Tendo como base a ideia e a proposta do livro “365 Days Through A Course in Miracles – A Daily Devotional”, de Jeff Nance, o objetivo dessa série de artigos do Projeto OREM® – OREM3 é analisarmos todo o material disponível e relevante sobre o Livro de Exercícios de Um Curso em Milagres para cada exercício diário, de maneira a auxiliar e facilitar o entendimento sobre o sistema de pensamento do Curso.

Para cada dia de estudo, nós estaremos incluindo também uma parte relevante do livro Texto, uma parte relevante do Material Suplementar (Cadernos de Taquigrafia de Helen Schucman e Versão Urtext de UCEM), alguns artigos relevantes de Professores Avançados e as próprias lições do Livro de Exercícios para cada dia (365 dias).

Lembrando que grande parte dos materiais suplementares (cadernos de taquigrafia de Helen e versão Urtext de UCEM), que constarão nessa série de artigos, não foram considerados na edição final de Um Curso em Milagres, por terem sido considerados “muito pessoais” pela equipe responsável pela edição1, porém importantes como material complementar, como nós veremos a seguir, por se tratar da ensinamentos compartilhados pelo autor do livro (Jesus).

Veja detalhes em artigo na Categoria “Um Curso em Milagres” de número 12 – “As versões iniciais e a edição de UCEM”.

Como diz Jeff Nance, “milagres não faltam!”

Nota: Nós consideramos que o estudante se beneficiará dessa série de artigos do Projeto OREM® a partir do momento que, já tendo concluída a leitura do livro Texto, realizado os exercícios e práticas do Livro de Exercícios e concluída a leitura do Manual de Professores, estará, portanto, nesse momento, retomando uma segunda rodada de conhecimento e entendimento do sistema de pensamento de Um Curso em Milagres (UCEM).

“Esse curso é um começo, não um fim…” (T-Prefácio)

Tradução livre Projeto OREM®

Dia 6

“27.) Milagres dependem do tempo.

É por isso que você não deve perder tempo. Eu lhe disse há algum tempo que o tempo cessaria quando não fosse mais útil como auxiliar de aprendizado. Existe uma maneira de acelerar isso. E isso é deixando cada vez mais tempo para Mim. Então você pode devotá-lo a milagres.

A PRIMEIRA PARTE do que você escreveu ontem à noite está certa. Verifique isso agora. ((Corrigido por conselho.)) A segunda parte foi colocada por você, porque você não gostou da primeira. Foi uma tentativa de restabelecer o seu próprio controle sobre o tempo. Lembre-se, você não pode ficar sem saber que horas são.

Eu NÃO ESTOU INTERVINDO na sua vontade, mas eu ESTOU tentando libertá-la.

Eu disse a você que a próxima parte do curso colocará uma ênfase crescente na Expiação. E eu defini isso como ‘desfazer’. Você sabe muito bem que mudar os padrões de aprendizagem exige desfazer os antigos.

O verdadeiro significado da inibição retroativa é simplesmente que quando dois tipos de aprendizagem coexistem, eles interferem um no outro. Você foi sábia em configurar William Radford para permitir medir tanto os antigos quanto os novos aprendizados e, assim, permitir a MEDIÇÃO DE PROPORÇÃO.

Na verdade, eu ajudei você nisso. (Eu estou bravo com isso), porque a maioria dos estudos apenas mede o decréscimo de aprendizado causado pelo novo aprendizado sobre o antigo. Mas a ênfase DEVE ser em como minimizar o efeito do velho sobre o novo.

Essa é uma área muito mais útil para trabalhar.

Tudo o que resulta em falta de amor ((o que você chamava de pecado)) é resultado de um aprendizado inferior que, se aprendido demais, torna-se muito instável.

28.) Milagres são um caminho para desfazer padrões super aprendidos de falta de amor. Eles trazem luz para as trevas. É aí que reside o seu valor de expiação.

NÃO fique atolada naqueles sonhos de ontem à noite. Eles são reflexos de antigos padrões de aprendizagem e surgiram porque você não gostou do que eu disse sobre deixar as minúcias para mim. Eles apenas ilustram a sua relutância em se atrapalhar porque você tem medo do curso. Portanto, não os use dessa maneira. Se você estiver tentado a fazer isso, peça a Bill para impedi-la.

Esse curso é sobre disponibilidade, NÃO falta de disponibilidade. A falta de disponibilidade deve ser substituída pela disponibilidade, porque a disponibilidade faz parte da prontidão, sem a qual o aprendizado não pode ocorrer.

Vá e procure expiação e depois vista-se. Para economizar tempo, vista EXATAMENTE o que eu digo e vá.

Expiação – obsoleto – abreviação de ‘definir em um’ ou reconciliar; ‘concordar.’ Obviamente, antes que a reconciliação ou o acordo seja possível, o discordante ou fora de acordo deve ser desfeito. Isso pode parecer que a escuridão deve ser dissipada ANTES que a luz possa entrar, mas a verdade é que a escuridão é dissipada pela luz.

Ontem à noite eu estava planejando digitar o Curso para você, mas fui estritamente ordenada a não voltar a ele antes de superar Wally.

Parece que o Curso tem muitas respostas e carrega muitos créditos de pontos culminantes, mas como você sempre diz, você tem que saber as perguntas primeiro.

Essa manhã eu pedi ajuda com Wally1. A resposta parece estar nos pontos 6) e 7).

É por isso que Ele me deu o Cálice para Wally. Pertence a ele, mas ele não o encontrou.

1Sugerimos a leitura dos artigos 15 – O que é um Milagre em UCEM? – Parte I e 16 – O que é um Milagre em UCEM? – Parte II.

Algo está acontecendo comigo: de repente eu entendo, mas tudo que eu me lembro é que veio com a percepção de que NÃO era o que eu pensava. Então eu tenho a lição abaixo, simples.

Diga a Bill que não importa que ele não se lembre de sonhar com…

Deixe tudo para ele – os meus sentimentos em relação a Gary, Art, etc., todos os quais eu posso simplesmente me referir a ele e NÃO ficar atolado. Esse é o verdadeiro segredo de não desperdiçar energia.

Eu pedi para ele ficar com o meu inconsciente enquanto eu dormia e acabei desmaiando.

Correções relativas ao ponto 24 teias de ferro. Isso está de cabeça para baixo como dito. A parte sobre ‘unir a fragilidade humana com a força de Deus’ está correta, mas a explicação acaba cedo demais. Se o ferro é a ‘matéria-prima’, as teias de aranha não podem se tornar o ferro. Isso é apenas o que parece, porque as teias de aranha estão associadas à sua fragilidade e o ferro à força. Se você observar atentamente o fraseado, verá que está invertido (um ponto já lhe diz que os milagres invertem as leis físicas ou de ordem inferior).

A matéria-prima, ou ferro, é pesada, mas bruta e representa o corpo, que é uma criação bruta. O conceito de teia de aranha está mais próximo de como o corpo DEVE ser visto, ou seja, como um lar arejado e temporário, que pode ser simplesmente levado com uma leve brisa.

24b.) O ponto deveria ser ‘Um milagre desperta a consciência no nível da realidade [awareness] de que o espírito e não o corpo, é o altar da Verdade. Esse é o reconhecimento que leva ao poder de cura do milagre.’

29.) Um milagre rearranja a ordem da percepção e coloca todos os níveis em perspectiva verdadeira. Isso cura em todos os níveis porque a doença vem da confusão de níveis.

(Eu devo ter me confundido – eu repeti isso para trás. Corrigido conforme)

((Conte a Bill sobre a ideia (que ainda é obscura para Helen) de que a razão não é que você (no plural) se distancia, duvida ou não pode acreditar. É mais uma formação de reação contra uma atração que vocês dois reconhecem ser tão intensa que vocês têm medo de ser desenraizada. Mas lembre-se de que uma teia de aranha é realmente mais forte que o ferro, se você a enxergar corretamente. Esse medo também é o motivo pelo qual você não conseguiu entender direito.))”

Urtext – Esclarecimento de Termos (Mente – Espírito continuação)

“O espírito é a parte que ainda está em contato com Deus através do Espírito Santo, Que habita nessa parte, mas vê também a outra. O termo ‘alma’ não é usado a não ser em citações Bíblicas diretas devido à sua natureza altamente controversa. Seria, no entanto, equivalente a ‘espírito’, compreendendo que, sendo de Deus, ela é eterna e nunca nasceu.

