Tendo como base a ideia e a proposta do livro “365 Days Through A Course in Miracles – A Daily Devotional”, de Jeff Nance, o objetivo dessa série de artigos do Projeto OREM® – OREM3 é analisarmos todo o material disponível e relevante sobre o Livro de Exercícios de Um Curso em Milagres para cada exercício diário, de maneira a auxiliar e facilitar o entendimento sobre o sistema de pensamento do Curso.

Para cada dia de estudo, nós estaremos incluindo também uma parte relevante do livro Texto, uma parte relevante do Material Suplementar (Cadernos de Taquigrafia de Helen Schucman e Versão Urtext de UCEM), alguns artigos relevantes de Professores Avançados e as próprias lições do Livro de Exercícios para cada dia (365 dias).

Lembrando que grande parte dos materiais suplementares (cadernos de taquigrafia de Helen e versão Urtext de UCEM), que constarão nessa série de artigos, não foram considerados na edição final de Um Curso em Milagres, por terem sido considerados “muito pessoais” pela equipe responsável pela edição1, porém importantes como material complementar, como nós veremos a seguir, por se tratar da ensinamentos compartilhados pelo autor do livro (Jesus).

Veja detalhes em artigo na Categoria “Um Curso em Milagres” de número 12 – “As versões iniciais e a edição de UCEM”.

Como diz Jeff Nance, “milagres não faltam!”

Nota: Nós consideramos que o estudante se beneficiará dessa série de artigos do Projeto OREM® a partir do momento que, já tendo concluída a leitura do livro Texto, realizado os exercícios e práticas do Livro de Exercícios e concluída a leitura do Manual de Professores, estará, portanto, nesse momento, retomando uma segunda rodada de conhecimento e entendimento do sistema de pensamento de Um Curso em Milagres (UCEM).

“Esse curso é um começo, não um fim…” (T-Prefácio)

Tradução livre Projeto OREM®

Dia 189

CAPÍTULO 15 – O PROPÓSITO DO TEMPO

Introdução

“Você pode imaginar o que significa não ter cuidados, preocupações, ansiedades, mas apenas ser perfeitamente calmo e sereno o tempo todo? No entanto, é para isso que serve o tempo; para aprender apenas isso e nenhuma outra coisa mais. O Professor de Deus não pode ficar satisfeito com o Seu ensinamento, até que esse ensinamento constitua TODO o seu aprendizado. Ele não terá cumprido a Sua função de ensino até que você tenha se tornado um aprendiz tão consistente QUE APRENDA APENAS COM ELE. Quando isso tiver acontecido, você não mais terá necessidade de um professor ou de tempo para aprender.

Uma das fontes de desencorajamento percebido da qual você poderá sofrer é a sua crença em que ISSO LEVA TEMPO e que os resultados finais do ensino do Espírito Santo estão em um futuro distante. Isso não é assim. Pois o Espírito Santo USA o tempo à Sua PRÓPRIA maneira e NÃO é limitado a ele. O tempo é Seu amigo no ensino. O tempo não O desgasta, assim como desgasta a você. Mas todo o desgaste que o tempo parece trazer consigo é devido apenas à sua identificação com o ego, que usa o tempo para dar suporte à própria crença na destruição. O ego, como o Espírito Santo, usa o tempo para convencer a você sobre a inevitabilidade da meta e do fim do ensinamento. Para o ego, a meta é a morte, que É o seu fim. Mas para o Espírito Santo, a meta é a vida, que não tem fim”.

Os Usos do Tempo

“O ego É um aliado do tempo, mas NÃO um amigo. Pois ele é tão desconfiado da morte quanto da vida e o que ele quer para você, ele não pode tolerar. O ego quer que VOCÊ morra, mas NÃO ele mesmo. O resultado da sua estranha religião TEM QUE, portanto, ser a convicção de que ela pode persegui-lo ALÉM do túmulo. E como ele não quer que você encontre a paz, nem mesmo na morte, ele oferece a você a imortalidade no inferno. Ele fala com você sobre o Céu, mas lhe assegura que o Céu não é para você. Como podem os culpados esperar pelo Céu?

A crença no inferno é inevitável para aqueles que se identificam com o ego. Os seus pesadelos e os seus medos estão todos associados a ele. O ego ensina que o inferno está NO FUTURO, pois é para isso que TODO o seu ensinamento é direcionado. O INFERNO É A SUA META. Pois, embora o ego ambicione a morte e a dissolução como um fim, ELE não acredita nisso. A meta da morte, que ele anseia para você, o deixa insatisfeito. Ninguém que segue o ensinamento do ego pode deixar de ter MEDO da morte. No entanto, se pensássemos na morte apenas como um fim para a dor, ela seria TEMIDA?

Nós já vimos antes esse estranho paradoxo no sistema de pensamento do ego, mas nunca tão claramente quanto aqui. Pois o ego tem que APARENTAR AFASTAR O MEDO DE VOCÊ, para manter a sua fidelidade. Ao mesmo tempo, ele tem que engendrar medo, a fim de se manter. Mais uma vez, o ego tenta e com muita frequência consegue, fazer as duas coisas, mas usando a dissociação para manter unidos os seus objetivos contraditórios, de modo que PAREÇAM conciliados.

Assim, o ego ensina: A morte é o fim, no que diz respeito à esperança do Céu. Entretanto, porque você e ELE MESMO [o ego] não podem ser separados e porque ele não pode conceber a PRÓPRIA morte, ele ainda o perseguirá, PORQUE A SUA CULPA É ETERNA. Tal é a versão do ego acerca da imortalidade. E é ISSO que a versão que ele dá ao tempo ele apoia.

O ego ensina que o Céu está aqui e agora, porque o FUTURO é o inferno. Mesmo quando ataca tão selvagemente que tenta tirar a vida de alguém que o ouve temporariamente como a ÚNICA voz, o ego ainda fala do inferno até mesmo para ele. Pois diz a ele que o inferno está AQUI e o convida a pular [escapar] do inferno para o esquecimento. O único tempo que o ego permite que alguém olhe com alguma equanimidade é o PASSADO. E mesmo assim, o seu único valor está em que ele [o passado] não existe mais.

Como é sombrio e desesperador o uso que o ego faz do tempo! E como ATERRORIZA! Pois sob a sua insistência fanática de que o passado e o futuro sejam iguais, está escondida uma ameaça muito mais insidiosa à paz. O ego não anuncia a sua ameaça final, pois quer  que os seus adoradores ainda acreditem que ELE pode oferecer-lhes uma SAÍDA. Mas a crença na culpa TEM QUE levar à CRENÇA NO INFERNO e SEMPRE O FAZ. A única maneira pela qual o ego permite que o medo do inferno seja experienciado é TRAZENDO O INFERNO PARA CÁ, mas SEMPRE como uma antecipação do futuro. Pois ninguém que se considere MERECEDOR do inferno, pode acreditar que a punição terminará em paz.”

Urtext – Psicoterapia: Propósito, Processo e Prática

1. O Propósito da Psicoterapia

Introdução

“Dito muito simplesmente, o propósito da psicoterapia é remover os bloqueios à verdade. O seu objetivo é ajudar o paciente a abandonar o seu sistema fixo de delusões e começar a reconsiderar as relações falsas de causa e efeito nas quais ele se baseia. Ninguém nesse mundo escapa do medo, mas todos podem reconsiderar as suas causas e aprender a avaliá-la corretamente. Deus deu a todos um Professor cuja sabedoria e ajuda em muito excedem quaisquer contribuições que um terapeuta terreno possa oferecer. No entanto, existem momentos e situações nos quais um relacionamento terreno entre paciente e terapeuta pode vir a ser o meio através do qual Ele oferece as Suas maiores dádivas aos dois.

