Artigo “To Desire Wholly is to Be” (“Desejar Totalmente é Ser”), do professor David Hoffmeister. Site: https://miracleshome.org/supplements/todesirewholly_171.htm.

Artigo “The Glory of Who We Really Are” [“A glória de quem nós realmente somos”], do professor Greg Mackie. Site: https://circleofa.org/library/the-glory-of-who-we-really-are/?inf_contact_key=2c1c99e05ff3c25330a7916d84d19420680f8914173f9191b1c0223e68310bb1.

Artigo “The difference between horizontal and vertical perception”, Paul West (16/09/2019). Site https://www.voiceforgod.net/blogs/acim-blog/the-difference-between-horizontal-and-vertical-perception.

Artigo “The Holy Relationship: The Source of Your Salvation [“O Relacionamento Santo: A Fonte de Sua Salvação”], Greg Mackie. Site Circle of Atonement, https://circleofa.org/library/holy-relationship-source-of salvation/?inf_contact_key=791ef4a4c578a34f45d28b436fec486d680f8914173f9191b1c0223e68310bb1.

Artigo “On Becoming the Touches of Sweet Harmony – The Holy Relationship as Metaphor – Part 1 and Part 2” [“Sobre se Tornar os Realces da Amena Harmonia – O Relacionamento Santo como Metáfora – Parte 1 e Parte 2”], 1º de junho de 2018, Volume 22 Nº 2 – Junho 2011, Dr. Kenneth Wapnick, Ph.D. Site https://facim.org/becoming-touches-sweet-harmony-holy-relationship-metaphor/.

Livro “Your Immortal Reality: How to Break the Cycle of Birth and Death” (tradução livre: “A Sua Realidade Imortal: Como Quebrar o Ciclo de Nascimento e Morte), de autoria de Gary R. Renard.

Fonte de consulta para a tradução dos Dez Mandamentos em português: https://biblia.com.br/perguntas-biblicas/quais-sao-os-10-mandamentos-e-onde-os-encontramos-na-biblia-cl/.

Artigo “Summary of the Thought System of “A Course in Miracles” [Resumo do Sistema de Pensamento de “Um Curso em Milagres”]. Links https://facim.org/summary-of-the-thought-system-of-a-course-in-miracles-part-1/; https://facim.org/summary-of-the-thought-system-of-a-course-in-miracles-part-2/.

Artigo “Miracles boomeritis” [Boomerite dos Milagres], Robert Perry, https://circleofa.org/library/miracles-boomeritis/.

Livro “Boomerite: Um romance que tornará você livre” [na versão em português; “Boomeritis: A Novel That Will Set You Free”, na versão original em inglês].

Artigo “A brief summary of “The obstacles to peace” [“Um breve resumo de “Os obstáculos à paz”], Robert Perry, site Circle of Atonement, link https://circleofa.org/library/brief-summary-obstacles-to-peace/.

Artigo “A Course in Miracles and ‘The Secret’” [“Um Curso em Milagres e ‘O Segredo’”], Greg Mackie. Site https://circleofa.org/library/a-course-in-miracles-and-the-secret/.

Artigo “How can the Course help us cope with a financial crisis” [“Como o Curso pode nos ajudar a lidar com uma crise financeira?”], Greg Mackie. Site https://circleofa.org/library/course-help-cope-with-financial-crisis/.

Artigo “True Empathy” [“A Verdadeira Empatia”], autor Robert Perry. Site https://circleofa.org/library/true-empathy/.

Artigo: “I NEED BE ANXIOUS OVER NOTHING”, autor Greg Mackie. Site: https://circleofa.org/library/carefree-life/;

Artigo “16-POINT SUMMARY OF THE TEACHING OF A COURSE IN MIRACLES”, autor Robert Perry. Site: https://circleofa.org/library/creation-by-god/

Livro “365 Days Through A Course in Miracles – A Daily Devotional”, de Jeff Nance.

Artigo ‘The Introduction to the Workbook’, de Allen Watson. Site: https://circleofa.org/workbook-companion/the-introduction-to-the-workbook/

Vídeo do Dr. Kenneth Wapnick, abordando a afirmação do livro Texto: “Faça com que esse ano seja diferente, fazendo com que tudo seja o mesmo” ((UCEM-Urtext-T-15.XI.10:11), disponível no YouTube através do link:  https://www.youtube.com/watch?v=KFNCHw_Hb5Q.

Artigo do Professor Robert Perry, denominado “THIS YEAR MAKE DIFFERENT: HOW THE COURSE WOULD HAVE US APPROACH THE NEW YEAR” [Tradução livre “Faça com que esse ano seja diferente: Como o Curso nos quer fazer abordar o Ano Novo”], disponível em inglês através do link: https://circleofa.org/library/a-different-approach-to-the-new-year/.

Livro “The Journey Home” de autoria do Dr. Kenneth Wapnick sobre a seção “The Closing of the Gap” [versão FIP do Curso: “Fechar a brecha”].

Um milagre é uma correção. Ele não cria e realmente não muda nada. Apenas olha para a devastação e lembra à mente que o que ela vê é falso. Desfaz o erro, mas não tenta ir além da percepção, nem superar a função do perdão. Assim, permanece nos limites do tempo. LE.II.13

Nada real pode ser ameaçado.
Nada irreal existe.
Nisso está a paz de Deus.
T.In.2:2-4
Autor

Graduação: Engenheiro Operacional Químico. Graduação: Engenheiro de Segurança do Trabalho. Pós-Graduação: Marketing PUC/RS. Pós-Graduação: Administração de Materiais, Negociações e Compras FGV/SP. Consultor de Empresas: Projeto OREM® - Organizações Baseadas na Espiritualidade (OBEs). Estudante e Pesquisador Independente sobre Espiritualidade Não-Dualista; Psicofilosofia Huna e Ho’oponopono; A Profecia Celestina; Um Curso em Milagres (UCEM); Espiritualidade no Ambiente de Trabalho (EAT); A Organização Baseada na Espiritualidade (OBE). Certificação: “The Self I-Dentity Through Ho’oponopono® - SITH® - Business Ho’oponopono” - 2022.

0 0 votes
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
0
Would love your thoughts, please comment.x