A outra parte da mente é inteiramente ilusória e só produz ilusões. O Espírito retém o potencial para criar, mas a sua Vontade, que é de Deus, parece estar prisioneira enquanto a mente não é unificada. A criação continua sem nenhum decréscimo porque essa é a Vontade de Deus. Essa Vontade é sempre unificada e, portanto, não tem significado nesse mundo. Não tem opostos nem graus.”

Urtext – Livro de Exercícios para Estudantes

Lição 6

“‘Eu estou transtornado porque vejo algo que não existe.’

Os exercícios com essa ideia são muito similares aos precedentes. Mais uma vez, para qualquer aplicação da ideia, é necessário citar tanto o nome da forma do transtorno [raiva, medo, preocupação, depressão, e assim por diante] quanto da fonte, tal como a percebes de modo bem específico. Por exemplo:

‘Eu estou com raiva de _____ porque eu vejo algo que não existe.’

‘Eu estou preocupado com _____ porque eu vejo algo que não existe.’

É útil aplicar a ideia de hoje a qualquer coisa que pareça transtornar-te e ela pode ser usada com proveito ao longo do dia para esse propósito. Todavia, os três ou quatro períodos de prática que são requeridos devem ser precedidos, como antes, de uma investigação da tua mente de cerca de um minuto, e a ideia deve ser aplicada a cada pensamento que te transtorne e que seja descoberto na investigação.

Mais uma vez, se resistes em aplicar a ideia a alguns pensamentos transtornadores mais do que a outros, lembra-te dos dois avisos colocados na lição anterior:

‘Não há pequenos transtornos. Todos eles são igualmente perturbadores para a paz da minha mente.’

E:

‘Eu não posso guardar essa forma de transtorno e abandonar as outras. Assim, para os propósitos destes exercícios, vou considerá-las todas como a mesma.’”

—–

Dia 7

“A propósito, não é verdade que vocês dois sejam ‘APENAS ESCRIBAS’. Você deve se lembrar que os escribas eram homens muito sábios e santos e às vezes são escritos com E maiúsculo. Se você desejar ir mais longe, você pode mudar o significado de ‘apenas’ para ‘meramente’ até ‘honesto’, um termo usado na Bíblia em associação com ‘poder’ ou ‘força’. Diga a Bill que você não poderia fazer esse trocadilho se a frase original estivesse no singular. (Helen de lado sobre gostar mais do primeiro fracasso da suposição.) Resposta: Foi mais bonito, mas esse SIGNIFICA mais. A VERDADEIRA razão pela qual você não gosta é porque se refere a você em uma posição MUITO elevada. Isso deixa você nervosa.)

Esse ponto sobre ‘necessidade industrial’ deve ser lido como ‘corporativo’, referindo-se ao corpo de Cristo que é uma forma de se referir à Igreja. Mas a Igreja de Deus é apenas a soma das almas que ele criou, que É o corpo corporativo de Cristo. Correto para ler: ‘Um Milagre torna as almas uma só em Deus e deixe na próxima parte sobre cooperação.’

Correção adicional: ‘Deus’ deveria ser lido como ‘Cristo’. O Pai e o Filho não são idênticos, mas você PODE dizer ‘Tal Pai, Tal Filho’.

22b.) Milagres fazem as almas uma só em Cristo. O corpo corporativo de Cristo, que é a soma das almas que Deus criou, depende da cooperação e a cooperação depende de milagres.

(Lembre ao Bill de pegar outro caderno. Eu não desisto tão facilmente quanto ELE. Se eu pudesse fazer VOCÊ ouvir, o que já era um milagre em si, eu poderia fazer com que ele registrasse. Ele deveria apreciar isso mais do que qualquer outra pessoa, tendo tido ele mesmo algumas dificuldades com esse problema.)

‘Senhor me cure’ é a única oração legítima. Isso também significa ‘Senhor expia por mim’, porque a única coisa pela qual o homem deve orar é o perdão. Ele TEM todo o resto.

Agora leve isso para o lado pessoal e ouça a lógica divina: Se, quando você tiver sido perdoado, você tem todo o resto e SE VOCÊ TIVER SIDO PERDOADO, então você TEM todo o resto.

Essa é a mais simples de todas as proposições.

SE P então Q … P …. Portanto, Q

A sua verdadeira pergunta é: P é verdadeiro? Se você revisar as evidências, eu penso que achará isso inevitável. Eu fiz um registro muito pessoal para esse efeito e eu sou a única Testemunha completamente Verdadeira de Deus. Você tem todo o direito de examinar as MINHAS credenciais – na verdade, eu a exorto a fazê-lo.

Você não tem lido a Bíblia há anos.

Nota Explicativa Especial: Assim que vocês (Helen e Bill) entrarem na segunda fase, vocês não só estarão dispostos a entrar em comunhão, mas também compreenderão a paz e a alegria.

O vosso compromisso ainda não é total. É por isso que vocês ainda têm mais a aprender do que a ensinar. Quando o vosso equilíbrio se estabilizar, vocês poderão ensinar TANTO quanto aprender. Isso lhes dará a sensação adequada de equilíbrio. Enquanto isso, lembre-se de que NENHUM ESFORÇO É DESPERDIÇADO. A menos que você se lembre disso, você não pode se beneficiar dos MEUS esforços, que são ilimitados.

(Tenha um bom dia.) Já que apenas a eternidade é real, por que não usar a ilusão do tempo de forma construtiva? Você pode se lembrar que ‘debaixo estão os Braços Eternos’.

Peça a ajuda de Bill para orientação sobre as vacinas contra a gripe, mas certifique-se de dizer a ele para não deixar o medo entrar em consideração.

NOTA: CITAÇÃO BÍBLICA: ‘Se você se envergonha de mim diante dos homens, eu me envergonharei de você diante de Deus’. (Helen não tem certeza se ela citou erroneamente o versículo Bíblico) é interpretado como uma ameaça SOMENTE enquanto você permanecer no primeiro passo. (consulte a página 29)

O que REALMENTE significa é que, se você tiver vergonha de Mim (ou vergonha do amor), você projetará e, portanto, tornará impossível que Eu alcance você. Faça todos os esforços que puder para NÃO fazer isso. Eu ajudarei você tanto quanto você me deixar.

Nota sobre Wally: A sua intensa reação a ele envolve negação e projeção.

A principal fraqueza de Wally é a zombaria, que ele utiliza porque está envergonhado pelo amor. Ele AINDA não tem o seu próprio contra componente forte, o que o tornou capaz de sustentar uma grande quantidade de conflito intenso, mas desnecessário. Você o odeia porque ele lembra você de suas soluções que lembra você de seus próprios problemas, que se tornam ampliados por esse tipo de defesa.

A maneira de passar da defesa para a proteção é reconhecer o que REALMENTE está acontecendo com vocês dois e corrigi-lo. A força dele será então sua e a sua será dele. Isto é o que se entende por força dos milagres.

30.) Milagres fazem o tempo e a maré esperar por todos os homens. Eles podem curar os doentes e ressuscitar os mortos porque o próprio homem fez a morte e os impostos e pode abolir ambos.

Nota: Imposto também significa ‘tensão’. (Uma definição para milagres é: ‘Aquele que, ou aquele o qual, é de excelência ou mérito insuperável.’) (Do Dicionário, terceira def.)

Isso mesmo – VOCÊ é um milagre. Deus cria apenas ‘aquilo que, ou aquele que, é de excelência ou mérito insuperável’. O homem também é capaz desse tipo de criação, sendo à imagem e semelhança de seu próprio Criador. Qualquer outra coisa é apenas o seu próprio pesadelo e não existe.

Somente as Criações de Luz são reais.

Contanto que você tome notas precisas, cada palavra é significativa. Mas nem sempre consigo passar. Sempre que possível irei corrigir retroativamente. Certifique-se de anotar todas as correções posteriores.

Isso significa que você está mais receptiva do que quando eu tentei antes.

31.) Milagres são parte de uma cadeia interligada de perdão que, quando completa, é a Expiação. Este processo funciona durante o tempo todo e em todas as dimensões do tempo.