Que melhor propósito qualquer relacionamento poderia ter do que convidar o Espírito Santo a participar dele dando-lhe a grande dádiva da alegria? Que meta mais elevada qualquer um poderia ter do que aprender a invocar a Deus e ouvir a Sua Resposta? E que objetivo mais transcendente pode haver do que revocar o Caminho, a Verdade e a Vida e lembrar-se de Deus? Ajudar nisso é o propósito adequado da psicoterapia. Que outra coisa poderia ser mais santa? Pois a psicoterapia, propriamente compreendida, ensina o perdão e ajuda o paciente a reconhecê-lo e aceitá-lo. E, na sua cura, o terapeuta é perdoado junto com ele.”

Urtext – Livro de Exercícios para Estudantes

Lição 189

“’Sinto o Amor de Deus dentro de mim agora.’

Há, em ti, uma luz que o mundo não pode perceber. E com os olhos do mundo não verás essa luz, pois estás cego pelo mundo. No entanto, tens olhos para vê-la. Ela está aí, para que a contemples. Não foi colocada em ti para ser mantida oculta da tua vista. Essa luz é um reflexo do pensamento que praticamos agora. Sentir o Amor de Deus dentro de ti é ver o mundo com novos olhos, brilhando em inocência, vivo em esperança e abençoado com perfeita caridade e amor.

Quem poderia sentir medo em um mundo tal como esse? Ele te acolhe, regozija-se por teres vindo e canta louvores a ti enquanto te mantém à salvo de qualquer forma de perigo e dor. Oferece-te um lar quente e gentil para passares algum tempo. Abençoa-te durante o dia e à noite vela por ti como um guardião silencioso do teu sono santo. Ele vê a salvação em ti e protege a luz em ti , na qual vê a sua própria. Oferece-te as suas flores e a sua neve, em agradecimento pela tua benevolência.

Esse é o mundo que o Amor de Deus revela. É tão diferente do mundo que vês através dos olhos escurecidos pela malicia e pelo medo, que um desmente o outro. Só é possível perceber um deles. O outro é totalmente sem significado. Um mundo em que o perdão brilha sobre todas as coisas e a paz oferece a sua luz gentil a todas as pessoas é inconcebível para aqueles que vêem surgir do ataque um mundo de ódio, pronto para vingar, assassinar e destruir.

No entanto, o mundo do ódio é igualmente invisível e inconcebível para aqueles que sentem em si o Amor de Deus. O mundo que vêem reflete a quietude e a paz que brilham neles, a gentileza e a inocência que vêem ao seu redor, a alegria com que olham para fora a partir dos inesgotáveis mananciais dentro de si e em toda parte vêem o seu reflexo seguro.

O que queres ver? A escolha te é dada. Mas aprende e nunca permitas que a tua mente esqueça essa lei que rege o que tu vês. Contemplarás o que sentes por dentro. Se o ódio acha um lugar dentro do teu coração, perceberás um mundo amedrontador, cruelmente preso entre os ossudos e afiados dedos da morte. Se sentes o Amor de Deus dentro de ti, olharás para fora e verás um mundo de misericórdia e de amor.

Hoje, ultrapassamos as ilusões ao buscarmos alcançar o que é verdadeiro em nós e sentirmos a sua ternura que envolve todas as coisas, o seu Amor que nos conhece tão perfeitos como ele mesmo e o seu modo de ver, que é a dádiva que nos é concedida pelo seu Amor. Hoje, aprendemos o caminho. É tão seguro quanto o próprio Amor ao qual nos transporta. Pois a sua simplicidade evita as armadilhas que as tolas acrobacias do aparente raciocínio do mundo só servem para esconder.

Faze simplesmente isso: aquieta-te e deixa de lado todos os pensamentos sobre o que és e o que Deus é; todos os conceitos que aprendeste sobre o mundo; todas as imagens que tens de ti mesmo. Esvazia a tua mente de tudo o que ela pensa ser verdadeiro ou falso, bom ou mau, de todo pensamento que julga digno e de todas as ideias das quais se envergonha. Não retenhas nada. Não tragas contigo nenhum pensamento que o passado tenha te ensinado e nenhuma crença que tenhas aprendido com qualquer coisa anteriormente. Esquece-te desse mundo, esquece-te deste curso e vem com as mãos totalmente vazias ao teu Deus.

Não é Ele Aquele Que conhece o caminho que leva a ti? Não precisas conhecer o caminho para Ele. A tua parte consiste apenas em permitires que todos os obstáculos que interpuseste entre o Filho e Deus Pai sejam quietamente removidos para sempre. Deus fará a Sua parte te respondendo imediatamente com alegria. Pede e recebe. Mas não faças exigências, nem indiques a Deus a estrada pela qual Ele deveria aparecer a ti. O modo de alcançá-Lo é simplesmente deixá-Lo ser. Pois deste modo a tua realidade também é proclamada.

E assim, hoje não escolhemos o caminho pelo qual vamos a Ele. Mas, de fato, escolhemos deixá-Lo vir. E com essa escolha descansamos. E em nossos corações serenos e mentes abertas, o Seu Amor abrirá o caminho por si mesmo. Aquilo que não foi negado está lá com toda a certeza se for verdadeiro, e certamente pode ser alcançado. Deus conhece Seu Filho e conhece o caminho para ele. Não precisa que o Seu Filho Lhe mostre como achar o Seu caminho. Através de cada porta aberta, o Seu Amor brilha refletindo-se no exterior a partir da sua morada interna e ilumina o mundo em inocência.

Pai, não conhecemos o caminho para Ti. Mas chamamos e Tu nos respondeste. Não interferiremos. Os caminhos da salvação não são os nossos, pois pertencem a Ti. E é em Ti que procuramos por eles. Nossas mãos estão abertas para receberem as Tuas dádivas. Não temos pensamentos separados de Ti e não alimentamos crenças a respeito do que somos ou de Quem nos criou. O caminho que queremos encontrar e seguir é o Teu. E pedimos apenas que a Tua Vontade, que é também a nossa, seja feita em nós e no mundo para que ele se torne uma parte do Céu agora. Amém.”

—–

Dia 190

“O Espírito Santo ensina assim: Não HÁ nenhum inferno. O inferno é apenas o que o ego fez DO PRESENTE. A CRENÇA no inferno é o que IMPEDE a você de ENTENDER o presente, porque VOCÊ TEM MEDO DELE.

O Espírito Santo conduz ao Céu com a mesma firmeza com que o ego conduz ao inferno. Pois o Espírito Santo, Que conhece APENAS o presente, usa-o para DESFAZER o medo através do qual o ego quer fazer com que o presente seja inútil. NÃO HÁ COMO ESCAPAR do medo, no uso que o ego faz do tempo. Pois o tempo, de acordo com o seu ensinamento, nada mais é do que um dispositivo de ensino para COMPOR a culpa, até que ela se torne abrangente e exija vingança para sempre.

O Espírito Santo quer desfazer TUDO isso AGORA. O medo NÃO é do presente, mas APENAS do passado e do futuro, que não existem. Não há medo no presente, quando cada instante se apresenta claro e separado do passado, sem que a sua sombra alcance o futuro. Cada instante é um nascimento limpo e sem mancha, no qual o Filho de Deus emerge do passado para o presente. E o presente SE ESTENDE PARA SEMPRE. É tão bonito e tão limpo e tão livre de culpa, que nada existe nele além de felicidade. Nenhuma escuridão é lembrada e a sua imortalidade e a alegria são AGORA.

Essa lição não toma tempo. Pois o que é o tempo, SEM um passado e sem um futuro? Levou tempo para desviá-lo tão equivocadamente de forma tão completa, mas não leva absolutamente tempo algum para SER o que você É. Comece a praticar o USO do tempo que o Espírito Santo faz dele, como um recurso de ensino para chegar à felicidade e à paz. Tome esse exato instante, AGORA, e pense nele como sendo TUDO O QUE HÁ do tempo. Aqui, nada do passado pode alcançá-lo e é aqui que você é COMPLETAMENTE absolvido, COMPLETAMENTE livre e TOTALMENTE sem condenação. A partir desse instante santo, onde nasce a santidade, você avançará no tempo sem medo e sem ter a sensação de mudança COM o tempo.