(por exemplo, dado do relatório de Helen reescrever para Esther. Esther machucou algo que você amava, escrevendo um relatório que você considerou muito ruim. Você expiou por ela escrevendo um (em nome dela) que era muito bom. Na verdade, isso não era a sua responsabilidade profissional para fazer isso, mas porque você DE FATO ama o Shield, você reconheceu que, nesse caso, você É a guardiã de seu irmão. Enquanto você não cancelou o pecado de Esther (mais tarde definido como ‘falta de amor’) você DE FATO cancelou os seus EFEITOS.

Algum dia eu quero dizer a Esther que não apenas ela foi perdoada, mas que os efeitos de todos os seus pecados foram cancelados. Isso é o que eu já lhe disse. Quando eu puder contar a ela, ela ficará com medo por muito tempo, porque ela se lembrará de muitas coisas, consciente ou inconscientemente, incluindo o relatório Shield, uma falta de amor que você anulou antecipadamente por um milagre de devoção.

Urtext – Esclarecimento de Termos (Mente – Espírito continuação)

“A mente pode estar certa ou errada, dependendo da voz que escuta. A MENTE CERTA ouve o Espírito Santo, perdoa o mundo e através da visão de Cristo vê o mundo real em seu lugar. Essa é a visão final, a última percepção, a condição na qual o próprio Deus dá o passo final. Aqui o tempo e as ilusões terminam juntos.

A MENTE ERRADA escuta o ego e dá origem a ilusões: percebendo pecado e justificando a raiva, vendo a culpa, a doença e a morte como reais. Tanto esse mundo quanto o mundo real são ilusões, porque a mente certa meramente não vê, ou perdoa, o que nunca aconteceu. Ela não é, portanto, a MENTE UNA que está na Mente de Cristo, Cuja Vontade é uma com a de Deus.”

Urtext – Livro de Exercícios para Estudantes

Lição 7

“‘Eu vejo só passado.’

É particularmente difícil acreditar nesta ideia a princípio. No entanto, é o fundamento racional para todas as precedentes.

‘É a razão pela qual nada do que vejo significa coisa alguma.’

‘É a razão pela qual dei a tudo o que vejo todo o significado que tem para mim.’

‘É a razão pela qual não compreendo coisa alguma do que vejo.’

‘É a razão pela qual meus pensamentos não significam coisa alguma e são como as coisas que vejo.’

‘É a razão pela qual nunca estou transtornado pela razão que imagino.’

‘É a razão pela qual estou transtornado por ver algo que não existe.’

Ideias velhas sobre o tempo são muito difíceis de serem mudadas porque tudo aquilo em que acreditas tem as suas raízes no tempo e depende de não aprenderes estas novas ideias sobre ele. No entanto, é precisamente por isso que precisas de novas ideias sobre o tempo. Essa primeira ideia sobre ele não é realmente tão estranha quanto possa parecer de início.

Olha para uma xícara, por exemplo: vês uma xícara, ou estás meramente revendo as tuas experiências passadas de pegar uma xícara, estar sedento, beber, sentir a borda de uma xícara contra os teus lábios, tomar café, e assim por diante? E as tuas reações estéticas em relação à xícara, também não estão baseadas em experiências passadas? De que outra maneira saberias se, ao deixá-la cair, esse tipo de xícara quebraria ou não? O que sabes sobre essa xícara exceto o que aprendeste no passado? Exceto pelo teu aprendizado passado, não terias nenhuma ideia do que é essa xícara. Então, será que realmente a vês?

Olha à tua volta. Isso é igualmente verdadeiro para o que quer que seja que olhes. Reconhece isso aplicando a ideia para o dia de hoje indiscriminadamente a qualquer coisa que capte o teu olhar. Por exemplo:

Eu vejo só o passado nesse lápis.

Eu vejo só o passado nesse sapato.

Eu vejo só o passado nessa mão.

Eu vejo só o passado naquele corpo.

Eu vejo só o passado naquele rosto.

Não te detenhas em nada em particular, mas lembra-te de não omitir nada especificamente. Dá uma olhada rápida em cada sujeito e então passa para o seguinte. Três ou quatro períodos de prática, cerca de um minuto cada um, serão suficientes.”

—–

Dia 8

[FIP T-1.III. Expiação e Milagres]

“Eu estou a cargo do processo de Expiação que empreendi começar. A minha parte na Expiação é cancelar todos os erros (isso é, faltas de amor) que de outra parte os seres humanos não poderiam corrigir. Isso é o que a declaração Bíblica ‘debaixo estão os Braços Eternos’ significa.

(Explicação de Helen: Isso significa que Ele irá recuar sempre que os milagres humanos não forem suficientes para fins de expiação. No entanto, é perfeitamente claro que quando uma pessoa pode expiar por milagres, tanto o doador quanto o receptor estão expiando. É melhor expiar dessa maneira em razão dos benefícios mútuos envolvidos.)

Eu teria desfeito o pecado de Esther para todos que foram afetados por isso, é claro, mas isso não teria ajudado VOCÊ. A razão pela qual foi um milagre foi porque não apenas expiou por Esther, mas também por VOCÊ, porque isso evitou que duas crianças fossem prejudicadas. Eu poderia ter garantido a nova concessão para o Shield de qualquer maneira, sendo um membro do conselho do NIH. Mas dessa forma eu poderia cancelar alguns de seus pecados, assim como os de Esther e eu sou parte de vossos Conselhos também.

A razão pela qual você achou tão cansativo reescrever isso foi porque você se ressentiu do pecado de Esther e pensou que ela a colocou em uma posição muito injusta. Mas ninguém pode realmente fazer isso com ninguém. Se você soubesse que você estava realmente realizando um milagre para o Shield, para Esther, para você e para Mim, você o teria feito com VERDADEIRA ALEGRIA.

‘Na medida em que você faz isso em relação ao menor desses, meus filhos’ realmente termina com ‘você faz isso a si mesmo e a MIM’.

Diga a Bill: A razão pela qual VOCÊ vem antes de mim é porque eu não preciso de milagres para a minha própria Expiação, mas eu permaneço no final caso VOCÊ falhe temporariamente.

Eu estou sempre aqui para me proteger contra o fracasso da Suposição. (Esse é um trocadilho especial para Bill. Ele ainda tem a impressão de que precisa de sinais especiais de amor).

Observe também que a linguagem especial aqui é uma combinação de ambos você E dele. Vocês dois se reúnem em Meu Nome.

Pergunta: Há alguma correção que você quer que eu faça nisso?

Resposta: (Em resposta ao pedido de Helen sobre correções.) Sim—Mude a palavra ‘pecado’ para ‘ausência de amor’. Pecado é uma palavra feita pelo homem com conotações de ameaça que ele mesmo inventou. Nenhuma ameaça REAL está envolvida em qualquer lugar. Só porque ‘a natureza abomina o vácuo’, o que é verdade, NÃO se segue que ‘o vácuo é preenchido com o fogo do inferno’. Nada se ganha assustando a si mesmo e isso é muito destrutivo.

32.) Milagres precisam de liberdade do medo. Parte de seu valor de Expiação envolve exatamente isso. A palavra ‘expiar’ realmente significa ‘desfazer’.

O propósito da Expiação é restaurar tudo PARA você. (Isto é, para restaurar a consciência no nível da realidade [awareness]. Esclarecimento posterior.) Você TINHA tudo quando foi criada, assim como todos tiveram.

Tendo sido restaurada ao seu estado original, você naturalmente se torna parte da Expiação. Você agora compartilha da MINHA incapacidade de tolerar a falta de amor em si mesmo e em todos os outros e PRECISA participar da GRANDE CRUZADA para corrigi-la. O slogan desta Cruzada é ‘Ouça, Aprenda e FAÇA’.

Isso significa Ouvir a Minha Voz, Aprender a desfazer o erro e FAZER algo para corrigi-lo.

Os dois primeiros não são suficientes. Os verdadeiros membros do MEU partido são trabalhadores ATIVOS.

O poder de fazer milagres PERTENCE a você. Eu criarei as oportunidades certas para você fazê-los. Mas você precisa estar pronto e disposto a fazê-los, pois já é capaz. Fazê-los trará convicção na capacidade. Eu repito que você verá Milagres através de suas mãos através das MINHAS. A convicção realmente vem através da realização. Lembre-se de que a habilidade é o potencial, Realização é a sua expressão e Expiação é o seu Propósito.

33.) Um milagre é uma Bênção Universal de Deus através de Mim para todos os Meus Irmãos.

Explicação: Você disse uma vez que as almas não podem descansar até que todos tenham encontrado a salvação. Isso é por acaso verdadeiro. É privilégio do perdoado perdoar. Os Discípulos foram oficialmente e especificamente instruídos a curar os outros, como Médicos do Senhor. Eles também foram instruídos a se curarem e foi prometido que eu nunca os deixaria nem os abandonaria. A Expiação é a profissão natural dos Filhos de Deus, porque eles Me professaram.

(AO LADO. Diga a Bill que é isso que o Professor realmente quer dizer. Como um Prof. Associado, ele precisa se tornar associado com a Minha força. Como um Prof. Assistente, você precisa assistir tanto ele QUANTO A MIM. As Crianças precisam tanto de força quanto de ajuda . Você não pode ajudar até que esteja forte. Os Braços Eternos são a sua força e a Sabedoria de Deus é a sua ajuda.)

‘Passará o Céu e a Terra’ significa que não continuarão a existir como estados separados. A minha Palavra, que é a Ressurreição e a Vida, não passará, porque a Vida É Eterna. VOCÊ é a obra de Deus e a Obra Dele é totalmente amável e totalmente amorosa. É assim que o homem TEM QUE pensar de si mesmo em seu coração, porque é isso que ele É.

Acrescente: ‘Como um homem pensa em seu coração, assim ele é.’

Senhor, eu deixarei o meu desejo de ajudá-lo(a) em suas mãos. Se você me disser o que fazer, eu o farei.

E isto, Azra, É a Resposta.

O impacto disso foi incrivelmente intenso, como uma grande explosão de clareza inesperada. Isso foi brevemente tão convincente que parecia que não havia mais nada. O mundo inteiro simplesmente desapareceu.

Quando isso desapareceu, não houve efeito posterior, exceto uma vaga sensação de admiração que também desapareceu, embora um pouco mais lenta.

Disseram-me para não escrever mais nada naquela noite, mas nós retomaríamos o curso pela manhã. Também foi explicado que esse tipo de experiência está no nível da Revelação, que é diferente, mas não de forma alguma fora de acordo.”

Urtext – Esclarecimento de Termos (Mente – Espírito continuação)

“Nesse mundo, a única liberdade restante é a liberdade de escolha, sempre entre duas opções ou duas vozes. A Vontade não está envolvida na percepção em nível de algum e não tem nada a ver com a escolha. A consciência [no nível da percepção] é o mecanismo receptivo, que recebe mensagens de cima ou de baixo, do Espírito Santo ou do ego. A consciência [no nível da percepção] tem níveis e a conscientização pode se deslocar drasticamente, mas não pode transcender o domínio da percepção. Na melhor das hipóteses, ela vem a estar consciente do mundo real e pode ser treinada para fazê-lo cada vez mais. Entretanto, o próprio fato de ter níveis e poder ser treinada demonstra que não é capaz de atingir o conhecimento.”

(Fim de Mente-Espírito)

Urtext – Livro de Exercícios para Estudantes

Lição 8

“‘A minha mente está preocupada com pensamentos passados.’

Essa ideia é a razão pela qual vês só o passado. Ninguém vê coisa alguma realmente. Só é possível ver os próprios pensamentos projetados para fora. A preocupação da mente com o passado é a causa da concepção equivocada acerca do tempo da qual sofre o teu modo de ver. A tua mente não pode apreender o presente, que é o único tempo que existe. Portanto, não pode compreender o tempo e não pode, de fato, compreender coisa alguma.

O único pensamento totalmente verdadeiro que alguém pode manter sobre o passado é que ele não está aqui. Pensar sobre ele de qualquer modo e, portanto, pensar em ilusões. Poucos compreenderam o que está, de fato, implicado em retratar o passado ou em antecipar o futuro. A mente está em branco quando faz isso, porque não está realmente pensando sobre coisa alguma.

O propósito dos exercícios para o dia de hoje é começar a treinar a tua mente a reconhecer quando não está realmente pensando em absoluto. Enquanto ideias sem pensamento preocupam a tua mente, a verdade é bloqueada. Reconhecer que a tua mente tem estado apenas em branco, ao invés de acreditar que está cheia de ideias reais, é o primeiro passo para abrir o caminho para a visão.

Os exercícios para o dia de hoje devem ser feitos de olhos fechados. Isso porque, de fato, não podes ver coisa alguma e é mais fácil reconhecer que, por mais vívido que seja o retrato que possas fazer de um pensamento, não estás vendo coisa alguma. Com o menor investimento possível, investiga a tua mente por cerca de um minuto, como de costume, apenas notando os pensamentos que lá achares. Cita cada um deles pela figura central ou tema que contenha e passa para o seguinte. Começa o período de prática dizendo:

‘Eu pareço estar pensando sobre_________.’

Em seguida, cita cada um dos teus pensamentos especificamente, por exemplo:

‘Eu pareço estar pensando sobre [nome de uma pessoa], sobre [nome de um objeto], sobre [nome de uma emoção],’ e assim por diante, concluindo no final do período de exame da mente com:

‘Mas a minha mente está preocupada com pensamentos passados.’

Isso pode ser feito quatro ou cinco vezes durante o dia, a menos que aches que te irrita. Se achares que é penoso, três ou quatro vezes são suficientes. Contudo, podes achar útil incluir a tua irritação ou qualquer emoção a que a ideia para o dia de hoje possa induzir no próprio exame da mente.”

—–

O professor David Hoffmeister, afirmou em sua apresentação em uma Conferência “A Course in Miracles – ACIM” [“Um Curso em Milagres – UCEM”], denominada “Aceitar a Expiação para si mesmo”:

“Às vezes, as pessoas me perguntam sobre se sentirem ansiosos e com medo em suas mentes e quando estão se sentindo mal e não sabem onde elas estão, ou apenas sentem como se nuvens negras rolassem sem saber de onde vieram. Elas estavam tendo um dia feliz e de repente as nuvens começaram a surgir e o dia feliz saiu pela janela. Mas, como o Curso ensina,

Eu sou responsável pelo que vejo. Eu escolho os sentimentos que experimento e eu decido quanto à meta que quero alcançar. E todas as coisas que parecem me acontecer, eu as peço e as recebo conforme pedi (T-21.II.2:3-5).

Isso é muito apertado, hermético. Isso é romper com a vitimização. É realmente um quadro apertado que Jesus está pintando, o que é bom. Você quer chegar a um ponto em que possa reivindicar o controle de Cristo sobre a sua mente, em vez do controle do ego. Você reclama a sua herança e isso significa pensar com Cristo e pensar com Deus.

Eu diria que se você tivesse que condensar todos os erros aparentes que os estudantes cometem em apenas duas categorias para tentar simplificar as coisas, a primeira categoria seria erros metafísicos onde as pessoas leem o Curso e trabalham com o Curso, às vezes até por muitos anos, mas por causa da resistência do ego, eles realmente não querem entender o que Jesus está realmente ensinando. Porque se você começar a se abrir para o que Ele está ensinando, o ego está fora de serviço. Portanto, é claro que a mente que está se alimentando e se identificando com o ego vai tentar e fazer tudo o que puder para não despertar. Alguns de vocês tiveram a experiência de ler o Curso e ler uma linha e dizer: “O que foi isso? O que eu acabei de ler?” Os olhos se movem sobre as palavras, mas o ego está dizendo “De jeito nenhum. Você não vai conseguir isso hoje. Não, não, não. Você não vai fazer isso.”

É por isso que é tão importante deixar claro a metafísica de que Gary estava falando hoje. [Obs. minha: não disponho do material de Gary, mas temos um artigo na OREM3 – Nº 16 – A Metafísica da Separação e do Perdão, explicada pelo Dr. Wapnick, que disponibilizamos, em tradução livre, para leitura e reflexão] Parece que você está aqui. Você está realmente em casa no Céu, mas está sonhando com o exílio. E o sonho parece muito real. Como a analogia que ele usou, em que o pai diz à criança: “Está tudo bem, você inventou e esqueceu que inventou”. Essas metafísicas são apenas pontos de partida importantes.

Eu continuaria dizendo que a segunda categoria em que os estudantes de Um Curso em Milagres se enquadram e que oferece mais dificuldade é a transferência de erros do treinamento. É aí que você está trabalhando com o Livro de Exercícios e praticando com as lições e o ego deseja fazer exceções para o que quer que seja.