Não HÁ nenhum inferno. O inferno é apenas o que o ego fez DO PRESENTE. A CRENÇA no inferno é o que IMPEDE a você de ENTENDER o presente, porque VOCÊ TEM MEDO DELE.

O tempo é inconcebível sem mudança e a santidade NÃO muda. Aprenda com esse instante mais do que simplesmente que o inferno não existe. NESTE INSTANTE REDENTOR ESTÁ O CÉU. E o Céu NÃO mudará, pois o nascimento no presente santo é a SALVAÇÃO da mudança. Mas a mudança é uma ilusão, ensinada por quem não consegue ver a si mesmo sem culpa. Não há nenhuma mudança no Céu, porque NÃO HÁ MUDANÇA EM DEUS.

O tempo é inconcebível sem mudança e a santidade NÃO muda. Aprenda com esse instante mais do que simplesmente que o inferno não existe. NESTE INSTANTE REDENTOR ESTÁ O CÉU. E o Céu NÃO mudará, pois o nascimento no presente sagrado é a SALVAÇÃO da mudança. Mas a mudança é uma ilusão, ensinada por quem não consegue se ver sem culpa. Não há mudança no Céu, porque NÃO HÁ MUDANÇA EM DEUS.

No instante santo, no qual você se vê iluminado com a liberdade, você se lembrará de Deus. Pois lembrar-se Dele É lembrar da liberdade. Sempre que você for tentado a ficar des-inspirado com o pensamento de QUANTO TEMPO tomaria para mudar a sua mente tão completamente, pergunte a si mesmo: ‘Quanto tempo demora um instante?’ Você não poderia dar um tempo tão CURTO ao Espírito Santo, para a sua Salvação? Ele não pede mais do que isso, pois não necessita mais do que isso. Leva muito mais tempo para ensiná-lo a estar disposto a Lhe dar isso, do que para Ele usar esse instante diminuto para oferecer a você todo o Céu. Em troca desse instante, Ele está pronto para lhe dar a lembrança da Eternidade.

Você nunca dará esse instante santo ao Espírito Santo em nome da SUA liberação, enquanto você não estiver disposto a dá-lo aos seus irmãos em nome da liberação DELES. Pois o instante da santidade é COMPARTILHADO e NÃO PODE ser apenas seu. Lembre-se, então, quando você for tentado a atacar um irmão, que o instante de liberação DELE é o SEU. Milagres SÃO os instantes de liberação que você oferece e RECEBERÁ. Eles atestam a SUA disponibilidade para SER liberado e de oferecer o tempo ao Espírito Santo, para que Ele o use. Quanto tempo demora um instante? É tão curto para os seus irmãos quanto é para você. Pratique DAR esse abençoado instante de liberdade a todos os que são ESCRAVIZADOS pelo tempo e, assim, fazer com que o tempo venha a ser um amigo PARA eles.

O Espírito Santo dá PARA você o instante abençoado dos seus irmãos, através do seu ato de dar isso. Assim como você o DÁ, Ele o oferece a VOCÊ. Não se recuse a dar o que você iria receber Dele, pois você se une a Ele no ato de dar. Na pureza cristalina do instante de liberação que você DÁ, está a SUA fuga INSTANTÂNEA da culpa. Você TEM QUE ser santo, se você OFERECE a santidade. Quanto tempo demora um instante? O tempo que for necessário para restabelecer a sanidade perfeita, a paz perfeita e o amor perfeito para todas as pessoas, para Deus e para VOCÊ MESMO. O tempo que for necessário para lembrar da imortalidade e de suas criações imortais, que a compartilham com você. O tempo que for necessário para trocar o inferno pelo Céu. Tempo suficiente para transcender TUDO o que o ego fez e ascender ao seu Pai.

O tempo é seu amigo, se você deixar que o Espírito Santo o use. Ele precisa de muito pouco tempo para restaurar todo o poder de Deus em você. Ele, que transcende o tempo PARA você, entende para que serve o tempo. A santidade não reside no tempo, mas na eternidade. Nunca houve um instante em que o Filho de Deus pudesse perder a sua pureza. O seu estado imutável está ALÉM do tempo, pois a sua pureza permanece para sempre além de qualquer ataque e sem variação. O tempo está parado em sua santidade e não muda. E assim o tempo já não existe em absoluto. Pois, tomado no único instante da santidade eterna da criação de Deus, ele é TRANSFORMADO em eternidade. DÊ o instante eterno, para que a eternidade possa ser lembrada PARA você, naquele instante brilhante de liberação perfeita. Ofereça o milagre do instante santo ATRAVÉS do Espírito Santo e deixe que Ele o dê a você para Ele.“

Urtext – Psicoterapia: Propósito, Processo e Prática

(O Propósito da Psicoterapia cont., Introdução cont.,)

“Qualquer um que precise de ajuda, seja qual for a forma da sua aflição, está atacando a si mesmo e a paz da sua mente está sofrendo em consequência disso. Essas tendências são frequentemente chamadas de ‘autodestrutivas’, e o próprio paciente muitas vezes as considera assim. O que ele não se dá conta e precisa aprender é que esse ‘ser’ que pode atacar e, por sua vez, ser atacado também é um conceito que ele inventou. Mais ainda, que ele valoriza, defende, e está algumas vezes disposto a ‘sacrificar’ a sua ‘vida’ a seu favor. Pois ele considera que isso é o que ele é. Ele vê esse ser sofrendo as ações dos outros, reagindo a forças externas da forma que elas se impõem a ele, e impotente diante do poder do mundo.

A psicoterapia, portanto, tem que restaurar na sua consciência [no nível da realidade; awareness] a capacidade de tomar as suas próprias decisões. Ele tem que estar disposto a reverter o seu modo de pensar e a entender que o que ele pensava que projetava os seus efeitos sobre ele era construído das suas projeções sobre o mundo. O mundo que ele vê, portanto, não existe. Até que isso seja finalmente aceito, pelo menos em parte, o paciente não pode ver a si mesmo como realmente capaz de tomar decisões. E ele lutará contra a sua liberdade porque pensa que é escravidão.”

Urtext –Livro de Exercícios para Estudantes

Lição 190

“’Escolho a alegria de Deus ao invés da dor.’

A dor é uma perspectiva errada. Quando experimentada, sob qualquer forma, é uma prova de autoengano. Absolutamente não é um fato. Não há nenhuma forma que ela tome que não desapareça se for vista corretamente. Pois a dor proclama que Deus é cruel. Como poderia ser real, qualquer que seja a sua forma? Ela é um testemunho do ódio de Deus Pai pelo Seu Filho, do pecado que Deus vê nele e do Seu desejo insano por vingança e morte.

Podem tais projeções ser testemunhadas? Podem ser algo mais do que totalmente falsas? A dor não passa de um testemunho dos equívocos do Filho em relação ao que ele pensa que é. É um sonho de uma punição severa por um crime que não poderia ser cometido, por atacar o que é totalmente inatacável. É um pesadelo dentro do qual ele foi abandonado pelo Amor Eterno, Que não poderia deixar o Filho que Ele criou do amor.

A dor é um sinal de que as ilusões reinam no lugar da verdade. Demonstra que Deus é negado, confundido com o medo, percebido como louco e visto como traidor para com Ele mesmo. Se Deus é real, não há dor. Se a dor é real, não há Deus. Pois a vingança não faz parte do amor. E o medo, negando o amor e usando a dor para provar que Deus está morto, demonstrou que a morte é dona da vitória sobre a vida. O corpo é o Filho de Deus, corruptível na morte, tão mortal quanto o Pai que ele matou.