Ok, você está fazendo a lição 48, “Não há nada a temer”. Então você pensa: “Eu tenho o pagamento da hipoteca na sexta-feira, quanto dinheiro está na minha conta bancária, uh oh, quanto dinheiro está na minha conta bancária?” Você começa a perceber que tem medos surgindo, você tem que olhar para o que eles são e é aí que a metafísica pode te ajudar.

Quando eu trabalhava com pessoas, eu apenas dizia que, quando você entra em uma situação difícil, sempre que começa a sentir medo ou ciúme ou raiva ou inveja, ou apenas raiva, é bom ter algumas dessas lições do Curso em mente para ajudar a tirar você disso.

Eu chamo isso de 5, 6, 7 e 8.

‘5. Eu nunca estou transtornado pela razão que imagino.’

‘6. Eu estou transtornado porque vejo algo que não existe.’

‘7. Eu vejo só o passado.’

‘8. A minha mente está preocupada com pensamentos passados.’

Quando você as coloca juntas em um tipo de relacionamento de causa e efeito, você diz: “Oh, eu estou transtornado porque a minha mente está preocupada com pensamentos passados. Eu estou vivendo no passado e ainda relembrando esse instante de terror, esse instante não-santo em que a separação pareceu ocorrer.” Eu estou apenas repassando aqui e o ego está projetando um bom cenário para que eu possa apontar o dedo e dizer: “Oh, eu estou transtornado porque está muito frio na minha casa, a fornalha disparou ou eu estou tão transtornado porque eu acabei de ser demitido, ou eu só estou transtornado porque alguém me cortou na estrada ou a minha esposa me disse que estava me deixando.”

Esses tipos de coisas parecem muito reais nesse mundo. Mas é por isso que precisamos de 5, 6, 7 e 8 repetidamente para liberar a mente dessa falsa relação de causa e efeito, como se o mundo estivesse fazendo isso por você e você estivesse à mercê do mundo [vitimização]. Parece que você está à mercê do sonho e não está.

Agora nós vamos usar esse tempo para trabalhar na transferência do treinamento, porque essa é a segunda área principal. Você começa a fazer o Curso e Jesus diz, tudo bem, nós vamos começar com a lição 1, “Nada do que eu vejo … significa coisa alguma”. Deixe os seus olhos percorrerem a sala e olhar para todos os objetos familiares, essa cadeira não significa nada, esse sofá não significa nada … ”Quando as pessoas chegam a um certo ponto (talvez quando estão olhando em volta e têm fotos da mãe e do pai, ou fotos do filho e da filha) eles dizem: “Ok, vamos pular esse aqui. Ok, essa lâmpada não significa nada …” Isso é uma exceção. Você acabou de abrir uma exceção. Jesus diz: deixe os seus olhos se moverem uniformemente pela sala e lembre-se, o que quer que os seus olhos pousem, isso não significa nada. Ele está usando isso como uma prática para desfazer o caráter especial do pensamento de que certas imagens nesse mundo são muito mais importantes do que outras.

As pessoas dizem: “Eu posso perdoar as minhas baratas; eu posso perdoar essa cadeira, mas a minha MÃE? Você sabe o que ela fez comigo e por quantos anos, eu não consigo perdoar a minha mãe.” Mas é disso que nós estamos falando – a transferência do treinamento.

Houve uma grande história que eu ouvi de Ken Wapnick. Ele foi visitar umas freiras. Ele foi a uma igreja e entrou na área do santuário e as freiras estavam todas estudando Um Curso em Milagres. Elas o convidaram a vir falar com elas sobre metafísica. Basicamente, elas estavam praticando a lição 1, deixando os seus olhos se moverem pelo santuário, “Esses bancos não significam nada, este vitral não significa nada …” – e elas chegaram ao ponto onde vieram para a Eucaristia. Elas disseram, “é claro que nós vamos pular isso.” Nós não podemos dizer isso sobre o corpo de Cristo. Mas, na verdade, Jesus diz isso no Curso. Jesus diz que eu não posso compartilhar o meu corpo com você, eu posso compartilhar a minha mente. Jesus realmente diria que ver a falta de sentido do corpo é uma boa aplicação prática de Seu Curso. Faça isso com a Eucaristia também. Mas quando você foi criado com um sistema que vê aquele corpo como sagrado, é necessário desfazer a crença de que há algo sagrado na forma. A sua mente é sagrada. O seu Ser é sagrado. Tudo na forma é parte da lição de perdão. Você pode ver dessa forma.

Gary Renard tocou sobre a mente essa manhã e eu gostaria de me concentrar nisso hoje. A mente, com plena consciência no nível da realidade da Expiação, sabe que a separação nunca aconteceu.

A plena consciência no nível da realidade da Expiação é que a separação nunca aconteceu.

Eu tenho viajado mais milhas do que você pode imaginar. Eu tenho feito isso há 16 anos e sempre ouço as mesmas perguntas: “Como o impossível aconteceu? Para quem o impossível ocorreu? ” Eu as chamo de perguntas principais. Como isso aconteceu em primeiro lugar? Como poderia a perfeição, como poderia Deus, cometer um erro? Ou como poderia Cristo, que é um Ser perfeito, cometer um erro? E basicamente, é uma declaração. Quando você faz as perguntas: “Como o impossível ocorreu?” ou “Como isso aconteceu em primeiro lugar?” há uma suposição por trás das perguntas. E qual é essa suposição? De que isso aconteceu! Claro que o ego gosta dessa suposição. Então, ele pode fazer todo tipo de perguntas, incluindo como isso aconteceu.

É como se você estivesse em uma busca louca para encontrar a teologia certa, o professor certo, a técnica certa, o mantra certo. Oh meu Deus, a culpa em tentar resolver essa questão. Mas a própria suposição é algo que nós temos que aprender a liberar. Não haverá teologia que surgirá para tirá-lo disso. Não haverá um conceito. Haverá uma experiência que acabará com as suas dúvidas. No Curso, essa experiência é a Expiação. A Expiação é a plena consciência de que a separação nunca aconteceu.

Nesse sentido, Um Curso em Milagres é uma plataforma de lançamento. Você está em uma plataforma de lançamento onde está pronto para decolar em um foguete e subir em uma órbita onde não tem sentido de gravidade. Você está feliz e livre. Um Curso em Milagres é um Livro que foi projetado apenas para ajudá-lo a entrar em órbita, na direção do sentido de Ser, na direção de sua perfeição.

Um dos erros de que falarei hoje, um dos erros metafísicos, é espiritualizar a matéria. Quando você tenta pegar qualquer coisa na forma e torná-la especial ou espiritual, este é o erro. Por exemplo, você já ouviu: “Vá para a Índia e banhe-se no Ganges, é um rio sagrado”. Ou você pode ter ouvido que o óleo que Maria Madalena colocou nos pés de Jesus é o óleo sagrado. Quanto custa agora? Eu quero um pouco daquele óleo que estava nos pés de Jesus. Ou parece funcionar com comida e bebida. Beba da água sagrada. Nós sabemos do Catolicismo que você é batizado com água benta – não é apenas água da torneira, tem que ser água benta. A água deve ser abençoada por um sacerdote para torná-la sagrada. Tudo isso seria espiritualizar erros de matéria, ou tentar tornar algo sagrado na forma quando apenas a sua mente é sagrada. O ego quer que você acredite que existem certas coisas que são sagradas na forma, então você não as esquecerá. Você se apegará a elas, irá ritualizá-las. Você prestará atenção, prestará atenção e prestará atenção. Esse é um exemplo de espiritualização da matéria. Esse é um erro comum.

Outro erro ocorre se você começar a ver qualquer coisa na forma ou no roteiro como sendo causal, uma vez que as imagens são realmente efeitos irreais de uma causa irreal. As imagens do mundo são efeitos irreais. E a causa irreal é o ego. O Curso ensina que Deus não criou esse mundo, Deus criou o eterno. Deus cria em Espírito. Você sabe que todos nós estamos familiarizados com as frases da Bíblia: “Não segure imagens de escultura diante do Senhor teu Deus”. Sempre pensei em bezerros de ouro e coisas assim. Jesus está dizendo que a imagem é do cosmos, as imagens esculpidas são como um véu desenhado sobre a face de Cristo para cobrir a luz.”

Nota : Sugiro estudar os artigos 61 – Aceitar a Expiação para si mesmo – Parte I; 62 – Aceitar a Expiação para si mesmo – Parte II; 63 – Aceitar a Expiação para si mesmo – Parte III; 64 – Aceitar a Expiação para si mesmo – Parte IV.

—–

Imagem jeremy-perkins-oTHXpT6nJsE-unsplash.jpg – 2 de outubro de 2022

Bibliografia da OREM3:

Livro “Um Curso em Milagres” – Livro Texto, Livro de Exercícios e Manual de Professores. Fundação para a Paz Interior. 2ª Edição –  copyright© 1994 da edição em língua portuguesa.

Artigo “Helen and Bill’s Joining: A Window Onto the Heart of A Course in Miracles” (tradução livre: A União de Helen e Bill: Uma Janela no Coração de Um Curso em Milagres”) – Robert Perry, site: https://circleofa.org/

E-book “What is A Course in Miracles” (tradução livre: O que é Um Curso em Milagres) – Robert Perry.

E-book “Autobiography – Helen Cohn Schucman, Ph.D.” – Foundation for Inner Peace (tradução livre: Autobiografia – Helen Cohn Schucman, Ph.D., Fundação para a Paz Interior).

Livro “Uma Introdução Básica a Um Curso em Milagres”,  Dr. Kenneth Wapnick, Ph.D.

Livro “O Desaparecimento do Universo”, Gary R. Renard.

Livro “Absence from Felicity: The Story of Helen Schucman and Her Scribing of A Course in Miracles” (tradução livre: “Ausência de Felicidade: A História de Helen Schucman e Sua Escriba de Um Curso em Milagres”) – Dr. Kenneth Wapnick, Ph.D.

Artigo “A Short History of the Editing and Publishing of A Course in Miracles” (tradução livre: Uma Breve História da Edição e Publicação de Um Curso em Milagres” – Joe R. Jesseph, Ph.D. http://www.miraclestudies.net/history.html

E-book “Study Guide for A Course in Miracles”, Foundation for Inner Peace (tradução livre: Guia de Estudo para Um Curso em Milagres, Fundação para a Paz Interior).

Artigo “The Course’s Use of Language” (tradução livre: “O Uso da Linguagem do Curso”), extraído do livro “The Message of A Course in Miracles” (tradução livre: “A Mensagem de Um Curso em Milagres”) – Dr. Kenneth Wapnick, Ph.D.

Artigo Who Am I? (tradução livre: Quem Sou Eu?) – Beverly Hutchinson McNeff – Site: https://www.miraclecenter.org/wp/who-am-i/

Artigo “Jesus: The Manifestation of the Holy Spirit – Excerpts from the Workshop held at the Foundation for A Course in Miracles – Temecula CA” (tradução livre: Jesus: A Manifestação do Espírito Santo – Trechos da Oficina realizada na Fundação para Um Curso em Milagres – Temecula CA) – Dr. Kenneth Wapnick, Ph.D.

Livro “Quantum Questions” (tradução livre: “Questões Quânticas”) – Ken Wilburn

Livro “Um Retorno ao Amor” – Marianne Williamson.

Glossário do site Foundation for A Course in Miracles (tradução livre: Fundação para Um Curso em Milagres), do Dr. Kenneth Wapnick, https://facim.org/glossary/

Livro Um Curso em Milagres – Esclarecimento de Termos.

Artigo “The Metaphysics of Separation and Forgiveness” (tradução livre: “A Metafísica da Separação e do Perdão”) – Dr. Kenneth Wapnick, Ph.D.

Livro “Os Ensinamentos Místicos de Jesus” – Compilado por David Hoffmeister – 2016 Living Miracles Publications.

Livro “Suplementos de Um Curso em Milagres UCEM – A Canção da Oração” – Helen Schucman – Fundação para a Paz Interior.

Livro “Suplementos de Um Curso em Milagres UCEM – Psicoterapia: Propósito, Processo e Prática.

Workshop “O que significa ser um professor de Deus”, proferido pelo Dr. Kenneth Wapnick, Ph.D..

Artigo escrito pelo escritor Paul West, autor do livro “I Am Love” (tradução livre: “Eu Sou Amor”), blog https://www.voiceforgod.net/.

Artigo “The Beginning Of The World” (tradução livre: “O Começo do Mundo”) – Dr Kenneth Wapnick.

Artigo “Duality as Metaphor in A Course in Miracles” (tradução livre: “Dualidade como Metáfora em Um Curso em Milagres”) – Um providencial e didático artigo, considerado pelo próprio autor como sendo um dos artigos (workshop) mais importantes por ele escrito e agora compartilhado pelo Dr. Kenneth Wapnick, Ph.D.

Artigo “Healing the Dream of Sickness” (tradução livre: “Curando o Sonho da Doença”  – Dr. Kenneth Wapnick, Ph.D.

Livro “The Message of A Course in Miracles – A translation of the Text in plain language” (tradução livre: “A mensagem de Um Curso em Milagres – Uma tradução do Texto em linguagem simples”) – Elizabeth A. Cronkhite.

E-book “Jesus: A New Covenant ACIM” – Chapter 20 – Clearing Beliefs and Desires – Cay Villars – Joininginlight.net© (tradução livre: “Jesus: Uma Nova Aliança UCEM” – Capítulo 20 – Clarificando Crenças e Desejos).

Artigo “Strangers in a Strange World – The Search for Meaning and Hope” (tradução livre: “Estranhos em um mundo estranho – A busca por significado e esperança”), escrito pelo Dr. Kenneth Wapnick e por sua esposa Sra. Gloria Wapnick.

Artigo “To Be in the World and Not of It” (tradução livre: “Estar no Mundo e São Ser Dele”), escrito pelo Dr. Kenneth Wapnick e por sua esposa Sra. Gloria Wapnick.

Site https://circleofa.org/.

Livro “A Course in Miracles – Urtext Manuscripts – Complete Seven Volume Combined Edition. Published by Miracles in Action Press – 2009 1ª Edição.

Tradução livre do capítulo Urtext “The Relationship of Miracles and Revelation” (N 75 4:102).

Artigo “How To Work Miracles” (tradução livre “Como Fazer Milagres”), de Greg Mackie https://circleofa.org/library/how-to-work-miracles/.

Artigo “A New Vision of the Miracle” (tradução livre: “Uma Nova Visão do Milagre”), de Robert Perry https://circleofa.org/library/a-new-vision-of-the-miracle/.

Artigo “What Is a Miracle?” (tradução livre: “O que é um milagre?”), de Robert Perry https://circleofa.org/library/what-is-a-miracle/.

Artigo “How Does ACIM Define Miracle?” (tradução livre: “Como o UCEM define milagre?”), de Bart Bacon https://www.miracles-course.org/index.php?option=com_content&view=article&id=232:how-does-acim-define-miracle&catid=37&Itemid=57.

Livro “Os cinquenta princípios dos milagres de Um Curso em Milagres”, de Kenneth Wapnick, Ph.D..

Artigo “The Fifty Miracle Principles: The Foundation That Jesus Laid For His Course” (tradução livre: “Os cinquenta princípios dos milagres: a base que Jesus estabeleceu para o seu Curso”), de Robert Perry https://circleofa.org/library/the-fifty-miracle-principles-the-foundation-that-jesus-laid-for-his-course/.

Artigo “Ishmael Gilbert, Miracle Worker” (tradução livre: “Ishmael Gilbert, Trabalhador em Milagre”), de Greg Mackie https://circleofa.org/library/ishmael-gilbert-miracle-worker/.

Blog “A versão Urtext da obra Um Curso em Milagres (UCEM)” https://www.umcursoemmilagresurtext.com.br/.

Blog “Course in Miracles Society – CIMS – Original Edition” https://www.jcim.net/about-course-in-miracles-society/.

Site Google tradutor https://translate.google.com.br/?hl=pt-BR.

Site WordReference.com | Dicionários on-line de idiomas https://www.wordreference.com/enpt/entitled.

Artigo “The earlier versions and the editing of A Course in Miracles” (tradução livre: “As versões iniciais e a edição de Um Curso em Milagres), autor Robert Perry https://circleofa.org/library/the-earlier-versions-and-the-editing-of-a-course-in-miracles/.