Paz a tal tolice! Veio o momento de rir de tais ideias insanas. Não é preciso pensar nelas como se fossem crimes selvagens ou pecados secretos com pesadas consequências. Quem, senão um louco, poderia concebe-las com causa de qualquer coisa? A sua testemunha, a dor, é tão louca quanto elas e não deve ser mais temida do que as

loucas ilusões que ela protege e tenta demonstrar que não podem deixar de ser verdadeiras.

Só os teus pensamentos te causam dor. Nada exterior à tua mente pode ferir-te ou machucar-te de modo algum. Além de ti mesmo, não há causa que possa te atingir e trazer a opressão. Ninguém, além de ti mesmo, te afeta. Nada no mundo tem o poder de deixar-te doente ou triste, fraco ou frágil. Mas tu és aquele que tem o poder de dominar todas as coisas que vês, meramente reconhecendo o que és. Quando perceberes o quanto são inofensivas, elas aceitarão a tua santa vontade como se fosse a sua. E o que era visto como amedrontador se transforma agora numa fonte de inocência e santidade.

Meu irmão santo, pensa nisso por um momento: o mundo que vês nada faz. Não tem efeitos em absoluto. Representa apenas os teus pensamentos. E mudará inteiramente quando escolheres mudar a tua mente e optar pela alegria de Deus como o que realmente queres. O teu Ser é radiante nesta alegria de Deus como o que realmente queres. O teu Ser é radiante nesta alegria santa, inalterado e inalterável para todo o sempre. E negarias a um pedacinho da tua mente a herança que lhe é própria, mantendo-a como um hospital para a dor, um lugar doentio ao qual as coisas vivas têm que vir para morrer no final?

O mundo pode parecer causar-te dor. Mas, como ele mesmo não tem causa, o mundo não tem poder de causar. Como um efeito, não pode produzir efeitos. Como uma ilusão, ele é o que desejas. Teus anseios vãos representam as suas dores. Os teus estranhos desejos trazem a ele sonhos maus. Os teus pensamentos de morte o envolvem no medo, enquanto no teu perdão benigno, ele vive.

A dor é o pensamento do mal tomando forma e operando danos na tua mente santa. A dor é o resgate que alegremente pagaste para não ser livre. Na dor, nega-se a Deus o Filho que Ele ama. Na dor, o medo parece triunfar sobre o amor e o tempo substituir a eternidade e o Céu. E o mundo torna-se um lugar amargo e cruel, onde reina a tristeza e as pequenas alegrias desaparecem diante da investida da dor selvagem que aguarda para pôr um fim a todas as alegrias na miséria.

Desiste das tuas armas e vem sem defesas ao lugar quieto onde a paz do Céu enfim mantém todas as coisas serenas. Desiste de todos os pensamentos de perigo e de medo. Não deixes nenhum ataque entrar contigo. Desiste da cruel espada do julgamento que estás apontando para a tua própria garganta e deixa de lado os agonizantes atos de agressão com os quais buscas esconder a tua santidade.

Aqui compreenderás que não há dor. Aqui a alegria de Deus te pertence. Esse é o dia em que te é dado compreender a lição que contém todo o poder da salvação. É essa: a dor é ilusão; a alegria, realidade. A dor é apenas sono; a alegria é despertar. A dor é engano; só a alegria é verdade.

E assim, mais uma vez faremos a única escolha que jamais pode ser feita; escolhemos entre as ilusões e a verdade, a dor e a alegria, o inferno e o Céu. Deixa que a nossa gratidão pelo nosso Professor nos encha os corações ao estarmos livres para escolher a nossa alegria ao invés da dor, a nossa santidade no lugar do pecado, paz de Deus ao invés do conflito e a luz do Céu em troca da escuridão do mundo.”

—–

Dia 191

Tempo e Eternidade

“A Expiação está no tempo, mas não está PARA o tempo. Estando para VOCÊ, ela está para o eterno. O que contém a lembrança de Deus, NÃO PODE estar limitado pelo tempo. Você também não está. Pois, a não ser que DEUS seja limitado, você NÃO PODE ser. Um instante, oferecido ao Espírito Santo, é oferecido a Deus em seu nome e, nesse instante, você despertará gentilmente Nele.

No instante abençoado, você deixará de lado TODO o seu aprendizado passado e o Espírito Santo rapidamente lhe oferecerá TODA a lição da paz. O que pode tomar tempo, quando TODOS os obstáculos ao aprendizado tiverem sido removidos? A verdade está tão além do tempo, que TUDO acontece ao mesmo tempo em sua totalidade. Pois como foi criada una, então a sua unicidade não depende do tempo de forma alguma. Não se preocupe com o tempo e não tema o instante da santidade que removerá TODO o medo. Pois o instante da paz é eterno, PORQUE é totalmente SEM medo. Esse instante virá, sendo a lição que Deus lhe dá, através do Professor que Ele designou, para traduzir o tempo em eternidade.

Bem-aventurado é o Professor de Deus, Cuja alegria é ensinar ao santo Filho de Deus a sua santidade. A sua alegria não está contida no tempo. O Seu ensinamento é para você, PORQUE a Sua alegria é sua. Através Dele, VOCÊ está diante do altar de Deus, onde Ele gentilmente traduz o inferno em Céu. Pois é somente no Céu que Deus quer que você esteja. Quanto tempo pode levar, para você estar onde Deus quer que você esteja? Pois você ESTÁ onde sempre esteve e onde sempre estará. Tudo o que você tem, você tem para sempre. O instante abençoado estende-se para ABRANGER o tempo, assim como Deus se estende para abranger a você.

Você que passou dias, horas e até mesmo anos acorrentando os seus irmãos AO seu ego, na tentativa de mantê-lo e sustentar a sua FRAQUEZA, não percebe a Fonte da FORÇA. No instante santo, você desacorrentará TODOS os seus irmãos e se recusará a apoiar a fraqueza DELES OU A SUA PRÓPRIA. Você não reconhece o quanto você tem feito USO EQUIVOCADO de seus irmãos, vendo-os como fontes de apoio para o EGO. Como resultado, eles testemunham PARA o ego em sua percepção e PARECEM fornecer razões para NÃO deixar que o ego se vá. No entanto, eles são testemunhas muito mais fortes e muito mais convincentes do Espírito Santo. E eles apoiam a Sua FORÇA.

É, portanto, uma escolha sua, se eles apoiam o ego ou o Espírito Santo EM VOCÊ. E você saberá qual dos dois você escolheu, através das reações DELES.

Um Filho de Deus que tenha sido liberado através do Espírito Santo em um irmão, SE A LIBERAÇÃO É COMPLETA, é SEMPRE reconhecido. Ele não pode ser negado. Enquanto VOCÊ permanecer incerto, pode ser APENAS porque você não deu liberação COMPLETA. E, por isso, você ainda não deu um único instante COMPLETAMENTE ao Espírito Santo. Pois, quando você TIVER DADO, você terá a CERTEZA de você ter dado. Você terá certeza, porque o testemunho PARA Ele falará tão claramente DELE, que você ouvirá e ENTENDERÁ. Você DUVIDARÁ [porque é a sua vontade; jogo com a palavra WILL (vontade), em WILL doubt], até você ouvir UMA única testemunha a quem você tenha liberado TOTALMENTE através do Espírito Santo. E então você não duvidará mais.

O instante santo ainda não aconteceu para você. No entanto, acontecerá e você o reconhecerá com certeza absoluta. Nenhuma dádiva de Deus é reconhecida de outra forma. Você pode praticar a mecânica do instante santo e aprenderá muito fazendo isso. No entanto, o brilho resplandecente e cintilante do instante santo, que literalmente cegará você para esse mundo por sua PRÓPRIA visão, você NÃO pode fornecer. Você não entende a luz pela qual você VÊ. E aqui está, TUDO nesse instante, completo, realizado e TOTALMENTE DADO.