Livro “A Course in Miracles: Completed and Annotated Edition” (“Edição Completa e Anotada”) – Circle of Atonement.

Livro “Q&A – Detailed Answers to Student-Generated Questions on the Theory and Practice of A Course in Miracles” – Supervised and Edited by Kenneth Wapnick, Ph.D. – Foundation for A Course in Miracles – Publisher (tradução livre: “P&R – Respostas Detalhadas a Questões Geradas por Alunos sobre a Teoria e Prática de Um Curso em Milagres” – Supervisionado e Editado por Kenneth Wapnick, Ph.D. – Fundação para Um Curso em Milagres – Editora)

Artigo “The Importance of Relationships” (tradução livre: “A Importância dos Relacionamentos”), no site https://circleofa.org/library/the-importance-of-relationships/, autor Robert Perry.

Artigo: “The ark of peace is entered two by two” (tradução livre: “Na arca da paz só entram dois a dois”) – Robert Perry Site: https://circleofa.org/library/the-ark-of-peace-is-entered-two-by-two/

Artigo “Living a Course in Miracles As Wrong Minds, Right Minds, and Advanced Teachers – Part 2 of 3 – How Right Minds Live in the World: The Blessing of Forgiveness”, por Dr. Kenneth Wapnick, Ph.D.

Artigo “Living a Course in Miracles As Wrong Minds, Right Minds, and Advanced Teachers – Part 1 of 3 – How Wrong Minds Live in the World: The Ego’s Curse of Specialness”, por Dr. Kenneth Wapnick.

Transcrição do vídeo do Dr. Kenneth Wapnick no YouTube, intitulado: “Judgment” (tradução livre: “Julgamento”).  O artigo completo em inglês no site https://facim.org/transcript-of-kenneth-wapnick-youtube-video-entitled-judgment/.

Trechos do Workshop “The Meaning of Judgment” (tradução livre “O Significado de Julgamento”), realizado na Fundação para Um Curso em Milagres em Roscoe NY, ministrado pelo Dr. Kenneth Wapnick. O artigo completo em inglês no site: https://facim.org/online-learning-aids/excerpt-series/the-meaning-of-judgment/.

Comentários do professor de Deus Allen Watson, que transcrevemos, em tradução livre, do site Circle of Atonement (https://circleofa.org/workbook-companion/what-is-sin/).

Artigo “There is no sin” (tradução livre: “Não há pecado”), Robert Perry, site https://circleofa.org/library/there-is-no-sin/.

Artigo do Professor Greg Mackie, denominado “If God is Love Why do We Suffer?” (tradução livre: “Se Deus é Amor porque nós sofremos?”) https://circleofa.org/library/if-god-is-love-why-do-we-suffer/.

Artigo “The Ten Commandments and A Course in Miracles” (tradução livre: Os Dez Mandamentos e Um Curso em Milagres”), Greg Mackie, site https://circleofa.org/library/the-ten-commandments-and-a-course-in-miracles/.

Artigo escrito pelo Dr. Kenneth Wapnick, Ph.D. e pelo Padre Jesuíta W. Norris Clarke, da Companhia de Jesus, Ph.D., sobre o livro “Um Curso em Milagres e o Cristianismo: Um Diálogo”, disponível no site http://www.miraclestudies.net/Dialogue_Pref.html.

Livro “Um Curso em Milagres e o Cristianismo: Um Diálogo”, escrito pelo Dr. Kenneth Wapnick, Ph.D. e pelo Padre Jesuíta W. Norris Clarke, da Companhia de Jesus, Ph.D..

Artigo do Consultor, Escritor e Professor Rogier Fentener Van Vlissingen, de Nova Iorque, intitulado “A Course in Miracles and Christianity: A Dialogue” (“Um Curso em Milagres e o Cristianismo: Um Diálogo”), disponível no Blog Closing the Circle e acesso no link: https://acimnthomas.blogspot.com/2011/04/course-in-miracles-and-christianity.html.

Artigo sobre o livro “A Course in Miracles and Christianity: A Dialogue” (tradução livre “Um Curso em Milagres e o Cristianismo: Um Diálogo”), escrito por Dr. Kenneth Wapnick, Ph.D. e o Padre Jesuíta W. Norris Clarke, da Companhia de Jesus, Ph.D. Site http://www.miraclestudies.net/Dialogue_Pref.html.

Artigo do professor Robert Perry intitulado “Do we have a chalice list?” (tradução livre: “Temos uma lista de cálice?”), acesso através do link: https://circleofa.org/2009/07/13/do-we-have-a-chalice-list/.

Artigo “The religion of the ego” (tradução livre: “A religião do ego”), Robert Perry, link https://circleofa.org/library/the-religion-of-the-ego/.

Artigo “A New Realities Interview with William N. Thetford, Ph.D.”, conduzida por James Bolen em abril de 1984. Tradução livre Projeto OREM®. Artigo em inglês https://acim.org/archives/a-new-realities-interview-with-william-n-thetford/.

Artigo “Why is sin merely a mistake?” [tradução livre “Por que o pecado é apenas um erro?”], Robert Perry, link https://circleofa.org/library/why-is-sin-merely-a-mistake/.

Artigo “What a difference a few words make” (tradução livre: “Que diferença algumas palavras fazem”), Greg Mackie, disponível no link https://circleofa.org/library/what-a-difference-a-few-words-make/.

Artigo “Near-Death Experiences and A Course in Miracles” [Experiências de Quase-Morte e Um Curso em Milagres], coescrito por Robert Perry, B.A. (Cranborne, United Kingdom) e Greg Mackie, B.A. (Xalapa, Mexico), link https://circleofa.org/library/near-death-experiences-course-miracles/.

Artigo “Near-Death Experiences and A Course in Miracles Revisited” [Experiências de Quase-Morte e Um Curso em Milagres Revisitado], escrito por Greg Mackie, link Revisitado], e pode ser acessado no link https://circleofa.org/library/near-death-experiences-and-a-course-in-miracles-revisited/.

Artigo “Watch With Me, Angels” [Vigiem comigo, anjos], Robert Perry, link https://circleofa.org/library/watch-with-me-angels/.

Artigo transcrito de Workshop apresentado pelo Dr. Kenneth Wapnick, denominado “Watching With Angels [Vigiar com anjos], link: https://facim.org/watching-with-angels-part-1/.

Artigo “How Does Projection Really Work? [Como a Projeção realmente funciona?], Robert Perry, que pode ser acessado através do link https://circleofa.org/library/how-does-projection-really-work/.

Artigo “The Practical Implications of Projection: Summary of a Class Presentation” [tradução livre: “As Implicações Práticas da Projeção: Resumo de uma Apresentação de Aula”] poderá ser acessado através do link  https://circleofa.org/library/practical-implications-projection/.

Artigo “Reverse Projection: “As you see him you will see yourself” [tradução livre: “Projeção Reversa: ‘Assim como tu o vires, verás a ti mesmo’”], Robert Perry, link https://circleofa.org/library/reverse-projection-see-him-see-yourself/.

Artigo denominado “Are we living in a virtual reality” [“Nós estamos vivendo em uma realidade virtual?], Greg Mackie, link https://circleofa.org/library/are-we-living-in-a-virtual-reality/.

Artigo disponibilizado pelo site Pathways of Light, denominado “From Virtual do True Reality” [Da Realidade Virtual à Verdadeira], link https://www.pathwaysoflight.org/daily_inspiration/print_pol-blog/from-virtual-to-true-reality.

Série de artigos denominada “Rewriting the Rules of Virtual Reality” [Reescrevendo as Regras da Realidade Virtual] – partes 1 a 4, Dr. Joe Dispenza, link https://drjoedispenza.com/blogs/dr-joe-s-blog/rewriting-the-rules-of-virtual-reality-part-i.

Artigo “Commentary on What is Salvation” [“Comentário sobre O Que é Salvação”], Allen Watson, link https://circleofa.org/workbook-companion/what-is-salvation/.

Site oficial do Professor Allen Watson http://www.allen-watson.com/;

Artigo “Special Theme: What Is Salvation? [“Tema Especial: O Que É A Salvação?”], Thomas R. Wakechild, que pode ser acessado através do link http://acourseinmiraclesfordummies.com/blog/wp-content/uploads/2014/07/PDF-What-is-Salvation-with-Notes-Upload-7-15-14-ACIM-Workbook-for-Dummies.pdf.

Artigo “The Core Unit of Salvation” [A Unidade Central da Salvação], Robert Perry, link https://circleofa.org/library/the-core-unit-of-salvation/.

Artigo “ACIM Study Guide and Commentary – Chapter 5, Healing and Wholeness – Section III – The Guide to Salvation” [Guia de Estudo e Comentários ACIM – Capítulo 5 – Cura e Integridade – Seção III – O Guia para a Salvação], Allen Watson, acesso através do link http://www.allenwatson.com/uploads/5/0/8/0/50802205/c05s03.pdf.

Artigo “Commentaries on A Course in Miracles – ACIM Text, Section 1.I – Principles of Miracles” (“Comentários sobre Um Curso em Milagres – UCEM Texto, Seção 1.I – Princípios dos Milagres”), Allen Watson, site http://www.allen-watson.com/uploads/5/0/8/0/50802205/c01s01a.pdf

Artigo “A Course in Miracles: The Guide to Salvation” [Um Curso em Milagres: O Guia para a Salvação”], Sean Reagan, acesso através do link https://seanreagan.com/a-course-in-miracles-the-guide-to-salvation/.

Artigo “The Urgency of Doing Our Part in Salvation” [“A Urgência de Fazer Nossa Parte na Salvação”], Greg Mackie, acesso através do link https://circleofa.org/library/urgency-of-doing-our-part-in-salvation/.

Artigo “Shadow Figures” [figuras de sombra], Robert Perry, acesso através do link https://circleofa.org/library/shadow-figures/.

Artigo-estudo intitulado “Shadows of the Past” [Sombras do Passado], Allen A. Watson, acesso através do  link http://www.allen-watson.com/allens-text-commentaries.html.

Recomendamos o site The Pathways of Light Community, para reforços no processo de estudo: https://www.pathwaysoflight.org.

Artigo sobre o Capítulo 17: O Perdão e o Relacionamento Santo – Seção III: Sombras do passado; pode ser acessado através do link: https://www.pathwaysoflight.org/acim_text/print_acim_page/chapter17_section_iii.

Transcrição de palestra do professor David Hoffmeister, estudante, pesquisador e eminente divulgador de UCEM, durante a Conferência “A Course in Miracles – ACIM” [“Um Curso em Milagres”], no mês de fevereiro de 2007, acesso através do link https://awakening-mind.org/resources/publications/accepting-the-atonement-for-yourself/. As diversas palestras do professor David podem ser acessadas, em inglês, no site https://acim-conference.net/past-acim-conferences/.

Trechos do workshop realizado na Fundação para Um Curso em Milagres (Foundation for A Course in Miracles), em Roscoe, Nova Iorque, denominado “Regras para decisões”, Dr. Kenneth Wapnick, Ph.D., no link https://facim.org/online-learning-aids/excerpt-series/rules-for-decision/.

Artigo “Levels of Mind: Looking at the ‘Layers’ of Mind that form Perception” (“Níveis da Mente: Olhando para as ‘Camadas’ da Mente que formam a Percepção”), Site https://miracleshome.org/publications/levelsofmind.htm.

Artigo “To Desire Wholly is to Be” (“Desejar Totalmente é Ser”), do professor David Hoffmeister. Site: https://miracleshome.org/supplements/todesirewholly_171.htm.

Artigo “The Glory of Who We Really Are” [“A glória de quem nós realmente somos”], do professor Greg Mackie. Site: https://circleofa.org/library/the-glory-of-who-we-really-are/?inf_contact_key=2c1c99e05ff3c25330a7916d84d19420680f8914173f9191b1c0223e68310bb1.

Artigo “The difference between horizontal and vertical perception”, Paul West (16/09/2019). Site https://www.voiceforgod.net/blogs/acim-blog/the-difference-between-horizontal-and-vertical-perception.

Artigo “The Holy Relationship: The Source of Your Salvation [“O Relacionamento Santo: A Fonte de Sua Salvação”], Greg Mackie. Site Circle of Atonement, https://circleofa.org/library/holy-relationship-source-of salvation/?inf_contact_key=791ef4a4c578a34f45d28b436fec486d680f8914173f9191b1c0223e68310bb1.

Artigo “On Becoming the Touches of Sweet Harmony – The Holy Relationship as Metaphor – Part 1 and Part 2” [“Sobre se Tornar os Realces da Amena Harmonia – O Relacionamento Santo como Metáfora – Parte 1 e Parte 2”], 1º de junho de 2018, Volume 22 Nº 2 – Junho 2011, Dr. Kenneth Wapnick, Ph.D. Site https://facim.org/becoming-touches-sweet-harmony-holy-relationship-metaphor/.

Livro “Your Immortal Reality: How to Break the Cycle of Birth and Death” (tradução livre: “A Sua Realidade Imortal: Como Quebrar o Ciclo de Nascimento e Morte), de autoria de Gary R. Renard.

Fonte de consulta para a tradução dos Dez Mandamentos em português: https://biblia.com.br/perguntas-biblicas/quais-sao-os-10-mandamentos-e-onde-os-encontramos-na-biblia-cl/.

Artigo “Summary of the Thought System of “A Course in Miracles” [Resumo do Sistema de Pensamento de “Um Curso em Milagres”]. Links https://facim.org/summary-of-the-thought-system-of-a-course-in-miracles-part-1/; https://facim.org/summary-of-the-thought-system-of-a-course-in-miracles-part-2/.

Artigo “Miracles boomeritis” [Boomerite dos Milagres], Robert Perry, https://circleofa.org/library/miracles-boomeritis/.

Livro “Boomerite: Um romance que tornará você livre” [na versão em português; “Boomeritis: A Novel That Will Set You Free”, na versão original em inglês].

Artigo “A brief summary of “The obstacles to peace” [“Um breve resumo de “Os obstáculos à paz”], Robert Perry, site Circle of Atonement, link https://circleofa.org/library/brief-summary-obstacles-to-peace/.

Artigo “A Course in Miracles and ‘The Secret’” [“Um Curso em Milagres e ‘O Segredo’”], Greg Mackie. Site https://circleofa.org/library/a-course-in-miracles-and-the-secret/.

Artigo “How can the Course help us cope with a financial crisis” [“Como o Curso pode nos ajudar a lidar com uma crise financeira?”], Greg Mackie. Site https://circleofa.org/library/course-help-cope-with-financial-crisis/.

Artigo “True Empathy” [“A Verdadeira Empatia”], autor Robert Perry. Site https://circleofa.org/library/true-empathy/.

Artigo: “I NEED BE ANXIOUS OVER NOTHING”, autor Greg Mackie. Site: https://circleofa.org/library/carefree-life/;

Artigo “16-POINT SUMMARY OF THE TEACHING OF A COURSE IN MIRACLES”, autor Robert Perry. Site: https://circleofa.org/library/creation-by-god/

Livro “365 Days Through A Course in Miracles – A Daily Devotional”, de Jeff Nance.

Artigo ‘The Introduction to the Workbook’, de Allen Watson. Site: https://circleofa.org/workbook-companion/the-introduction-to-the-workbook/

Um milagre é uma correção. Ele não cria e realmente não muda nada. Apenas olha para a devastação e lembra à mente que o que ela vê é falso. Desfaz o erro, mas não tenta ir além da percepção, nem superar a função do perdão. Assim, permanece nos limites do tempo. LE.II.13

Nada real pode ser ameaçado.
Nada irreal existe.
Nisso está a paz de Deus.
T.In.2:2-4

Autor

Graduação: Engenheiro Operacional Químico. Graduação: Engenheiro de Segurança do Trabalho. Pós-Graduação: Marketing PUC/RS. Pós-Graduação: Administração de Materiais, Negociações e Compras FGV/SP. Consultor de Empresas: Projeto OREM® - Organizações Baseadas na Espiritualidade (OBEs). Estudante e Pesquisador Independente sobre Espiritualidade Não-Dualista; Psicofilosofia Huna e Ho’oponopono; A Profecia Celestina; Um Curso em Milagres (UCEM); Espiritualidade no Ambiente de Trabalho (EAT); A Organização Baseada na Espiritualidade (OBE). Certificação: “The Self I-Dentity Through Ho’oponopono® - SITH® - Business Ho’oponopono” - 2022.

0 0 votes
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
0
Would love your thoughts, please comment.x