Comece AGORA, a praticar a pequena parte que lhe cabe em SEPARAR o instante santo. Você receberá instruções muito específicas à medida que você avança. Aprender a separar esse único segundo e começar a experienciá-lo como algo fora do tempo é começar a experienciar a si mesmo como um ser que NÃO é separado. Não tenha medo de que você não receberá ajuda nisso. O Professor de Deus e a Sua lição fortalecerá a sua força. É apenas a sua fraqueza que se afastará de você nessa prática, pois é a prática do poder de Deus em você. Use-o [o poder de Deus] apenas por um instante e nunca mais o negará outra vez. Quem pode negar a Presença daquilo diante do qual o universo se inclina, em apreciação e contentamento? Diante do reconhecimento do universo, que o testemunha, as SUAS dúvidas TÊM QUE desaparecer.”

Urtext – Psicoterapia: Propósito, Processo e Prática

(O Propósito da Psicoterapia, Introdução, cont.,)

“O paciente não necessita pensar na verdade como um Deus para fazer progressos no caminho da salvação. Mas ele precisa começar a separar a verdade das ilusões, reconhecendo que não são a mesma coisa e passando a estar cada vez mais disposto a ver ilusões como falsas e a aceitar a verdade como verdadeira. O seu Professor o levará adiante a partir daí, tanto quanto ele estiver pronto para seguir. A psicoterapia só pode economizar tempo. O Espírito Santo usa o tempo como Ele acha melhor e nunca está errado. A psicoterapia sob a Sua orientação é um dos meios que Ele usa para economizar tempo e para preparar mais professores para o Seu trabalho. Não há fim para a ajuda que Ele começa e dirige. Seja qual for a estrada que Ele escolha, toda psicoterapia conduz a Deus no final. Mas isso está a Seu cargo. Nós todos somos Seus psicoterapeutas, pois Ele quer que todos nós sejamos curados n’Ele.

(Fim de Introdução, Fim de O Propósito da Psicoterapia)”

Urtext –Livro de Exercícios para Estudantes

Lição 191

“’Eu sou o próprio Filho santo de Deus.’

Eis a declaração da tua liberação da prisão do mundo. E aqui o mundo todo também é liberado. Não vês o que fizeste quando deste ao mundo o papel de carcereiro do Filho de Deus. O que mais ele poderia ser, senão perverso e temeroso, cheio de medo das sombras, punitivo e selvagem, irracional, cego e insano de ódio?

O que fizeste para que esse fosse o teu mundo? O que fizeste para que seja isso o que vês? Nega a tua própria Identidade e isso é o que resta. Olhas para o caos e declaras que ele é o que tu és. Nada do que vês deixa de testemunhar isso a ti. Não há sons que não falem da tua fragilidade, interna e externa, não há ar que respires que não pareça aproximar-te da morte, não tens esperança alguma que não se dissolva em lágrimas.

Nega a tua própria Identidade e não escaparás da loucura que induziu a esse pensamento estranho, antinatural e fantasmagórico que escarnece da criação e ri de Deus. Nega a tua própria Identidade e estarás investindo sozinho contra o universo, sem um amigo, uma diminuta partícula de pó contra as legiões dos teus inimigos. Nega a tua própria Identidade e olharás para o mal, o pecado e a morte; observarás o desespero arrancar das tuas mãos toda migalha de esperança, nada te deixando a não ser o desejo de morrer.

No entanto, o que é isso, senão um jogo teu em que a identidade pode ser negada? Tu és como Deus te criou. É loucura acreditar em qualquer outra coisa além disso. Através deste único pensamento, todos são libertados. Através dessa única verdade, todas as ilusões desaparecem. Através deste único fato, a impecabilidade é proclamada como parte de tudo para sempre, o núcleo central da existência de tudo e a garantia de imortalidade para todas as coisas.

Mas deixa que a ideia de hoje encontre um lugar entre os teus pensamentos e terás erguido a ti mesmo além do mundo e de todos os pensamentos mundanos que o mantêm prisioneiro. E deste lugar de segurança e liberdade, voltarás e o libertarás. Pois aquele que pode aceitar a sua verdadeira Identidade está verdadeiramente salvo.

E a sua salvação é a dádiva que ele dá a todos, em reconhecimento para com Aquele Que indicou o caminho para a felicidade que mudou toda a perspectiva do mundo.

Um pensamento santo como esse e tu estás livre: tu és o próprio Filho santo de Deus. E com esse santo pensamento também aprendes que libertaste o mundo. Não é preciso usá-lo com crueldade, para então perceber nele essa selvagem necessidade. Tu o libertas da tua própria prisão. Não verás uma imagem devastadora de si mesmo, andando aterrorizada por um mundo que se contorce em agonia porque os teus medos depositaram a marca da morte no seu coração.

Alegra-te, hoje, por ser tão fácil desfazer o inferno. É preciso apenas dizer a ti mesmo:

‘Eu sou o próprio Filho santo de Deus. Não posso sofrer, não posso sentir dor; não posso sofrer nenhuma perda e nem fracassar em fazer tudo o que a salvação pede.’

E com esse pensamento tudo o que olhas muda totalmente. Um milagre iluminou todas as antigas e escuras cavernas, onde os ritos da morte ecoaram desde o início dos tempos. Pois o tempo perdeu o controle que tinha sobre o mundo. O Filho de Deus veio em glória para redimir os perdidos, salvar os impotentes e dar ao mundo a dádiva do seu perdão. Quem poderia ver o mundo que fosse escuro e cheio de pecado quando o Filho de Deus veio novamente para enfim libertá-lo?

Tu, que te percebes fraco e frágil, com esperanças inúteis e sonhos devastados; tu, que nasceste apenas para morrer, chorar e sofrer dor, ouve isso: a ti todo o poder é dado na terra e no Céu. Nada é impossível para ti. Jogas o jogo da morte, como se fosses impotente, miseravelmente atado à dissolução em um mundo que não te demonstra nenhuma misericórdia. Mas, quando fores misericordioso para com ele, a sua misericórdia brilhará sobre ti.

Então, deixa o Filho de Deus despertar do seu sono e abrindo os seus olhos santos, voltar mais uma vez para abençoar o mundo que fez. O mundo começou no erro, mas terminará no reflexo da sua própria santidade. E ele não mais dormirá e nem sonhará com a morte. Então, une-te a mim hoje. A tua glória é a luz que salva o mundo. Não detenhas a salvação por mais tempo. Olha o mundo à tua volta e vê o sofrimento que está lá. O teu coração não está disposto a trazer o descanso aos teus irmãos fatigados?

Eles terão que esperar pela tua própria liberação. Ficam acorrentados até que sejas livre. Não conseguirão ver a misericórdia do mundo enquanto tu não a achares em ti mesmo. Eles sofrerão dor até que negues o teu domínio sobre ti. Morrerão até que aceites a tua própria vida eterna. Tu és o próprio Filho santo de Deus. Lembra-te disso e o mundo inteiro será livre. Lembra-te disso e a terra e o Céu serão um só.”

—–

Imagem kristy-kravchenko-Ng12EyF84Yw-unsplash.jpg – 9 de janeiro de 2023

Bibliografia da OREM3:

Livro “Um Curso em Milagres” – Livro Texto, Livro de Exercícios e Manual de Professores. Fundação para a Paz Interior. 2ª Edição –  copyright© 1994 da edição em língua portuguesa.

Artigo “Helen and Bill’s Joining: A Window Onto the Heart of A Course in Miracles” (tradução livre: A União de Helen e Bill: Uma Janela no Coração de Um Curso em Milagres”) – Robert Perry, site: https://circleofa.org/

E-book “What is A Course in Miracles” (tradução livre: O que é Um Curso em Milagres) – Robert Perry.

E-book “Autobiography – Helen Cohn Schucman, Ph.D.” – Foundation for Inner Peace (tradução livre: Autobiografia – Helen Cohn Schucman, Ph.D., Fundação para a Paz Interior).

Livro “Uma Introdução Básica a Um Curso em Milagres”,  Dr. Kenneth Wapnick, Ph.D.

Livro “O Desaparecimento do Universo”, Gary R. Renard.

Livro “Absence from Felicity: The Story of Helen Schucman and Her Scribing of A Course in Miracles” (tradução livre: “Ausência de Felicidade: A História de Helen Schucman e Sua Escriba de Um Curso em Milagres”) – Dr. Kenneth Wapnick, Ph.D.

Artigo “A Short History of the Editing and Publishing of A Course in Miracles” (tradução livre: Uma Breve História da Edição e Publicação de Um Curso em Milagres” – Joe R. Jesseph, Ph.D. http://www.miraclestudies.net/history.html

E-book “Study Guide for A Course in Miracles”, Foundation for Inner Peace (tradução livre: Guia de Estudo para Um Curso em Milagres, Fundação para a Paz Interior).

Artigo “The Course’s Use of Language” (tradução livre: “O Uso da Linguagem do Curso”), extraído do livro “The Message of A Course in Miracles” (tradução livre: “A Mensagem de Um Curso em Milagres”) – Dr. Kenneth Wapnick, Ph.D.

Artigo Who Am I? (tradução livre: Quem Sou Eu?) – Beverly Hutchinson McNeff – Site: https://www.miraclecenter.org/wp/who-am-i/

Artigo “Jesus: The Manifestation of the Holy Spirit – Excerpts from the Workshop held at the Foundation for A Course in Miracles – Temecula CA” (tradução livre: Jesus: A Manifestação do Espírito Santo – Trechos da Oficina realizada na Fundação para Um Curso em Milagres – Temecula CA) – Dr. Kenneth Wapnick, Ph.D.

Livro “Quantum Questions” (tradução livre: “Questões Quânticas”) – Ken Wilburn

Livro “Um Retorno ao Amor” – Marianne Williamson.

Glossário do site Foundation for A Course in Miracles (tradução livre: Fundação para Um Curso em Milagres), do Dr. Kenneth Wapnick, https://facim.org/glossary/

Livro Um Curso em Milagres – Esclarecimento de Termos.

Artigo “The Metaphysics of Separation and Forgiveness” (tradução livre: “A Metafísica da Separação e do Perdão”) – Dr. Kenneth Wapnick, Ph.D.

Livro “Os Ensinamentos Místicos de Jesus” – Compilado por David Hoffmeister – 2016 Living Miracles Publications.

Livro “Suplementos de Um Curso em Milagres UCEM – A Canção da Oração” – Helen Schucman – Fundação para a Paz Interior.

Livro “Suplementos de Um Curso em Milagres UCEM – Psicoterapia: Propósito, Processo e Prática.

Workshop “O que significa ser um professor de Deus”, proferido pelo Dr. Kenneth Wapnick, Ph.D..

Artigo escrito pelo escritor Paul West, autor do livro “I Am Love” (tradução livre: “Eu Sou Amor”), blog https://www.voiceforgod.net/.

Artigo “The Beginning Of The World” (tradução livre: “O Começo do Mundo”) – Dr Kenneth Wapnick.

Artigo “Duality as Metaphor in A Course in Miracles” (tradução livre: “Dualidade como Metáfora em Um Curso em Milagres”) – Um providencial e didático artigo, considerado pelo próprio autor como sendo um dos artigos (workshop) mais importantes por ele escrito e agora compartilhado pelo Dr. Kenneth Wapnick, Ph.D.

Artigo “Healing the Dream of Sickness” (tradução livre: “Curando o Sonho da Doença”  – Dr. Kenneth Wapnick, Ph.D.

Livro “The Message of A Course in Miracles – A translation of the Text in plain language” (tradução livre: “A mensagem de Um Curso em Milagres – Uma tradução do Texto em linguagem simples”) – Elizabeth A. Cronkhite.

E-book “Jesus: A New Covenant ACIM” – Chapter 20 – Clearing Beliefs and Desires – Cay Villars – Joininginlight.net© (tradução livre: “Jesus: Uma Nova Aliança UCEM” – Capítulo 20 – Clarificando Crenças e Desejos).

Artigo “Strangers in a Strange World – The Search for Meaning and Hope” (tradução livre: “Estranhos em um mundo estranho – A busca por significado e esperança”), escrito pelo Dr. Kenneth Wapnick e por sua esposa Sra. Gloria Wapnick.

Artigo “To Be in the World and Not of It” (tradução livre: “Estar no Mundo e São Ser Dele”), escrito pelo Dr. Kenneth Wapnick e por sua esposa Sra. Gloria Wapnick.

Site https://circleofa.org/.

Livro “A Course in Miracles – Urtext Manuscripts – Complete Seven Volume Combined Edition. Published by Miracles in Action Press – 2009 1ª Edição.

Tradução livre do capítulo Urtext “The Relationship of Miracles and Revelation” (N 75 4:102).

Artigo “How To Work Miracles” (tradução livre “Como Fazer Milagres”), de Greg Mackie https://circleofa.org/library/how-to-work-miracles/.

Artigo “A New Vision of the Miracle” (tradução livre: “Uma Nova Visão do Milagre”), de Robert Perry https://circleofa.org/library/a-new-vision-of-the-miracle/.

Artigo “What Is a Miracle?” (tradução livre: “O que é um milagre?”), de Robert Perry https://circleofa.org/library/what-is-a-miracle/.

Artigo “How Does ACIM Define Miracle?” (tradução livre: “Como o UCEM define milagre?”), de Bart Bacon https://www.miracles-course.org/index.php?option=com_content&view=article&id=232:how-does-acim-define-miracle&catid=37&Itemid=57.

Livro “Os cinquenta princípios dos milagres de Um Curso em Milagres”, de Kenneth Wapnick, Ph.D..

Artigo “The Fifty Miracle Principles: The Foundation That Jesus Laid For His Course” (tradução livre: “Os cinquenta princípios dos milagres: a base que Jesus estabeleceu para o seu Curso”), de Robert Perry https://circleofa.org/library/the-fifty-miracle-principles-the-foundation-that-jesus-laid-for-his-course/.

Artigo “Ishmael Gilbert, Miracle Worker” (tradução livre: “Ishmael Gilbert, Trabalhador em Milagre”), de Greg Mackie https://circleofa.org/library/ishmael-gilbert-miracle-worker/.

Blog “A versão Urtext da obra Um Curso em Milagres (UCEM)” https://www.umcursoemmilagresurtext.com.br/.

Blog “Course in Miracles Society – CIMS – Original Edition” https://www.jcim.net/about-course-in-miracles-society/.

Site Google tradutor https://translate.google.com.br/?hl=pt-BR.

Site WordReference.com | Dicionários on-line de idiomas https://www.wordreference.com/enpt/entitled.

Artigo “The earlier versions and the editing of A Course in Miracles” (tradução livre: “As versões iniciais e a edição de Um Curso em Milagres), autor Robert Perry https://circleofa.org/library/the-earlier-versions-and-the-editing-of-a-course-in-miracles/.

Livro “A Course in Miracles: Completed and Annotated Edition” (“Edição Completa e Anotada”) – Circle of Atonement.

Livro “Q&A – Detailed Answers to Student-Generated Questions on the Theory and Practice of A Course in Miracles” – Supervised and Edited by Kenneth Wapnick, Ph.D. – Foundation for A Course in Miracles – Publisher (tradução livre: “P&R – Respostas Detalhadas a Questões Geradas por Alunos sobre a Teoria e Prática de Um Curso em Milagres” – Supervisionado e Editado por Kenneth Wapnick, Ph.D. – Fundação para Um Curso em Milagres – Editora)

Artigo “The Importance of Relationships” (tradução livre: “A Importância dos Relacionamentos”), no site https://circleofa.org/library/the-importance-of-relationships/, autor Robert Perry.

Artigo: “The ark of peace is entered two by two” (tradução livre: “Na arca da paz só entram dois a dois”) – Robert Perry Site: https://circleofa.org/library/the-ark-of-peace-is-entered-two-by-two/

Artigo “Living a Course in Miracles As Wrong Minds, Right Minds, and Advanced Teachers – Part 2 of 3 – How Right Minds Live in the World: The Blessing of Forgiveness”, por Dr. Kenneth Wapnick, Ph.D.

Artigo “Living a Course in Miracles As Wrong Minds, Right Minds, and Advanced Teachers – Part 1 of 3 – How Wrong Minds Live in the World: The Ego’s Curse of Specialness”, por Dr. Kenneth Wapnick.

Transcrição do vídeo do Dr. Kenneth Wapnick no YouTube, intitulado: “Judgment” (tradução livre: “Julgamento”).  O artigo completo em inglês no site https://facim.org/transcript-of-kenneth-wapnick-youtube-video-entitled-judgment/.

Trechos do Workshop “The Meaning of Judgment” (tradução livre “O Significado de Julgamento”), realizado na Fundação para Um Curso em Milagres em Roscoe NY, ministrado pelo Dr. Kenneth Wapnick. O artigo completo em inglês no site: https://facim.org/online-learning-aids/excerpt-series/the-meaning-of-judgment/.

Comentários do professor de Deus Allen Watson, que transcrevemos, em tradução livre, do site Circle of Atonement (https://circleofa.org/workbook-companion/what-is-sin/).

Artigo “There is no sin” (tradução livre: “Não há pecado”), Robert Perry, site https://circleofa.org/library/there-is-no-sin/.

Artigo do Professor Greg Mackie, denominado “If God is Love Why do We Suffer?” (tradução livre: “Se Deus é Amor porque nós sofremos?”) https://circleofa.org/library/if-god-is-love-why-do-we-suffer/.

Artigo “The Ten Commandments and A Course in Miracles” (tradução livre: Os Dez Mandamentos e Um Curso em Milagres”), Greg Mackie, site https://circleofa.org/library/the-ten-commandments-and-a-course-in-miracles/.

Artigo escrito pelo Dr. Kenneth Wapnick, Ph.D. e pelo Padre Jesuíta W. Norris Clarke, da Companhia de Jesus, Ph.D., sobre o livro “Um Curso em Milagres e o Cristianismo: Um Diálogo”, disponível no site http://www.miraclestudies.net/Dialogue_Pref.html.

Livro “Um Curso em Milagres e o Cristianismo: Um Diálogo”, escrito pelo Dr. Kenneth Wapnick, Ph.D. e pelo Padre Jesuíta W. Norris Clarke, da Companhia de Jesus, Ph.D..

Artigo do Consultor, Escritor e Professor Rogier Fentener Van Vlissingen, de Nova Iorque, intitulado “A Course in Miracles and Christianity: A Dialogue” (“Um Curso em Milagres e o Cristianismo: Um Diálogo”), disponível no Blog Closing the Circle e acesso no link: https://acimnthomas.blogspot.com/2011/04/course-in-miracles-and-christianity.html.

Artigo sobre o livro “A Course in Miracles and Christianity: A Dialogue” (tradução livre “Um Curso em Milagres e o Cristianismo: Um Diálogo”), escrito por Dr. Kenneth Wapnick, Ph.D. e o Padre Jesuíta W. Norris Clarke, da Companhia de Jesus, Ph.D. Site http://www.miraclestudies.net/Dialogue_Pref.html.

Artigo do professor Robert Perry intitulado “Do we have a chalice list?” (tradução livre: “Temos uma lista de cálice?”), acesso através do link: https://circleofa.org/2009/07/13/do-we-have-a-chalice-list/.

Artigo “The religion of the ego” (tradução livre: “A religião do ego”), Robert Perry, link https://circleofa.org/library/the-religion-of-the-ego/.

Artigo “A New Realities Interview with William N. Thetford, Ph.D.”, conduzida por James Bolen em abril de 1984. Tradução livre Projeto OREM®. Artigo em inglês https://acim.org/archives/a-new-realities-interview-with-william-n-thetford/.

Artigo “Why is sin merely a mistake?” [tradução livre “Por que o pecado é apenas um erro?”], Robert Perry, link https://circleofa.org/library/why-is-sin-merely-a-mistake/.

Artigo “What a difference a few words make” (tradução livre: “Que diferença algumas palavras fazem”), Greg Mackie, disponível no link https://circleofa.org/library/what-a-difference-a-few-words-make/.

Artigo “Near-Death Experiences and A Course in Miracles” [Experiências de Quase-Morte e Um Curso em Milagres], coescrito por Robert Perry, B.A. (Cranborne, United Kingdom) e Greg Mackie, B.A. (Xalapa, Mexico), link https://circleofa.org/library/near-death-experiences-course-miracles/.

Artigo “Near-Death Experiences and A Course in Miracles Revisited” [Experiências de Quase-Morte e Um Curso em Milagres Revisitado], escrito por Greg Mackie, link Revisitado], e pode ser acessado no link https://circleofa.org/library/near-death-experiences-and-a-course-in-miracles-revisited/.

Artigo “Watch With Me, Angels” [Vigiem comigo, anjos], Robert Perry, link https://circleofa.org/library/watch-with-me-angels/.

Artigo transcrito de Workshop apresentado pelo Dr. Kenneth Wapnick, denominado “Watching With Angels [Vigiar com anjos], link: https://facim.org/watching-with-angels-part-1/.

Artigo “How Does Projection Really Work? [Como a Projeção realmente funciona?], Robert Perry, que pode ser acessado através do link https://circleofa.org/library/how-does-projection-really-work/.

Artigo “The Practical Implications of Projection: Summary of a Class Presentation” [tradução livre: “As Implicações Práticas da Projeção: Resumo de uma Apresentação de Aula”] poderá ser acessado através do link  https://circleofa.org/library/practical-implications-projection/.

Artigo “Reverse Projection: “As you see him you will see yourself” [tradução livre: “Projeção Reversa: ‘Assim como tu o vires, verás a ti mesmo’”], Robert Perry, link https://circleofa.org/library/reverse-projection-see-him-see-yourself/.

Artigo denominado “Are we living in a virtual reality” [“Nós estamos vivendo em uma realidade virtual?], Greg Mackie, link https://circleofa.org/library/are-we-living-in-a-virtual-reality/.

Artigo disponibilizado pelo site Pathways of Light, denominado “From Virtual do True Reality” [Da Realidade Virtual à Verdadeira], link https://www.pathwaysoflight.org/daily_inspiration/print_pol-blog/from-virtual-to-true-reality.

Série de artigos denominada “Rewriting the Rules of Virtual Reality” [Reescrevendo as Regras da Realidade Virtual] – partes 1 a 4, Dr. Joe Dispenza, link https://drjoedispenza.com/blogs/dr-joe-s-blog/rewriting-the-rules-of-virtual-reality-part-i.

Artigo “Commentary on What is Salvation” [“Comentário sobre O Que é Salvação”], Allen Watson, link https://circleofa.org/workbook-companion/what-is-salvation/.

Site oficial do Professor Allen Watson http://www.allen-watson.com/;

Artigo “Special Theme: What Is Salvation? [“Tema Especial: O Que É A Salvação?”], Thomas R. Wakechild, que pode ser acessado através do link http://acourseinmiraclesfordummies.com/blog/wp-content/uploads/2014/07/PDF-What-is-Salvation-with-Notes-Upload-7-15-14-ACIM-Workbook-for-Dummies.pdf.

Artigo “The Core Unit of Salvation” [A Unidade Central da Salvação], Robert Perry, link https://circleofa.org/library/the-core-unit-of-salvation/.

Artigo “ACIM Study Guide and Commentary – Chapter 5, Healing and Wholeness – Section III – The Guide to Salvation” [Guia de Estudo e Comentários ACIM – Capítulo 5 – Cura e Integridade – Seção III – O Guia para a Salvação], Allen Watson, acesso através do link http://www.allenwatson.com/uploads/5/0/8/0/50802205/c05s03.pdf.

Artigo “Commentaries on A Course in Miracles – ACIM Text, Section 1.I – Principles of Miracles” (“Comentários sobre Um Curso em Milagres – UCEM Texto, Seção 1.I – Princípios dos Milagres”), Allen Watson, site http://www.allen-watson.com/uploads/5/0/8/0/50802205/c01s01a.pdf

Artigo “A Course in Miracles: The Guide to Salvation” [Um Curso em Milagres: O Guia para a Salvação”], Sean Reagan, acesso através do link https://seanreagan.com/a-course-in-miracles-the-guide-to-salvation/.

Artigo “The Urgency of Doing Our Part in Salvation” [“A Urgência de Fazer Nossa Parte na Salvação”], Greg Mackie, acesso através do link https://circleofa.org/library/urgency-of-doing-our-part-in-salvation/.

Artigo “Shadow Figures” [figuras de sombra], Robert Perry, acesso através do link https://circleofa.org/library/shadow-figures/.

Artigo-estudo intitulado “Shadows of the Past” [Sombras do Passado], Allen A. Watson, acesso através do  link http://www.allen-watson.com/allens-text-commentaries.html.

Recomendamos o site The Pathways of Light Community, para reforços no processo de estudo: https://www.pathwaysoflight.org.

Artigo sobre o Capítulo 17: O Perdão e o Relacionamento Santo – Seção III: Sombras do passado; pode ser acessado através do link: https://www.pathwaysoflight.org/acim_text/print_acim_page/chapter17_section_iii.

Transcrição de palestra do professor David Hoffmeister, estudante, pesquisador e eminente divulgador de UCEM, durante a Conferência “A Course in Miracles – ACIM” [“Um Curso em Milagres”], no mês de fevereiro de 2007, acesso através do link https://awakening-mind.org/resources/publications/accepting-the-atonement-for-yourself/. As diversas palestras do professor David podem ser acessadas, em inglês, no site https://acim-conference.net/past-acim-conferences/.

Trechos do workshop realizado na Fundação para Um Curso em Milagres (Foundation for A Course in Miracles), em Roscoe, Nova Iorque, denominado “Regras para decisões”, Dr. Kenneth Wapnick, Ph.D., no link https://facim.org/online-learning-aids/excerpt-series/rules-for-decision/.

Artigo “Levels of Mind: Looking at the ‘Layers’ of Mind that form Perception” (“Níveis da Mente: Olhando para as ‘Camadas’ da Mente que formam a Percepção”), Site https://miracleshome.org/publications/levelsofmind.htm.

Artigo “To Desire Wholly is to Be” (“Desejar Totalmente é Ser”), do professor David Hoffmeister. Site: https://miracleshome.org/supplements/todesirewholly_171.htm.

Artigo “The Glory of Who We Really Are” [“A glória de quem nós realmente somos”], do professor Greg Mackie. Site: https://circleofa.org/library/the-glory-of-who-we-really-are/?inf_contact_key=2c1c99e05ff3c25330a7916d84d19420680f8914173f9191b1c0223e68310bb1.

Artigo “The difference between horizontal and vertical perception”, Paul West (16/09/2019). Site https://www.voiceforgod.net/blogs/acim-blog/the-difference-between-horizontal-and-vertical-perception.

Artigo “The Holy Relationship: The Source of Your Salvation [“O Relacionamento Santo: A Fonte de Sua Salvação”], Greg Mackie. Site Circle of Atonement, https://circleofa.org/library/holy-relationship-source-of salvation/?inf_contact_key=791ef4a4c578a34f45d28b436fec486d680f8914173f9191b1c0223e68310bb1.

Artigo “On Becoming the Touches of Sweet Harmony – The Holy Relationship as Metaphor – Part 1 and Part 2” [“Sobre se Tornar os Realces da Amena Harmonia – O Relacionamento Santo como Metáfora – Parte 1 e Parte 2”], 1º de junho de 2018, Volume 22 Nº 2 – Junho 2011, Dr. Kenneth Wapnick, Ph.D. Site https://facim.org/becoming-touches-sweet-harmony-holy-relationship-metaphor/.

Livro “Your Immortal Reality: How to Break the Cycle of Birth and Death” (tradução livre: “A Sua Realidade Imortal: Como Quebrar o Ciclo de Nascimento e Morte), de autoria de Gary R. Renard.

Fonte de consulta para a tradução dos Dez Mandamentos em português: https://biblia.com.br/perguntas-biblicas/quais-sao-os-10-mandamentos-e-onde-os-encontramos-na-biblia-cl/.

Artigo “Summary of the Thought System of “A Course in Miracles” [Resumo do Sistema de Pensamento de “Um Curso em Milagres”]. Links https://facim.org/summary-of-the-thought-system-of-a-course-in-miracles-part-1/; https://facim.org/summary-of-the-thought-system-of-a-course-in-miracles-part-2/.

Artigo “Miracles boomeritis” [Boomerite dos Milagres], Robert Perry, https://circleofa.org/library/miracles-boomeritis/.

Livro “Boomerite: Um romance que tornará você livre” [na versão em português; “Boomeritis: A Novel That Will Set You Free”, na versão original em inglês].

Artigo “A brief summary of “The obstacles to peace” [“Um breve resumo de “Os obstáculos à paz”], Robert Perry, site Circle of Atonement, link https://circleofa.org/library/brief-summary-obstacles-to-peace/.

Artigo “A Course in Miracles and ‘The Secret’” [“Um Curso em Milagres e ‘O Segredo’”], Greg Mackie. Site https://circleofa.org/library/a-course-in-miracles-and-the-secret/.

Artigo “How can the Course help us cope with a financial crisis” [“Como o Curso pode nos ajudar a lidar com uma crise financeira?”], Greg Mackie. Site https://circleofa.org/library/course-help-cope-with-financial-crisis/.

Artigo “True Empathy” [“A Verdadeira Empatia”], autor Robert Perry. Site https://circleofa.org/library/true-empathy/.

Artigo: “I NEED BE ANXIOUS OVER NOTHING”, autor Greg Mackie. Site: https://circleofa.org/library/carefree-life/;

Artigo “16-POINT SUMMARY OF THE TEACHING OF A COURSE IN MIRACLES”, autor Robert Perry. Site: https://circleofa.org/library/creation-by-god/

Livro “365 Days Through A Course in Miracles – A Daily Devotional”, de Jeff Nance.

Artigo ‘The Introduction to the Workbook’, de Allen Watson. Site: https://circleofa.org/workbook-companion/the-introduction-to-the-workbook/

Um milagre é uma correção. Ele não cria e realmente não muda nada. Apenas olha para a devastação e lembra à mente que o que ela vê é falso. Desfaz o erro, mas não tenta ir além da percepção, nem superar a função do perdão. Assim, permanece nos limites do tempo. LE.II.13

Nada real pode ser ameaçado.
Nada irreal existe.
Nisso está a paz de Deus.
T.In.2:2-4

Autor

Graduação: Engenheiro Operacional Químico. Graduação: Engenheiro de Segurança do Trabalho. Pós-Graduação: Marketing PUC/RS. Pós-Graduação: Administração de Materiais, Negociações e Compras FGV/SP. Consultor de Empresas: Projeto OREM® - Organizações Baseadas na Espiritualidade (OBEs). Estudante e Pesquisador Independente sobre Espiritualidade Não-Dualista; Psicofilosofia Huna e Ho’oponopono; A Profecia Celestina; Um Curso em Milagres (UCEM); Espiritualidade no Ambiente de Trabalho (EAT); A Organização Baseada na Espiritualidade (OBE). Certificação: “The Self I-Dentity Through Ho’oponopono® - SITH® - Business Ho’oponopono” - 2022.

0 0 votes
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
0
Would love your thoughts, please comment.x